O Significado do Fogo em Várias Culturas e Religiões

O Significado do Fogo em Várias Culturas e Religiões

O fogo é um elemento vital para a vida humana, a descoberta de como produzi-lo marcou o avanço do homem no período paleolítico na pré-história.

Além de ser um elemento fundamental para a sobrevivência, desde os mais remotos tempos, o fogo vem sendo associado ao Sagrado e à Força Espiritual.

Levando tudo isso em conta, este conteúdo traz as mais variadas simbologias do fogo e seus significados, de acordo com cada cultura, conhecimento e religião.

A Natureza do Fogo

Pela natureza volátil, transformadora, luminosa e calorosa do fogo, seu simbolismo sempre esteve atrelado a significados espirituais, alquímicos e metafísicos. Por isso, a chama do fogo frequentemente esteve e ainda está presente em rituais, cerimônias, templos e práticas de magias.

Simbologias do Fogo em Várias Culturas

A presença do fogo, como símbolo, tem sido constante em muitas culturas e conhecimentos de cada povo.

Nesse contexto, conheça os diversos simbolismos do fogo, com as informações a seguir:

Cultura Chinesa

Na cultura tradicional chinesa, o fogo é um dos 5 elementos que fazem parte da origem da criação. Os outros são madeira, terra, metal e água.

Xintoísmo

Na concepção do Xintoísmo, religião milenar japonesa, este elemento ígneo faz parte da simbologia da roda de fogo, composta por 3 chamas. Essas chamas simbolizam o céu, a terra e a humanidade.

Religião Hindu

Agni (vem do sânscrito e significa fogo) e é o nome de um deus hindu, que é representado pelo fogo e é associado ao relâmpago e ao sol.

Budismo

Os budistas usam o fogo como representação das transformações e ciclos que o ser humano passa, a fim de poder alcançar a iluminação.

Mitologia Grega

Um mito grego associado ao fogo está relacionado com Prometeu que rouba o fogo de Zeus e é punido por isso.

O fogo de Zeus simbolicamente remete ao poder espiritual, ao conhecimento supremo e à imortalidade.

Outra lenda da mitologia grega relacionada ao fogo, conta a história da ave Fênix, que renasceu das cinzas.

Esse mito é uma alusão simbólica da renovação interna e do despertar da matéria para a vida espiritual.

Filosofia Grega

Heráclito, o filósofo grego pré-socrático, compreendia que o fogo era o mais essencial dos 4 elementos que incluíam ar, terra e água.

Ele ficou conhecido como o filósofo do fogo porque defendia a ideia de que o agente criador e transformador era o fogo e que este faz parte do espírito dos homens.

Civilização Romana

Os romanos cultuavam a deusa Vesta representada pelo fogo ardente. Por isso, eles a veneravam mantendo uma chama do fogo acesa guardada no templo por um grupo de sacerdotisas virgens chamadas Vestais

Tradição Celta

As tradições celtas tinham um profundo respeito pelo fogo, por isso, em seus rituais e cultos às forças da natureza eles se reuniam em volta de uma grande fogueira.

Mitologia Havaiana

Entre os várias divindades da Mitologia Havaiana tem Pele, a deusa do fogo, associada ao poder da transmutação e relacionada à luz e aos vulcões.

O antigo povo havaiano tinha o costume de evocá-la através de cânticos sagrados havaianos pronunciando:

“Pele Honua Mea” que significaAquela que Dá Forma à Terra Sagrada” .

Alquimia

Para os alquimistas, o fogo era considerado o elemento essencial dotado do poder de produzir transformações químicas e também espirituais.

Os alquimistas investigaram a união do material e o imaterial, por meio do fogo. Dessa forma, o conhecimento dos alquimistas transcendia a questão física. Pois, na concepção deles, cada ser humano porta o fogo espiritual que pode operar uma transmutação através de uma alquimia interna.

Maçonaria

O fogo está presente nos símbolos e rituais da Maçonaria.

Para os maçons, o fogo representa purificação e poder do espirito.

Zoroatrismo

No Zoroastrismo, o fogo é um símbolo da sabedoria e da Luz Divina. Por isso, os locais sagrados dessa religião eram chamados de Templos de Fogo, onde se mantinha uma chama de fogo acesa continuamente.

Tribos Árabes

Nas antigas tribos árabes era tradição acender as fogueiras e saltar por cima delas, por sete vezes. Esse ato era considerado uma prática de purificação. Além disso, eles usavam as cinzas das fogueiras para passar no corpo e na cabeça, para se livrarem de negatividades.

Bíblia

Em várias passagens da Bíblia, figura o fogo como representação de Deus, seu poder e sua manifestação.

Existem nos textos da Bíblia Sagrada, muitas referências simbólicas do fogo vinculadas à manifestação divina. Algumas delas são:

Êxodo 3:2

“Ali o Anjo do Senhor lhe apareceu numa chama de fogo que saía do meio de uma sarça.

Moisés viu que, embora a sarça estivesse em chamas, não era consumida pelo fogo.”

Lucas 3:16

“João respondeu a todos:

Eu os batizo com água. Mas virá alguém mais poderoso do que eu, tanto que não sou digno nem de desamarrar as correias das suas sandálias. Ele os batizará com o Espírito Santo e com fogo.”

Atos dos Apóstolos 02: 2-4

“De repente veio do céu um som, como de um vento muito forte, e encheu toda a casa na qual estavam assentados.

E viram o que parecia línguas de fogo, que se separaram e pousaram sobre cada um deles.

Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito os capacitava.

Astrologia

O fogo é um dos elementos da Astrologia, estando relacionado aos signos de fogo: áries, leão e sagitário.

O elemento fogo confere força, positividade, dinamismo, entusiasmo, confiança e autoridade a quem está sob sua influência.

Olimpíadas

Desde os tempos da Grécia antiga, é tradição ascender a Chama Olímpica em Olímpia, cidade grega, alguns meses antes dos Jogos Olímpicos dando-se início ao revezamento da Tocha Olímpica com a chama acesa.

Essa tocha vai sendo encaminhada para várias cidades do mundo até chegar à cidade sede da Olímpiada.

A tocha com o fogo aceso é transportada por atletas e cidadãos comuns até o local da celebração de abertura, ficando acesa até a cerimônia de encerramento desse grande evento esportivo. O fogo levado à pira olímpica representa a sabedoria dos deuses.

Kundalini – Fogo Humano

Para vários povos antigos como egípcios, hindus e gregos, o ser humano é portador de uma energia ígnea chamada Kundalini, que pode acender através da coluna e promover sua expansão espiritual.

Esotéricos e metafísicos consideram que a Kundalini seja o fogo sagrado e vital, contido em cada ser humano.

Salamandras – Elementais do Fogo

Para os conhecedores, estudiosos e videntes, cada elemento e ser vivo que faz parte dos reinos da natureza têm seus elementais correspondentes.

No caso do fogo, o seu elemental é a salamandra.

As salamandras estão presentes nos vulcões, nos raios e trovões, no interior da Terra, nas chamas do fogo, no sol e no calor dos corpos.

Arquétipo do Fogo

Arquétipos são simbologias que representam tanto o consciente quanto o inconsciente coletivo, e se originam dos padrões de comportamento enraizados pelos condicionamentos da sociedade humana.

O fogo é um desses arquétipos, e nos remete à várias representações, tais como:

  • Criação
  • Destruição
  • Transformação
  • Paixão
  • Vitalidade
  • Energia sexual
  • Iluminação espiritual
  • Purificação
  • Espirito Santo
  • Santidade
  • Tentação
  • Pecado

O arquétipo do fogo pode representar várias manifestações atreladas ao comportamento humano, tradições e religiões.

Tatuagens com Fogo

Existem pessoas que têm fascínio pelo fogo e até se tatuam com imagens associadas a este elemento, desenhando tochas, velas, labaredas ou raios flamígeros.

Tal predileção pode ser uma projeção do temperamento ou personalidade dessa pessoa e pode revelar atributos que ela tem, como os de ser calorosa, fogosa, sedutora, forte, sensual, impulsiva, dinâmica, enérgica e  corajosa.

Pode também ser uma forma da pessoa expressar seu lado místico e espiritualista, já que o fogo carrega uma simbologia espiritual de renascimento, iluminação, elevação e conexão espiritual.

Sonhar com fogo: significados

Os sonhos podem projetar estados e anseios relacionados com algum problema ou vivência que o sonhador esteja passando.

No caso de sonhar com fogo, os significados irão depender das impressões que o sonhador tem em relação ao fogo. e das circunstâncias em que este elemento se apresenta no sonho.

Nesse contexto, o sonhador precisará fazer uma análise do arquétipo do fogo adaptando a sua realidade.

Para facilitar a compreensão, seguem alguns possíveis significados de sonhos atrelados ao arquétipo do fogo:

Sonhar de ver um incêndio ou de se queimar

Presenciar um incêndio ou se queimar pelo fogo tende a refletir que o sonhador pode estar “se queimando” por alguma situação que esteja vivendo. Pode também representar medo de estar entrando em uma situação perigosa onde possa se queimar.

Sonhar de apagar incêndio

Apagar incêndio pode indicar que o sonhador está vivenciando um problema que precisa ser resolvido com urgência, ou medo de estar vivendo agora algum fogo que precisará ser apagado em algum momento.

Sonhar de estar perto de uma lareira acesa

Estar sentado na frente de uma lareira, pode refletir momentos de paz e aconchego que o sonhador esteja vivenciando.

Sonhar de acender uma vela

Acender uma vela pode significar a busca do sonhador em manter acesa a chama da esperança, de se reanimar frente a um desafio. Também pode ter conotação espiritual.

Apreciar uma fogueira

Ver-se no sonho, apreciando uma fogueira, pode sinalizar que o sonhador esta desfrutando de um momento de mais desprendimento, quietude e calmaria, assim como sonhar de estar perto de uma lareira.

Conversar com o fogo

Quando o sonhador aparece conversando com o fogo pode representar a sua necessidade inconsciente de se conectar ao espiritual.

Adaptando os arquétipos do sonhos à realidade do sonhador

Através desses exemplos, dá para se ter uma ideia das várias conotações que o arquétipo do fogo pode ter nos sonhos, e assim poder “traduzi-lo” para a realidade e a situação que o sonhador esteja vivenciando no mundo físico.

Expressões populares com fogo

O fogo também está presente nos ditos populares.

Veja alguns exemplos:

  • Brincar com fogo – é um dito usado quando se age de forma leviana ou arriscada
  • Cuspindo fogo – significa estar com raiva e estressado
  • Negar fogo – é o mesmo que desistir e desanimar
  • Essa situação é fogo  – algo difícil de resolver
  • Pôr as mãos no fogo  – confiar muito em uma pessoa ou em uma situação.

A Dualidade do Fogo

No Taoísmo, o fogo está associado a uma das duas Força da Criação: a Yang, que é o princípio masculino.

O fogo, por sua vez, é dual e paradoxal, pois tem o poder de:

  • destruir e transformar
  • provocar a morte e o renascimento
  • finalizar e reiniciar
  • queimar e aquecer
  • fazer mal e promover o bem
  • representar a santidade ou o pecado
  • alegorizar o amor ou o ódio
  • figurar como manifestação do Inferno ou da Morada Divina

Com todas essas simbologias e significados, está explicado o porquê do fogo ser considerado sagradosímbolo espiritual ao longo da história humana.

Para mais conteúdos sobre Simbologias e Significados, confira:

Significado das Velas: o que representam e como ussá-las 

Leão, o Rei da Selva. Significado simbólico e da tatuagem

Jacaré: simbologia, significado nos sonhos e importância na Vida

A profunda simbologia dos peixes e seus diversos significados 

Aranhas: como são e se reproduzem. Espécies e Simbologias

Simbologia do cão: TODOS os possíveis significados do cachorro

A Vaca como Símbolo Sagrado e outras Simbologias

Lobo: significado e simbologia. Rompendo paradigmas do Lobo Mau

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *