Quando seu fígado não funciona bem, você engorda

fígado

O fígado, a maior víscera do nosso organismo, tem uma função importantíssima - ele limpa, desintoxica, transforma as gorduras que ingerimos, produz gorduras sãs, e hormônios, enfim, sem o fígado não conseguiríamos aproveitar aquilo que comemos, nem nos desfazer das toxinas que produzimos.

Então, quando esta víscera está com seu trabalho prejudicado, nosso organismo inteiro começa a funcionar mal. Ele é o motor do nosso metabolismo, o que distribui os tijolinhos para a formação dos músculos, o que limpa o sangue à razão de 1,5 litros por minuto (tremendo fluxo). E é no fígado que se acumulam as vitaminas que precisamos para que todas as funções orgânicas funcionem como um reloginho. E mais, o fígado é um produtor de energia. Quando você se sente esgotado, com a energia baixa, ou que não a consegue recuperar, dê uma olhada na sua língua, observe seus olhos (a parte branca - esclerótica) pois, o fígado avisa, pela formação de saburra na língua, ou amarelando a esclerótica, antes de começar a doer ou piorar, de que alguma coisa não vai bem.

Você já ouviu falar em “gordura no fígado”? Pois, apesar de ser uma víscera que degrada, transforma e fabrica gorduras boas, ela também pode ser prejudicada pelo acúmulo de gorduras ruins. E quando o fígado está gordo, você estará gordo também e mais, não conseguirá emagrecer. Por outro lado, algumas patologias podem também criar um fígado gordo - e aí recomeça o ciclo, do engordar sem conseguir emagrecer.

Leia mais aqui: GORDURA NO FÍGADO: SINTOMAS, CAUSAS E REMÉDIOS NATURAIS

Em diversos artigos aqui do GreenMe Brasil já focamos os chás mais adequados para você reequilibrar suas funções hepáticas (do fígado e da vesícula biliar) assim como, também já enumeramos uma variedade de alimentos que são bons para o fígado portanto, necessários para a sua saúde.

Agora, a questão é: como limpar o fígado que está acumulado de gordura? Bom, e a questão nem é bem de se limpar o fígado mas sim, de criar as condições para que ele funcione direito, sem tanta sobrecarga.

Leia também: ÁGUA PURA, NOSSA MAIOR RIQUEZA, NOSSO MELHOR REMÉDIO

A alimentação exagerada em carne, de qualquer tipo, causa esse distúrbio, apesar do ser humano ser, inicialmente, carnívoro. Também a ingestão de bebidas alcoólicas, o uso abusivo de açúcar branco, a ingestão de gorduras trans, dentre outras causas como a cirrose hepática, que já é uma consequência do deterioro do fígado. 

Leia também: QUE BEM FAZ BEBER ÁGUA PURA EM JEJUM. VOCÊ SABIA?

Um bom “recuperador” do fígado é o suco de repolho com abacaxi, em jejum, com fibras e tudo. Outro coadjuvante é o chá de carqueja, amargo que só mas, eficiente. E todo suco cítrico, em jejum, também ajudará. O site, La Bioguia, apresenta um suco interessante aqui, de pomelo, limão e alho, dê uma lida na receita.

Mas, fundamental mesmo é você incorporar alimentos saudáveis à sua dieta rotineira, e fazer algum exercício (passear com o seu cachorro ajudará bastante, ou subir e descer escadas) sem que, para isso, você tenha que ir a uma academia. O que importa é sair do pleno sedentarismo ao que nos empurra o tipo de vida que o sistema nos impõe.

Leia também: ÁGUA COM LIMÃO: 10 BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE

Trabalhar, trabalhar, sem viver saudavelmente, não vale o dinheiro que você, eventualmente, possa juntar. O que vale é um fígado saudável e um humor contagiante. Sim, porque quando estamos “mal do fígado” também sofremos de mau humor, o que é péssimo para a nossa vida, e a daqueles que nos rodeiam.

Veja, no vídeo abaixo - uma boa explicação sobre o fígado, suas funções e quando ele trabalha mal:

Especialmente indicados para você:

PURIFICAR O FÍGADO: 10 REMÉDIOS NATURAIS

CONHEÇA 10 ALIMENTOS QUE PURIFICAM O FÍGADO

COMO PURIFICAR O FÍGADO DEPOIS DAS FESTAS: OS CONSELHOS DOS ESPERTOS