Aloína um poderoso laxante! Será melhor não usar?

  • atualizado: 
Aloína

Aloína na prisão de ventre? Melhor não usar. Reeduque seu intestino, com paciência, água morna e caminhadas, horários e fibras alimentares, isso sim que é bom.

O que é a aloína

A aloína é um composto obtido a partir do suco da planta Aloe (Aloe vera, A barbadensis ou outra aloe qualquer) e é um poderoso laxante. Tão poderoso que seu uso é desaconselhado pois pode causar problemas mais sérios do que ajudar a você.

Aloína não é o gel da babosa, como muita gente pensa e, sim aquele líquido amarelado, resinoso, que tem entre a casca da babosa e o seu miolo, que é onde está o gel. Este composto, natural com certeza, tem propriedades curativas antissépticas, cicatrizantes, vermífugas e antitumorais e, de longa data é usado nas medicinas tradicionais em problemas diversos que envolvem desde diabetes e arteriosclerose a problemas hepáticos e tuberculose. E, claro, você pode encontrar aloína em extrato, em cápsula, em gel ou tintura, nas farmácias de manipulação.

Uso medicinal da aloína

O uso da aloína na medicina popular não é regulamentado pois, ainda não há estudos conclusivos sobre seus possíveis efeitos colaterais ou resultados específicos.

O uso mais comum da aloína é em casos graves de prisão de ventre - quando a evacuação não ocorre a, pelo menos 7 dias, pois este composto provoca o aumento dos movimentos peristálticos, efeito semelhante ao do chá de senne, que ajudará na expulsão de qualquer resíduo que esteja bloqueando o trânsito intestinal. Sim, é usado para desentupir, assim como são usados outros laxantes, químicos ou naturais. Porém, esse uso não é bom pois pode provocar cólicas intestinais fortes, aumentar as hemorróidas e até provocar o esventramento do cólon.

Leia mais:

setaPRISÃO DE VENTRE: ATÉ QUANTOS DIAS É NORMAL NÃO IR AO BANHEIRO?

setaINTESTINO PRESO? CONHEÇA LAXANTES NATURAIS E EFICAZES

Na prisão de ventre, o que acontece?

No caso de prisão de ventre prolongada (pena que chegou a isso, não?) use chá de goiaba, água de aveia, água morna de limão com azeite em vez de apelar para laxantes tão poderosos quanto a aloína. As cápsulas de babosa ou seu suco, apesar de conterem aloína, não contêm o composto puro e, portanto, têm um efeito menos drástico mas, mesmo assim, tenha cuidado com seu uso pois, se você for tomar aloína saiba que ficará grudado ao banheiro durante, no mínimo, 6 horas.

Leia mais sobre os medicamentos naturais para prisão de ventre CONHEÇA 10 FORMAS DE FAZER O SEU INTESTINO FUNCIONAR MELHOR

Contraindicações da aloína

A aloína é totalmente desaconselhada para crianças de qualquer idade e para mulheres grávidas.

Outros efeitos adversos da ingestão de aloína são o desequilíbrio eletrolítico provocado pela perda acentuada de líquidos e sais minerais e um processo diarreico bastante agudo e incômodo.

Especialmente indicado para você:

setaDIETA DUKAN: O QUE É? FUNCIONA? É SAUDÁVEL?‏

setaBABOSA: O QUE ACONTECE AO CORPO SE BEBER UM COPO DE ALOE VERA POR DIA?

setaTUDO SOBRE A BABOSA: BENEFÍCIOS, CONTRAINDICAÇÕES E 15 USOS