Povos da Floresta

300 Guarani-Kaiowá reocupam área do seu tekoha Pyelito Kue/Mbarakay

  • por Alice Branco

foto

Essa terra tem dono! Em um comunicado, o Conselho Indigenista Missionário (CIMI) informa que cerca de 300 indígenas Guarani e Kaiowá do tekoha – lugar onde se é – Pyelito Kue/Mbarakay reocuparam ontem, quarta-feira (16) a Fazenda Santa Rita em Iguatemi, Mato Grosso do Sul. Os indígenas, que estavam confinados a poucos hectares, tomaram essa decisão visto sua comunidade, que tem direito à sua terra ancestral já homologada, está em situação insustentável e passando fome. Nesta ação não houve confronto já que na fazenda havia apenas um funcionário.

ONU exorta o Brasil a não expulsar os Guarani Kaiowá de suas terras

  • por Alice Branco

foto

Victoria Tauli-Corpuz, perito independente das Nações Unidas, incitou o Governo do Brasil "a garantir que os direitos humanos dos povos indígenas Guarani Kaiowá sejam plenamente respeitados, em estrita conformidade com as normas internacionais que protegem os direitos dos povos indígenas".

Povos indígenas – comunicar-se é fundamental

  • por Alice Branco

foto

No último dia 9 de agosto comemorou-se o Dia Internacional dos Povos Indígenas instituído pela ONU. A festa deste ano, realizada no Jardim Botânico, zona sul do Rio de Janeiro, reuniu 18 etnias indígenas brasileiras e lançou um projeto voltado à comunicção dos povos indígenas.

Indígenas recusam um bilhão de dólares de gigante do petróleo para a construção de gasoduto no Canadá

  • por Daia Florios

indios canada gas

Uma história para ler em silêncio, deixando de lado os compromissos da vida cotidiana. Um testemunho de amor incondicional e apego à Mãe Terra. Iremos virtualmente à fronteira entre o Canadá e o Alasca, onde vivem os índios Lax Kw'alaams: em suas terras será construído uma usina para a produção de gás natural. Aos índios foi oferecido uma mega compensação em dinheiro, a soma de um bilhão de dólares pela companhia petrolífera Petronas, mas os Lax Kw'alaams recusaram a oferta.

Inaugurada a primeira faculdade indígena do Brasil

  • por Alice Branco

indios pedagogia

No mês passado foi inaugurada a primeira faculdade indígena do Brasil. Esta fica na Aldeia de Porto Lindo, município de Japorã, estado do Mato Grosso do Sul, a 480 km da capital, Campo Grande.