Retenção de líquidos: leia estas 6 dicas!

retenção-líquidos

Quem nunca passou um dia sentindo as pernas cansadas e inchadas?

Saiba que uma causa possível para essa sensação de mal-estar é devido à capacidade do nosso corpo em reter líquidos. Algumas pessoas, sobretudo as mulheres, são mais propensas à retenção de líquidos, um problema que gera bastante desconforto.

O que é exatamente a retenção de líquido?

Como a própria expressão diz, a retenção de líquidos é o acúmulo de líquidos nos tecidos do nosso corpo, mas que, em geral, ocorre principalmente nas mãos, pés, pernas, braços e tornozelos. A retenção aparece em forma de inchaço nessas regiões e ocorre por causa da incapacidade do sistema linfático em drenar os fluidos para a corrente sanguínea.

As causas da retenção de líquidos são muitas: alterações hormonais (comuns durante o ciclo menstrual ou na gravidez); sedentarismo; má alimentação; efeitos de certos fármacos ou, até mesmo, certas doenças, como problemas na tireoide, no fígado ou no coração.

A boa notícia é que é possível prevenir a retenção de líquidos. Confira as 6 dicas a seguir: 

1) Alimentação saudável e rica em potássio

Uma alimentação saudável contribui para prevenir e evitar a retenção de líquidos, além de ser bom para a sua saúde de forma geral. Comece cortando os alimentos muito gordurosos, o sal, o açúcar e bebidas alcoólicas. Invista nos alimentos ricos em potássio, mineral que pode ser encontrado em as frutas, vegetais e leguminosas (batata, tomate, cenoura, abóbora, banana, pera, amendoim, abacate, meloa ou mamão são apenas alguns exemplos).

2) Pratique exercício físico

Sofrendo ou não com a retenção de líquidos, praticar exercício físico é algo que só faz bem para a saúde. No caso da retenção de líquidos, a prática de exercício físico melhora a circulação sanguínea, evitando a retenção. Caminhar ou correr são duas boas opções.

CROSSFIT: O QUE É, BENEFÍCIOS, VÍDEO COM EXERCÍCIOS

3) Evite ficar muito tempo na mesma posição

Se o seu trabalho exige que você fique muito tempo sentado ou em pé, tente mudar de posição a cada 30 minutos para estimular a circulação. Levante-se para dar uma volta, faça alguns alongamentos como esticar os braços ou girar os tornozelos, por exemplo. Meias elásticas também dão alívio. 

4) Beba muita água

Beber água é fundamental na luta contra a retenção de líquidos. Tomar de 1,5 a 2 litros de água por dia vai manter o seu organismo hidratado para combater a retenção de líquidos.

BEBER TANTA ÁGUA ACELERA O METABOLISMO E AJUDA A EMAGRECER

5) Eleve as pernas

Manter as pernas (um pouco) elevadas enquanto estiver sentado ou deitado ajudar a estimular a circulação sanguínea e, consequentemente, evitar o desconforto da retenção de líquidos. Coloque almofodas ou um travesseiro quando estiver deitado vendo um filme ou lendo, por exemplo.

DOR NAS PERNAS: COMO ALIVIAR COM REMÉDIOS NATURAIS

6) Faça massagens de drenagem linfática

Massagens de drenagem linfática ativam a circulação sanguínea e melhoram a irrigação dos tecidos corporais. Procure um profissional habilitado nesse tipo de massagem.

Lembre-se!

Todos esses 6 hábitos devem ser conjugados para se obter o efeito desejado, que é evitar a retenção de líquidos. 

Especialmente indicado para você:

BARRIGA INCHADA: QUAIS ALIMENTOS PREFERIR E QUAIS EVITAR

ALIMENTOS DIURÉTICOS: QUAIS SÃO OS MAIS EFICAZES?

Fonte: vidaativa