A tatuagem que muda de cor e monitora o nível de açúcar no sangue

  • atualizado: 
tatuagem diabetes

A diabetes é um problema de saúde que requer um monitoramento constante da concentração de açúcares no sangue. Agora uma tatuagem especial promete controlar os níveis de açúcar sem qualquer esforço, simplesmente observando alguma alteração na sua cor.

Pessoas com diabetes devem verificar diariamente a situação da doença, o que pode ser uma rotina difícil e desconfortável porque é necessário usar um kit especial várias vezes por dia, resultando que, alguns pacientes, podem desistir desta tarefa constante, porém muito importante.

Para resolver este problema, e tornar a vida mais fácil para os diabéticos, está em estudo a criação de uma tatuagem especial que pode mudar de cor de acordo com as mudanças do nível de açúcar no sangue. A ideia não é totalmente nova, já há alguns anos, pesquisadores da Universidade de San Diego, EUA, estavam trabalhando no desenvolvimento de uma espécie de tatuagem com capacidade similar.

seta

Leia aqui: DIABETES: COMO MEDIR A GLICOSE DE UMA FORMA NÃO-INVASIVA?

Desta vez, um novo dispositivo vem sendo desenvolvido por uma equipe de pesquisadores da Harvard e do MIT, que criou uma tinta reativa chamada DermalAbyss que, quando tatuada no corpo de um paciente com diabetes pode controlar os níveis de açúcar no sangue simplesmente sinalizando o resultado através da cor.

Esta ferramenta especial é de fato capaz de alterar a sua tonalidade em resposta às alterações dos fluidos no interior do corpo.

A substância, uma vez injetada, é sensível, não apenas com relação aos níveis de glicose no sangue, mas também aos de sódio e ao pH do corpo e, potencialmente por conseguinte, também poderia ser útil para controlar outras doenças além da diabetes.

A tatuagem ainda está sendo testada e terá ainda muitos obstáculos a superar antes que poder realmente ser usada sobre a pele humana e garantir segurança, confiabilidade e evitando quaisquer possíveis reações alérgicas.

No entanto, a ideia é promissora. Esperamos nos próximos anos, vê-la aparecer no mercado.

Leia mais sobre Saúde e Bem-estar:

setaGLICEMIA - ALTA E BAIXA: O QUE SÃO E COMO CORRIGI-LAS

setaDIABETES, OVO E VINAGRE → UMA BOA COMBINAÇÃO!

seta5 ALIMENTOS QUE AJUDAM A REDUZIR O AÇÚCAR NO SANGUE