Castanha-do-brasil: um concentrado de nutrientes! Excelente para saúde

Castanha-do-brasil: um concentrado de nutrientes! Excelente para saúde

Elas são chamadas de castanhas-do-brasil na Europa, nós a chamamos de castanha-do-pará, mas, na realidade, são produzidas também na Bolívia e no Peru, além do Brasil. Vamos conhecer todos benefícios dessa fruta seca, ou de casca rija como alguns preferem chamar, porque são um concentrado de nutrientes necessários e excelentes para todo o corpo.

Características

A árvore que produz a castanha-do.brasil é a Bertholletia excelsa, árvore muito grande e majestosa, vive até 300 anos e só é encontrada nas regiões da Amazônia porque só ali existem insetos polinizadores capazes de quebrarem as suas sementes lenhosas resistentes.

Ela produz frutos grandes semelhantes aos cocos que quando abertos contêm até 20 castanhas-do-brasil dentro de suas cascas!

Propriedades nutricionais e benefícios medicinais

Coisa boa, coisa nossa: além de serem particularmente gostosas, as castanhas-do-brasil (ou do Pará) são extremamente ricas em nutrientes essenciais para o nosso corpo, presentes nestes frutos tão pequenos e em quantidades realmente relevantes. Basta comer um par de castanhas ao dia para adquirir um monte de energia!

As castanhas-do-brasil são um concentrado de nutrientes. Entre alguns minerais presentes neste fruto seco estão ferro, zinco, magnésio, cálcio e potássio, além das vitaminas do complexo B e outros nutrientes excelentes para a saúde de todo o corpo, como por exemplo:

Vitamina E

Em particular, estes frutos contêm uma grande quantidade de vitamina E (cerca de 7,87mg por 100g).

Essa vitamina é um antioxidante que ajuda a proteger seu corpo do estresse oxidativo, prevenindo o envelhecimento precoce, as doenças inflamatórias crônicas como diabetes e artrites.

A vitamina E é muito conhecida nos tratamentos dermatológicos para cicatrização de feridas, como fotoprotetor contra os danos causados pelo sol e para tonificar e combater a pele flácida.

Estudos indicam a relação da vitamina E na prevenção de doenças como câncer, desordens relacionas à visão devido à idade, doenças coronarianas e no combate ao declínio cognitivo.

Selênio

A castanha-do-brasil é especialmente rica em selênio (1917 mcg por 100g – provavelmente uma das percentagens mais elevadas na natureza), um mineral com fortes qualidades antioxidantes e útil para diferentes funções do nosso corpo, como na proteção dos neurônios, no funcionamento da tireoide e no fortalecimento do sistema imunológico.

Além disso, o selênio está ligado à prevenção do câncer de próstata, conforme indicam algumas pesquisas.

Antioxidantes

A castanha-do-brasil é muita rica em antioxidantes como selênio, vitamina E e fenóis com fortíssimos poderes anti-inflamatórios. Uma pequena porção de castanhas por dia já ajuda muito na redução da inflamação. Um estudo em 10 pessoas observou que uma única porção de 4 ou 10 castanhas reduziu significativamente o número de marcadores inflamatórios. Redução do colesterol ruim e aumento do bom também já foi relatado em estudos.

Gorduras boas

As “gorduras boas” da castanha-do-brasil, em particular o ácido palmitoléico e o ácido oleico, são muito úteis para abaixar o colesterol ruim, LDL, no sangue. Esses ácidos graxos são saudáveis ​​para o coração pois ajudam a diminuir o risco de doenças cardíacas.

Ácido elágico

A castanha-do-brasil também é rica em ácido elágico além do selênio, os dois beneficiam a saúde do cérebro.

O ácido elágico é um tipo de polifenol com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que combatem a depressão. O selênio também desempenha seu papel na saúde do cérebro pois, sendo um antioxidante, combate demência senil e doenças neurodegenerativas como Alzheimer e Parkinson, como revelam algumas pesquisas.

Fonte saudável de proteína

As castanhas-do-brasil são uma ótima fonte vegana de proteína (14 g por 100 g). Seu uso é especialmente indicado para atletas veganos e vegetarianos.

Contraindicações

A única desvantagem é que estes alimentos são muito calóricos (675 calorias por 100 gramas), então você não deve exagerar, o que é difícil, porque são muito gostosos!

Mas o problema nem é engordar (estudos indicam que nozes e frutas secas ajudam a emagrecer). É que exagerar na dose pode causar toxicidade ao selênio, o que é raro mas pode ser muito perigoso.

Acredita-se que comer de 1 a 3 castanhas-do-brasil por dia seja uma quantidade segura.

Bom apetite e ótima saúde!

Talvez te interesse ler também:

Frutas secas: por que você deveria começar agora o hábito de comê-las sempre

Leite de grão-de-bico é a nova mania! Benefícios e como fazer

Dieta cetogênica não sai da moda, mas a preferida do povo é perigosa

Receitas com abobrinha: ideias fáceis, econômicas e rápidas

Alimentos ricos em zinco para previnir Covid e outras doenças

O que fazer com sobras de pão? Dicas e receitas TOP

Chá de hortelã: benefícios + 5 receitas ÓTIMAS, fáceis de fazer

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *