©jenniferaniston/Instagram

Jennifer Aniston e os seus mais sinceros segredos de beleza

Jennifer Aniston e os seus mais sinceros segredos de beleza

A Jennifer Aniston é o exemplo vivo de que a vida da mulher começa aos 50. Estigmatizadas com a menopausa, s gente criou um mito de que os homens quanto mais maduros, mais charmosos ficam, enquanto as mulheres são condenadas ao fim da sensualidade com a falta da produção de óvulos. Ledo engano. E a Jennifer tá aí para mostrar que não é assim que a banda toca em 2021.

Muito mais bonita agora que antes, quando mais jovem, Jennifer esbanja saúde e beleza por onde passa, e todo mundo que saber o segredo do sucesso.

O segredo é muito simples: dinheiro! (E muito trabalho!).

Ao contrário de muitas famosas que creditavam suas sortes ao destino, à genética e algumas até ao pensamento positivo, Jennifer é sincera: para ser linda e maravilhosa precisa ser rica e se dedicar ao trabalho de ser linda. Porque ser bonita dá trabalho, é um trabalho e ela ganha dinheiro com isso, claro!

Mas Jennifer é talvez melhor que as outras, porque ela fala isso abertamente enquanto outras celebridades vendem produtos seus (quando têm suas próprias marcas) ou dos outros (quando fazem publicidade alheia) dizendo estar ali o segredo de beleza delas, quando na verdade nem usam tais produtos, muitas vezes vendidos a preços mais acessíveis para que mais gente compre na ilusão de ser linda e maravilhosa.

Sejamos claros, não é para qualquer mortal porque a maioria de nós é lisa feito sabão.

Quanto custa ser linda e maravilhosa

Para ser linda, Jennifer usa creme antirrugas e hidratantes carérrimos, frequenta os melhores cabeleireiros, e com certeza usa os melhores produtos para as madeixas, faz ginástica todo dia com personal trainer, faz dieta com nutricionista, sem contar que provavelmente faz reposição hormonal com os melhores médicos e tratamentos estéticos com os melhores esteticistas.

A sua vida é ser bonita, o seu trabalho é ser linda.

Então tá, mas dá para ser linda e pobre?

Sejamos sinceras nós também

Se alguém te desse o dinheiro da Jennifer, você se daria ao trabalho de ser bonita?

É preciso ser sincera como a Jennifer a esse ponto: sua beleza não vem do seu interior generoso, do seu pensamento positivo, da meditação, das horas dormidas ou do café da manhã saudável com abacate e da água com limão em jejum (embora ela tenha dito que segue esse protocolo).

Sua beleza vem da sua dedicação em ser bonita.

A maioria das mulheres não tem tempo para se dedicar a isso tudo, seja por falta de dinheiro que por falta de tempo mesmo. Com rotinas duplas ou triplas (trabalho, casa, maternidade), as mulheres estão esgotadas física e psicologicamente, e ser bonita é o último dos seus pensamentos.

Mas é preciso rever tudo isso.

A Jennifer real

Por que estamos falando tudo isso? Parece muito supérfluo falar de uma star quando nós, reles mortais, temos mais o que fazer, roupa para lavar e conta para pagar.

É preciso dizer, primeiramente, por uma questão de consumo consciente. Antes de comprar aquele creme milagroso que vai tirar a ruga em dois dias, ou aquele creme redutor de medidas que emagrece em 2 horas, é preciso lembrar que milagres não existem. As rugas fazem parte da vida, assim como a gordura, e não precisa entrar na paranoia do corpo perfeito porque provavelmente sem dinheiro e muito trabalho os resultados serão escassos.

Mas não é para desanimar. É simplesmente cair na real e abraçar o possível na maior tranquilidade.

Endorfinemos

Aquela frase brega de que “a beleza vem de dentro” é pura verdade. Não é pensamento positivo não, ou não apenas. O fato é que cuidar de si traz benefícios indubitáveis.

Primeiramente, fazer atividade física endorfina. Isso é química e não se discute. Você pode não ficar linda e maravilhosa como a Jennifer, mas pode se sentir muito melhor se conseguir ligar o dane-se tudo e reservar um tempo para você correr, caminhar ou fazer qualquer outra atividade física todo dia, nem que seja dançar na frente do espelho (lembrando: não precisa dinheiro para isso).

Mulheres precisam se colocar pelo menos uma hora por dia em primeiro lugar. Façam esse esforço. Mulheres geralmente pensam primeiro nos filhos, quando têm, depois na casa, senão no trabalho, em primeiro lugar. Uma hora por dia dedicada a si mesma não vai te atrapalhar no trabalho, nem na criação dos filhos, nem no cuidado da casa. Ao contrário, escreve aí, as coisas podem melhorar!

Quem não tiver 1000 reais para comprar um creme antirrugas (quem é que tem?) não precisa chorar. As rugas podem ser cuidadas com amor e pouco, ou nenhum, dinheiro. Elas não nenhum monstro que precise desaparecer da sua vida e existem cremes de todo o preço, inclusive no estilo cosmético natural faça você mesmo com o que tiver em casa.

Não estamos escrevendo isso para que as mulheres acreditem que podem se a Jennifer pode. Mas o seu exemplo é bom porque combate o etarismo, tira as mulheres do estigma da meia-idade, acabadas com a menopausa.

É preciso entender que ser bonita dá trabalho, requer tempo e dinheiro. Nem todo mundo estaria disposto a tal feito ainda que financeiramente pudesse. Justamente! Cada um sabe de si mas a mensagem final é simples: cuidar de si está sim ao alcance de todos e com benefícios para a saúde, para a beleza e para o bem-estar.

Pensem nisso! Endorfinemos!

Talvez te interesse ler também:

FitDance: a ginástica que você faz dançando e nem sente

Exercícios aeróbicos: o que são, quais são e para que servem

Os incríveis benefícios da dança para corpo e alma

Jogar tênis é moda na pandemia. Veja todos os benefícios!

Aproveite a quarentena para ficar em forma com esses vídeos

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *