Benefícios do Morango: 10 razões para comer mais e mais

Benefícios do Morango: 10 razões para comer mais e mais

Os morangos, frutos típicos de inverno aqui no Brasil, são ótimos para a saúde. Com morangos você recebe muitas vitaminas e antioxidantes mas, deve ter muito cuidado com a sua procedência já que, o morango de produção industrial é carregado de agrotóxicos.

É uma fruta muito apreciada in natura e, de preferência, sem açúcar, mas você pode colocar morango em diversos pratos – doces, tortas, geleias, saladas, sucos, batidos, sorvetes, pudins e até em pratos salgados como o risoto.

Para um café da manhã saudável, não há nada melhor do que comer logo cedo uma salada de frutas de variadas cores, em que se incluam alguns morangos bem vermelhos. Ou, no final da tarde, bater algumas frutas no liquidificador – frutas vermelhas, por exemplo, que são carregadinhas de antocianinas e vitaminas – e tomar lentamente, vendo o sol se pôr.

Saúde em copo grande.

Os benefícios do morango para tua saúde

Para aproveitar o melhor de suas propriedades nutricionais, o ideal é consumir morangos regularmente e, melhor ainda, se os morangos estiverem na sua época natural. O que quer dizer que, bom mesmo é morango amadurecido naturalmente, na época e ciclo que a natureza manda.

Morangos são ricos em: 

  • vitaminas como A, C, K, B-6, B1, B2, B3, B5 e folato
  • minerais como cálcio, ferro, magnésio, fósforo, potássio, sódio, zinco, cobre, manganês e selênio
  • antioxidantes como luteína, zeaxantina, caroteno, licopeno. antocianinas, elagitaninos
  • aminoácidos como triptofano, leucina, entre muitos outros.

Veja AQUI a tabela completa.

Confira as 10 melhores razões para você usar e abusar do morango:

Rico em antioxidantes, morango combate o envelhecimento

Junto com as outras frutas vermelhas – groselhas, amoras, ameixas, uvas e bagas silvestres – os morangos estão entre os frutos mais ricos em antioxidantes, substâncias que ajudam o corpo a retardar o processo de envelhecimento do nível de células, protegendo-os contra a ação dos radicais livres.

Este estudo avaliou que o consumo diário de morangos resultou em um aumento modesto, mas significativo, na capacidade antioxidante em uma população saudável.

Este outro estudo concluiu que comer mais frutas e vegetais, incluindo morangos, está associado a menores taxas de incidência e mortalidade por câncer, doenças cardíacas e uma série de outras doenças humanas. Tudo isso, graças aos antioxidantes, os quais o morango é rico!

Excelente fonte de vitamina C, melhora a imunidade

Uma porção de 8 morangos contêm mais vitamina C do que uma laranja. Juntar morango com kiwi, em um batido ou salada de frutas, te dará toda a vitamina C que você precisa.

A vitamina C está associada ao aumento da defesa imunológica, no combate a gripes e resfriados mas é também um poderoso antioxidante, ajuda a dar firmeza na pele pois participa da síntese do colágeno, que por usa vez é importante para a saúde de ligamentos, ossos e músculos.

Morangos equilibram o açúcar no sangue

Alguns estudos já demonstraram que os morangos são capazes de ajudar na regulação dos níveis de açúcar no sangue, impedindo o nosso organismo de fazer picos de glicemia. Portanto, sua ingestão rotineira previne o ganho de peso, alterações de humor, diabetes e hipoglicemia.

Morangos têm propriedades anti-inflamatórias

Morangos têm ação anti-inflamatória, comprovado em alguns estudos, como diz essa revisão.

Este outro estudo fala da ação anti-inflamatória do morango em casos de colite.

Para obter estes benefícios, coma morangos regularmente

Morangos para boa memória e energia

O conteúdo de antocianinas dos morangos contribuem para a transformação dos lipídios em energia e também na melhora da capacidade de memorização.

Morangos têm propriedades anticâncer

Vários estudos sugerem que frutas vermelhas como morangos podem ajudar a prevenir vários tipos de câncer, porque capazes de combater o estresse oxidativo e a inflamação.

Alguns estudos sugerem que morangos inibem a formação de tumor em animais com câncer de boca e em células de câncer de fígado humano.

De acordo com os pesquisadores do Departamento de Medicina Interna da ‘Universidade Estadual de Ohio, os morangos têm ação redutora do desenvolvimento das células pré-cancerosas no câncer de esôfago. Após seis meses de consumo terapêutico de morangos por 36 pacientes, foi registrado um decréscimo significativo no grau histológico das lesões pré-cancerosas no esôfago em 29 casos.

Morangos protegem o esmalte dentário

Morangos contêm xilitol, uma uma substância capaz de proteger os dentes do acúmulo de tártaro e formação de placa bacteriana. Por esta razão, antigamente se usava morango com folhas de sálvia, esfregados nos dentes, para obter seu branqueamento.

Este estudo indica que de fato, o morango ajuda a clarear os dentes, especificamente de manchas causadas pelo consumo de café.

Morango ajuda quem tem artrite e reumatismo

De acordo com a American Arthritis Foundation, o consumo abundante de morangos ajuda a reduzir em até três vezes o risco de artrite. As suas propriedades benéficas também contribuem para combater a artrite, a gota e o reumatismo, assim como tem uma ação positiva contra o metabolismo ósseo. Isso graças à sua riqueza em vitamina C.

Morango combate o colesterol ruim

Este estudo testou a capacidade dos compostos fenólicos do morango para mitigar os efeitos pós-prandiais de uma refeição rica em colesterol ruim, o LDL, bem como investigou os efeitos dos compostos fenólicos no metabolismo dos lipídios (gorduras).

O resultado é que morangos ajudam a combater o colesterol ruim, aliviando seus efeitos maléficos. Portanto, talvez depois de uma refeição rica em gordura, morango de sobremesa é a pedida!

Morango combate doenças cardiovasculares

Doenças cardíacas são as que mais matam em todo o mundo.

Vários estudos relacionam o consumo de frutas vermelhas a um menor risco de mortes relacionadas ao coração.

Isso porque, essas frutinha incluindo morangos, podem elevar o nível do colesterol HDL (bom), equilibrar a pressão arterial e a função das plaquetas sanguíneas.

Contraindicações

O teor de ácidos fenólicos do morango agem positivamente na redução dos processos bioquímicos relacionados com as reações alérgicas. Mas, os morangos também podem causar alergias em algumas pessoas especialmente sensíveis.

Principalmente crianças pequenas podem apresentar alergia ao morango, portanto, introduza essa fruta na alimentação da criança devagarzinho.

Geralmente pessoas sensíveis ao pólen, são as que apresentam alergias ao morango.

Os sintomas mais comuns de alergia ao morango são: coceira, formigamento na boca, dor de cabeça, inchaço dos lábios, rosto, língua ou garganta, o que pode causar problemas respiratórios em casos extremos.

Morangos contêm goitrogênicos (substâncias que dificultam a absorção de iodo e estão associadas à doenças da tireoide como hipotireoidismo, hipertireoidismo, tireoidite de Hashimoto, doença de Graves e câncer da tireoide). Estas substâncias podem interferir na função da glândula tireoide, mas o consumo precisaria bem alto. De qualquer forma, não exagere se você tem esse tipo de problema e consulte um médico.

Morangos na varanda – fácil e bonito

Morango é planta que dá em vaso, jardineira ou jardim. Você até pode cultivar morangos no balcão estreito da janela do seu quarto. Ou em vasos pendurados uns por cima dos outros, no canto da varanda. Ou até, dentro de casa, desde que o lugar dos morangos seja farto de luz e sol direto. Ficam uma beleza, é uma planta muito harmoniosa, de flores brancas, pequeninas. A dica é de que você compre mudas já formadas, assim terá morangos para comer, mais cedo.

Leia mais aqui como plantar morango!

Talvez te interesse ler também:

Bolo de banana fit: escolha a sua receita. Veja 6 opções

Alface americana: a mais gostosa é também a mais saudável?

Queijo cottage: diferenças, benefícios e formas de usar

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *