©cottonbro/Pexels

Nem todo narcisista é igual: conheça os tipos grandioso e vulnerável

Nem todo narcisista é igual: conheça os tipos grandioso e vulnerável

Nem todo narcisista é igual, existem pelo menos dois tipos diferentes. Você sabe o que é narcisismo?

Já falamos aqui no greenMe sobre o que é o narcisismo e como ele pode se manifestar. Agora este novo conteúdo traz as duas dimensões do narcisismo, com base em uma recente pesquisa científica.

As informações desta matéria têm como base a publicação do site de jornalismo acadêmico e científico The Conversation, escrito pela psicóloga Nikhila Mahadevan.

Para entender melhor as dimensões do narcisismo, acompanhe o que vem a seguir.

O arquétipo do Narciso

A palavra narcisismo deriva do mito grego Narciso.

De acordo com a mitologia grega, Narciso era filho do deus do rio Cefiso e da ninfa Liriope e se destacava por sua impressionante beleza.

Um dia, a bela ninfa Eco se deparou com Narciso andando na floresta. Ao vê-lo, apaixonou-se perdidamente por ele.

O jovem, por sua vez, não correspondeu à ninfa Eco, deixando-a com o coração partido.

A ninfa Eco ficou muito magoada e recorreu aos deuses para dar uma lição a Narciso.

Foi então que a deusa Nêmesis lançou um encantamento sobre ele, fazendo com que o jovem se apaixonasse pela própria imagem refletida na lagoa.

Narciso passou o resto de sua existência fascinado com a própria imagem, sem poder consumar esse amor, até definhar e morrer.

Após sua morte, a deusa Afrodite o transformou na flor Narciso.

Esse mito se tornou o arquétipo do narcisismo..

Transtorno de Personalidade Narcisista

O transtorno de personalidade narcisista (TPN) ou, simplesmente, narcisismo envolve uma visão exagerada e até doentia de si mesmo, um acentuado senso de superioridade e uma falta de empatia com os outros.

Esse transtorno é  diagnosticado com base no Manual de Diagnóstico Estatístico (DSM-5) para Transtornos da Personalidade.

Dimensões do Narcisismo (Tipos)

Essa pesquisa apontou evidências que sugerem existir duas dimensões do narcisismo.

São elas:

Narcisismo Grandioso

O narcisista grandioso é marcado por arrogância, acentuada vaidade, autoestima exagerada, necessidade de poder, extroversão e assertividade.

Nessa dimensão, o narcisista consegue se destacar sendo sociável, ousado, dominador e atraente.

Narcisismo Vulnerável

O narcisista vulnerável é aquele tipo de pessoa que apresenta egocentrismo, autoconsideração e a necessidade de se destacar perante os demais. Porém, por ser inseguro, ansioso, deprimido, hipersensível e retraído, não consegue se destacar como o narcisista grandioso.

Por conta dessas características, o narcisista vulnerável se apresenta mais tímido e defensivo, o que o dificulta de ter o mesmo engajamento e projeção que o narcisista grandioso tem nas áreas social e profissional.

Status e Inclusão Sociais

Todos os narcisistas sentem desejo e satisfação por status social e inclusão social.

O que é Status Social

O status social diz respeito a ter a admiração e o respeito dos outros, destacando-se como uma pessoa importante na hierarquia social.

Cabe aqui salientar que, de acordo com essa revisão de estudos, o nível de status parece influenciar o bem-estar, a autoestima e a saúde de um indivíduo.

O que é Inclusão Social

A inclusão social relaciona-se a ser aceito pelos outros e estar bem inserido no meio social.

Vale aqui destacar o que diz esse estudo que relaciona a baixa autoestima a um fator que contribui para a exclusão social.

O sucesso dos narcisos

Todos os narcisistas buscam respeito e admiração dos outros. Mas nem todos conseguem.

Esta recente pesquisa quis avaliar se e como cada tipo de narcisista consegue ter status e inclusão social. Para tal, foram recrutados 676 adultos residentes nos Estados Unidos que foram avaliados nos seguintes quesitos:

  • tipo de narcisismo: se era grandioso ou vulnerável
  • intensidade do desejo por status e inclusão
  • até que ponto haviam alcançado seus objetivos

Resultados

Nem todo narcisista consegue ser sucesso de público e crítica. Enquanto os narcisistas grandiosos conseguem de algum modo ter a relevância que anseiam, os narcisistas vulneráveis se ressentem por não conseguirem os aplausos que acreditam merecer.

A pesquisa concluiu que, em relação ao status social, os indivíduos com alto teor de narcisismo grandioso se viam como pessoas que alcançaram status social com sucesso, enquanto aqueles com alto teor de narcisismo vulnerável não o conseguiram.

No que diz respeito à inclusão social, aqueles com alto grau de narcisismo grandioso se viam como quem não deseja e nem alcança a inclusão social. Em contrapartida, os indivíduos com alto teor de narcisismo vulnerável, desejavam a inclusão e ressentiam que não a haviam alcançado.

Embora ambos os tipos de narcisistas anseiem pelo respeito e admiração dos outros, nem todos conseguem.

narcisista grandioso tem facilidade de se destacar, mesmo que seja às custas de se impor aos demais. Já o narcisista vulnerável, embora tenha o mesmo anseio, não consegue ser o centro das atenções e nem se projetar socialmente.

O que as pesquisas apontam é que nem todo narcisista é uma pessoa bem sucedida o quanto aparenta ou pensa de ser. Interessante porque muitos falam em autoestima mas a autoestima exacerbada nem sempre é a chave de sucesso.

Com esses apontamentos deu para perceber que, ironicamente, até para ser um narcisista é preciso ter força e assertividade, não basta se achar a última bolacha do pacote. Tem que ser, de fato, a última bolacha porque senão, o que se tem é um narcisista inseguro, vulnerável que no fundo sabe que usa a máscara do narciso para se proteger.

E para você qual o nível de importância que você dá para o status social e a inclusão social? Já parou para pensar nisso?

Veja alguns conteúdos para desenvolver o autoconhecimento e o equilíbrio:

Para saber sobre outros transtornos, confira:

Psicopatia: o que é, tipos, como reconhecer um psicopata

20 transtornos mentais representados por incríveis ilustrações

Síndrome de Borderline – O que é, Como Lidar, Causas, Sintomas e Tratamentos

Síndrome de Burnout – Quando o esgotamento profissional se torna doença

Saiba o que é TOC, quais são as causas, sintomas e tratamentos

Entenda o que é Disposofobia: a compulsão de acumular coisas

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *