Pandemia de intoxicação por chumbo: perigo para crianças e adultos

Pandemia de intoxicação por chumbo: perigo para crianças e adultos

Sem perceber, a humanidade é afetada pela toxicidade de metais pesados que, mesmo proibidos em alguns setores, ainda são usados em diversos produtos.

Um desses metais pesados é o chumbo, que devido ao seu alto grau de toxidade pode danificar o cérebro das crianças pelo resto de suas vidas.

O chumbo tem a propriedade de ficar na atmosfera por décadas, por isso, vem comprometendo o desenvolvimento de um terço das crianças do planeta.

Não só a Covid-19 é um problema global, a intoxicação por chumbo também o é! Principalmente, pelo desconhecimento das pessoas sobre como ocorre a exposição a esse metal e os prejuízos que acarreta à saúde humana e ao meio ambiente.

De acordo com a BBC News, existe uma estimativa  que uma em cada três crianças no mundo, um total de 800 milhões de menores, tenha níveis de chumbo no sangue iguais ou superiores a 5 microgramas por decilitro (µg/dL), nível esse que requerem atenção e ação internacional.

O chumbo é tão tóxico que para a Organização Mundial da Saúde (OMS) nenhum nível desse metal pesado é seguro no sangue, ou seja, mesmo em menor quantidade, traz prejuízos para a saúde.

O efeitos duradouros do uso do chumbo

Temos vários exemplos dos efeitos prolongados do chumbo, mesmo seu uso sendo proibido na composição de combustíveis em vários países.

Entre alguns desses exemplos, temos:

  • Londres: um estudo recente descobriu que o chumbo usado tempos atrás na gasolina perdura até hoje no ar dessa cidade britânica. E, olha, que o uso de chumbo nos combustíveis está proibido, no Reino Unido, há mais de 20 anos.
  • Xangai e São Paulo são outras cidades com resultados similares

Onde o chumbo pode ser encontrado?

Apesar de haver proibições ou restrições em relação ao uso do chumbo, este metal ainda continua fazendo parte da produção de vários produtos que utilizamos no dia a dia, tais como:

  • tintas
  • reciclagem de baterias
  • temperos e especiarias
  • agrotóxicos
  • panelas
  • esmalte de cerâmica
  • canos e tubulações de encanamentos
  • soldas em latas de comida
  • cosméticos
  • brinquedos
  • impressão de livros
  • fabricação de armas
  • áreas de lazer e recreação, por causa do geotêxtil permeável, utilizado para colorir o chão

Veja outros exemplos de fontes onde o chumbo pode ser encontrado:

Os prejuízos da toxicidade por chumbo na saúde

A toxicidade do chumbo pode provocar diversos males à saúde, como por exemplo:

  • Pode causar danos irreparáveis ao cérebro das crianças, desencadeando prejuízos neurológicos, cognitivos e físicos para toda a vida.
  • Vários estudos revelaram que níveis de chumbo no sangue superiores a 5 mg/dL estão associados a uma perda irreversível de capacidade intelectual e que o envenenamento por chumbo na infância também repercute em distúrbio comportamental, desencadeando excessiva agressividade em adolescentes e adultos.
  • A OMS enfatiza que o chumbo também causa danos permanentes em adultos, por exemplo, desencadeando maior o risco de hipertensão e danos renais.

Outros danos que a exposição ao chumbo podem causar em adultos são:

  • depressão
  • prejudica o sistema reprodutivo
  • provoca anemia
  • reduz a capacidade intelectual e de raciocínio
  • gera câncer
  • danifica o DNA
  • interfere nas enzimas que auxiliam na síntese da vitamina D
  • enfraquece a imunidade

Além de causar os prejuízos mencionados, o uso demasiado do chumbo e outros metais pesados têm trazido graves danos ambientais e para a saúde de populações:

Como o chumbo intoxica o corpo?

Howard Mielke, professor da Tulane University School of Medicine em Nova Orleans, nos Estados Unidos, esclareceu à BBC News que o chumbo pode prejudicar a saúde por meio de dois mecanismos:

1- “O cálcio é essencial nas sinapses das células nervosas. Se o chumbo ocupar o lugar do cálcio, os sinais não são transmitidos, e as células nervosas morrem. O resultado é um encolhimento do cérebro.”

2- “Se a mãe foi exposta ao chumbo quando criança, seus ossos contêm chumbo. Durante a gravidez, esse chumbo passará para o feto em vez do cálcio.”

Quando a exposição ao chumbo se torna irreversível?

A exposição ao chumbo se torna irreversível quando crianças foram expostas de forma intensiva à esse metal pesado, isto quer dizer, por longos períodos na infância.

Em contrapartida, se a exposição foi menor, o professor Howard Mielke diz que é possível reverter esse quadro:

“Se a exposição foi por um período curto e não de forma intensa, e a fonte de chumbo é rapidamente reduzida, então, o dano pode ser limitado e pode haver uma recuperação.”

Medidas de prevenção ao chumbo

As instituições Unicef e a Pure Earth recomendam ações para os países afetados pela toxicidade do chumbo, dentre as quais estão:

  • monitoramento por meio de testes de chumbo no sangue
  • prevenção da exposição das crianças à produtos que contenham chumbo, como brinquedos e tintas
  • reciclagem segura de baterias e lixo eletrônico

Outras medidas de prevenção recomendáveis, a exemplo das que estão sendo adotadas pela vigilância da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos, são:

  • inspeção de canos em casas construídas antes dos anos 1980
  • evitar o contato com pinturas danificadas
  • lavar as mãos, antes de comer alimentos
  • evitar o uso de objetos de metal e brinquedos velhos

Explicação em vídeo sobre a toxicidade da chumbo

Veja neste vídeo explicações e imagens sobre a ação da toxicidade do chumbo no sistema nervoso humano e cérebro, além de outras informações:

 

A importância da desintoxicação natural

Como visto, é necessário evitar a exposição a produtos que possam conter esse metal pesado.

Além disso, é recomendável buscar ingerir alimentos, sucos e chás que promovam a desintoxicação do organismo.

Existem muitos vegetais e minerais que possuem propriedades desintoxicantes e depurativas, confira em:

É de vital importância realizar a prevenção individual, porque não sabemos, ao certo, o nível de ingestão, inalação e grau de contato que temos com o chumbo e outros metais pesados.

Saiba mais formas de se desintoxicar ou evitar a contaminação por metais pesados como o chumbo, em:

Como se desintoxicar de metais pesados com alimentação

O alimento orgânico tem menos metais pesados e é mais rico em antioxidantes

Zeólita, um mineral desintoxicante, veja como utilizá-lo para purificar o corpo

Casca de banana purifica água contaminada por metais pesados, e pode ser usada em diversos sistemas

Descoberta uma nova planta “come-níquel” que absorve metais pesados ​​do solo

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *