Como aumentar a confiança em si mesmo

  • atualizado: 
autoconfianca

Ter insegurança em alguns momentos da vida é normal, pois não temos fórmulas prontas para viver. Passamos por momentos inusitados e com os quais temos que aprender a lidar. Entretanto, quando a insegurança começa a ser sintomática, é preciso parar para pensar na causa dela.

Ter confiança sobre quem você é, sobre o que você gosta ou desgosta, sobre o que deixa você confortável são caminhos para estar bem consigo e ser, portanto, feliz. Quando temos confiança em quem somos, conseguir realizar os nossos objetivos e persegui-los com mais objetividade.

Causas da falta de confiança

A falta de confiança tem a ver com problemas de autoestima, sobre a forma como uma pessoa se vê. As razões para isso podem ser várias, desde falta ou excesso de atenção dos adultos com uma pessoa quando criança, excesso de crítica e expectativas, ter passado por situações constrangedoras na infância, ou até mesmo algo momentâneo, causado por um problema circunstancial, como a perda do trabalho.

Em qualquer um desses casos, o importante é ter em conta que a falta de confiança em si mesmo pode se converter em valorização pessoal. O site La Bioguia traz dicas de como adotar algumas práticas com vistas a aumentar a confiança em si mesmo. Confira!

1. Seja você de dentro para fora

Você é a primeira pessoa que deve se ver de forma segura e se valorizar. Não se vista, por exemplo, da forma como você acha que os outros achariam bonito. Seja você mesmo e procure estar à vontade com quem você é. Claro que a impressão que as pessoas têm de nós determina as nossas relações. Mas use o bom senso. Seja você mesmo, mas buscando formas de construir relações.

2. Tenha bom humor

Ninguém aguenta uma pessoa mal humorada. E, além do mais, uma pessoa que sorri tem mais alto astral e é muito mais agradável. Isso não quer dizer que você tem que ter um sorriso no rosto para agradar o outro, porque seria uma atitude bastante falsa, principalmente consigo. Mas leveza e descontração vão trazer benefícios para você, em primeiro lugar.

3. Seja consciente de suas virtudes

Pense consigo sobre as suas qualidade e liste-as para si. Reflita sobre o que você gosta, sobre as suas últimas conquistas e, também, sobre os seus erros. Você vai ver que tem muitos adjetivos para definir-se de forma positiva!

4. Esteja aberto para conhecer pessoas

Se você se mantém aberto para conhecer outras pessoas, perceberá como elas veem você. Às vezes, elas estão vendo muitas qualidades que você ainda não percebeu sobre si mesmo.

Vale puxar um papo com alguém que trabalha no comércio perto da sua casa ou com alguém que passeia com o cachorro na sua rua. Enfim, tome coragem e conheça pessoas.

5. Expresse a sua opinião

Não fique calado quando você não concorda com algo ou quando queira opinar sobre qualquer tema. Há vários espaços para você mostrar o que pensa, claro, sempre, respeitando o que os demais também pensam. A sua opinião pode ser muito importante para alguém, pois, certamente, você tem muito a contribuir.

Especialmente indicado para você:

setaPARA ENCONTRAR O BOM HUMOR, BASTA FAZER UMA BREVE CAMINHADA AO VERDE

setaAUTOESTIMA SE DESENVOLVE, NÃO SE ENSINA