Os Primeiros Sintomas da Artrite Reumatoide e os Tratamentos Naturais

  • atualizado: 
Artrite Reumatoide

A medicina não encontrou, ainda, comprovação exata das causas que desencadeiam a artrite reumatoide. Mesmo assim, é notório, através da análise do histórico clínico dos pacientes, que a incidência dessa doença pode estar associada ao modo de vida, ao metabolismo do enfermo, além de, em certos casos, à propensão genética.

Vamos saber mais sobre essa enfermidade? Neste conteúdo iremos abordar:

  1. O que é artrite reumatoide
  2. Come se distingue essa doença dos outros tipos de artrite
  3. As causas
  4. Os primeiros sintomas
  5. Tratamentos naturais
  6. Observação
  7. A importância da alimentação e hábitos saudáveis

 

1. O QUE É ARTRITE REUMATOIDE

Artrite reumatoide é inflamação de uma ou mais articulações de nosso corpo.

Quando uma articulação está comprometida com artrite, ela se apresenta inchada, avermelhada, quente e muito dolorida.

Uma articulação inflamada, se trata de monoartrite. 

A ocorrência de várias articulações inflamadas é uma poliartrite.

A artrite pode ser simétrica quando acomete, ao mesmo tempo, pares de articulações, como: joelhos, punhos, tornozelos, etc.

A articulação é a região onde há conexão entre dois ou mais ossos.

Certas articulações são conectadas por um tecido fibroso, que une um osso ao outro, os imobilizando, como no caso dos ossos do crânio. Outras articulações são ligadas por cartilagens e permitem mobilidade como os discos vertebrais que unem as vértebras da coluna. Existem também as articulações móveis, que são ligadas por uma cartilagem e uma bolsa cheia de líquido (líquido sinovial), permitindo o movimento dos ossos, sem atrito entre eles, como é o caso dos joelhos, cotovelos, ombros, etc.

Existem várias doenças que acometem as articulações e que podem se manifestar de forma conjunta com a artrite reumatoide ou sem a incidência dessa doença, mas apresentando sintomas similares.

Entre elas podemos citar:

  • Lúpus
  • Gota
  • Osteoartrite
  • Artrite séptica (infecção da articulação)
  • Artrite psoriásica
  • Doença de Still
  • Espondilite anquilosante
  • Febre reumática

 

Uma das características da artrite reumatoide é o comprometimento da sinóvia, tecido cheio de líquido que localiza-se no centro das articulações. 

A sinóvia serve para diminuir o atrito entre os ossos, como uma espécie de óleo lubrificante.

Não se sabe, ao certo, o que causa a artrite reumatoide, mas fatores autoimunes costumam ter relação com a incidência dessa doença. 

Quando o corpo é acometido por doença autoimune, o organismo passa a atacar as próprias articulações, tendo por consequência a lesão dos seus tecidos. Fatores genéticos podem influir e a existência de determinados genes tem relação á um maior propensão de ter a doença. Familiares,com parentesco de 1º grau, que têm pessoas da família com essa doença, apresentam até 3 vezes mais probabilidades de desenvolver a artrite reumatoide.

Essa doença incide mais em mulheres e pessoas brancas.

A faixa etária, na qual mais ocorre a artrite reumatoide, é entre 30 e 55 anos.

Fumantes têm maior risco de apresentar esta doença.

2. COME ESSA DOENÇA SE DISTINGUE DOS OUTROS TIPOS DE ARTRITE

A artrite reumatoide se distingue de outra doenças, com sintomas similares, pelas seguintes características:

  • Geralmente, se acontece de forma simétrica, ou seja, se atinge uma mão, a outra, também, é afetada; 
  • Costuma acometer a articulação do punho e dos dedos próximos a este.
  • Essa doença pode afetar outras partes do corpo, além, das juntas.
  • Os que sofrem desse problema de saúde podem apresentar fadiga, febre ocasional e falta de energia.

 

3. AS CAUSAS

A artrite reumatoide ocorre de forma gradativa. As articulações são atacadas pelo sistema de defesa do corpo, o sistema imunitário. Em consequência dessa ação do organismo, surgem lesões que alteram a mobilidade das articulações e deformam as juntas.

As causas do (s) porquê (s) do sistema imunológico agir assim, não se sabe ainda a razão com certeza.

Os estudiosos médicos supõem que as doenças autoimunes sejam desencadeadas por fatores genéticos e/ou estilo de vida prejudiciais à saúde, o que desencadeariam o mau funcionamento do corpo.

4. OS PRIMEIROS SINTOMAS

No início, os sintomas podem surgir, de forma corriqueira e serem confundidos com sintomas de outras enfermidades comuns. Pode, também, acontecer, dessa doença aparecer de forma repentina e aguda.

Os sintomas mais comuns, da artrite reumatoide, são:

  • rigidez matinal (corpo duro, ao acordar) que regride durante o dia;
  • mal-estar;
  • diminuição do apetite;
  • perda de peso; cansaço;
  • febre baixa;
  • inchaço nas juntas das mãos, punhos, joelhos e pés;
  • deformação das partes do corpo, onde as articulações são acometidas pela doença.

 

5. TRATAMENTOS NATURAIS

Alguns remédios naturais podem ajudar como coadjuvantes do tratamento que o médico receitar. Podem ajudar a amenizar os sintomas, e até a curar a doença, dependendo de cada caso em particular e, de acordo com o diagnóstico médico. Somente um médico pode aconselhar o melhor tratamento considerando cada caso em especifico. Abaixo seguem alguns remédios caseiros de conhecimento popular que ajudam no tratamento da artrite reumatoide. 

Chá de Bardana com Erva-doce e Cavalinha:

Possuem propriedades anti-inflamatórias e cicatrizantes, usadas juntas, seus efeitos aumentam.

Para utilizar, ferva 3 xícaras de água com 1 colher de raízes de bardana, 2 de erva doce, 2 de cavalinha.

Deixar esfriar, coe e tome 1 xícara meia hora antes do almoço e do jantar.

Chá de Cúrcuma com Alcaçuz e Malva:

Esses vegetais são ricos em antioxidantes que fortalecem a imunidade e aliviam a dor e a inflamação causada pela artrite.

Para fazer esse chá, coloca-se 1 colher de folhas secas de cúrcuma, 1 de alcaçuz, 2 de malva em 1 xícara de água fervente, em infusão, por uns 15 minutos. 

Após esfriar, coe e tome 3 xícaras deste chá por dia.

Chá de Sálvia e Alecrim:

Essas plantas têm propriedades que diminuem a inflamação causada pela artrite e reumatismo.

Para utilizar esse chá, coloca-se 6 folhas de sálvia, ramos de alecrim em 300 ml de água fervente e deixar em infusão, por uns 15 minutos.

Após esfriar, coar e tomar esse remédio caseiro, 2 vezes ao dia. 

Urtiga:

Esse vegetal tem propriedades depurativas e ajuda no alívio dos sintomas da artrite.

A urtiga pode ser consumida, como alimento, em saladas e a usando em vitaminas.

De forma externa, pode-se utilizar a urtiga como tintura.

Para fazer a sua tintura, se macera algumas folhas de urtiga em meio litro de álcool de 90º, durante 10 dias.

Se utiliza a tintura obtida, a esfregando na região afetada, entre 2 ou 3 vezes ao dia.

Louro:

Para usar o louro com o objetivo de aliviar a inflamação e a dor das articulações, faz-se um chá com suas folhas. Para fazer este chá se coloca um litro de água para ferver, adicione-se 10 gramas de folhas de louro e deixa ferver, por mais 5 minutos. Este chá deve ser aplicado morno, na região afetada, com um pano de algodão.

Deixa-se agir esta compressa, durante 2 minutos.

Repete-se o tratamento 5 vezes, ao dia.

Alecrim:

Essa planta é utilizada em diversos, tratamentos, tais como: dores de cabeça de origem nervosa; pressão alta e nos problemas reumáticos e de artrite.

Para tratamento, no caso de artrite reumatoide, se utiliza o alecrim, externamente, em fomentação, para aliviar as dores. Para uso interno, toma-se o seu chá.

Para preparar o chá de alecrim coloca-se de uma a duas colheres das de sopa de alecrim em meio litro de água.

 Ferve-se e coa-se. Toma-se de uma ou duas xícaras, ao dia.

Outros chás:

Chás depurativos, como cavalinha, dente-de-leão, taiuiá, chapéu-de-couro, mil-em-rama e casca de salgueiro também são indicados para tratamento da artrite reumatoide.

O preparo deles é feito na dosagem de uma colher das de sopa para meio litro de água, ferve-se, coa-se e toma-se estes chás, de duas a quatro xícaras, ao dia.

Salsão:

O salsão alivia inflamações. Esse alimento tem propriedades diuréticas e desintoxicantes. Age no organismo, como remineralizante e depurativo (limpador) do sangue, melhora a digestão, abaixa a pressão arterial, alivia dores articulares e previne contra o câncer.

Esse vegetal pode ser consumido em sucos, infusões e saladas.

Gengibre:

O gengibre é conhecido por suas propriedades anti-inflamatórias e analgésicas.

A raiz do gengibre pode ser usada, topicamente, para reduzir a dor e o inchaço causados pela artrite.

Incluir o gengibre na alimentação, ajuda a diminuir a dor causada por doenças inflamatórias. Pode-se, também, preparar um chá de gengibre, colocando uma raiz em um litro de água fervente.

Cúrcuma: 

A cúrcuma é um anti-inflamatório natural que ajuda a diminuir dores articulares. Para utilizar essa raiz com esta finalidade, se dilui meia colher de cúrcuma, em um copo de água fervendo.

Deixa-se esfriar e toma-se duas vezes ao dia.

Alfafa:

As sementes de alfafa fortalecem nosso sistema imunitário, têm efeito benéfico no tratamento da artrite reumatoide.

A utilização desse tratamento natural é feita cozinhando três colheres, de sopa, de semente de alfafa (não tratada com agrotóxicos) em, um pouco mais de meio litro de água, sem deixar ferver. Coa-se e espreme-se as sementes. Antes de tomar, dilui-se essa solução em água, na proporção de meio a meio.

Tomar quatro xícaras por dia, no mínimo, por 15 dias. 

Sementes de linhaça:

O ácido graxo ômega 3 contido nas sementes de linhaça, é benéfico para tratar a artrite e aliviar dor nas articulações, pois de diminui a inflamação e o desgaste da cartilagem.

Alho:

O alho possui propriedades anti-inflamatórias, depurativas e desintoxicantes. Para usá-lo para este fim, pode-se comer três dentes de alho cru, por dia, ou socar um alho e aplicar, topicamente, na região dolorida. Outra opção, é socar um alho, misturar com o suco de um limão e, só tomar essa mistura, no dia seguinte, em jejum.

Vinagre de maçã: 

Uma opção natural, para melhorar da artrite e combater seus sintomas, é incluir na alimentação salada temperada com 1 colher de vinagre de maçã. O vinagre de maçã por ser feito à partir do suco de maçã fermentado, possui enzimas que dissolvem os depósitos de cálcio das articulações.

Óleo de prímula:

A ingestão regular do óleo de prímula é eficaz no tratamento de artrite reumatoide.

Óleo de Eucalipto:

O óleo de eucalipto é bom para tratar artrite pois contém propriedades analgésicas, antirreumáticas e depurativas, diminui os sintomas das inflamações. 

Pode utilizá-lo em forma de chá ou aplicar em compressas.

Vitaminas e minerais:

A ingestão de vitamina C ajuda na melhora do quadro sintomático da artrite reumatoide.

Quem usa ou já usou em grande quantidade aspirina, é necessário fazer suplementação de vitamina C.

Algumas frutas, ricas em vitamina C, são: o kiwi, a acerola e as frutas cítricas, em geral. Pode-se incluir o consumo dessas frutas, de forma frequente, na alimentação e tomar água com limão, várias vezes ao dia.

O cálcio associado ao magnésio e à vitamina D é benéfico nos casos de artrite reumatoide. Em casos que a artrite reumatoide incide com fragilidade óssea (osteopenia), pode-se fazer uso da dolomita.

Compressas de água fria:

Para reduzir o inchaço e a inflamação articular, pode-se aplicar uma bolsa de gelo na articulação afetada, deixando-a agir, por 15 minutos, com um intervalo mínimo de 30 minutos entre as aplicações.

Água quente:

Utilizar, topicamente, na região afetada uma bolsa de água quente ou uma toalha morna.

Essa aplicação, na região inflamada, ajuda a reduzir a inflamação, além de ter um efeito calmante

6. OBSERVAÇÃO

É importante frisar que os tratamentos naturais ajudam no alívio dos sintomas e, até, na cura dessa doença. Mesmo assim, estas dicas e conselhos não eliminam a necessidade do diagnóstico e acompanhamento médico ao paciente, com essa enfermidade.

Portanto, procure um médico de tua confiança e fale com ele inclusive sobre os tratamentos naturais e dicas sobre estilo de vida, exercícios adequados ao teu caso em especial.

7. A IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO E DOS HÁBITOS SAUDÁVEIS

O importante na ocorrência dessa enfermidade é que se faça a profilaxia e o tratamento, levando em conta, além do acompanhamento médico, uma boa alimentação e hábitos saudáveis, para que o corpo possa responder com sua capacidade regenerativa e restauradora.

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!