Máscara biodegradável pode ser plantada e vira flor: chega de lixo pandêmico

Máscara biodegradável pode ser plantada e vira flor: chega de lixo pandêmico

Já imaginou plantar sua máscara para que ela se torne uma flor? Isso é possível graças à ideia da designer gráfica holandesa, Marianne de Groot-Pons.

Pensando na enorme quantidade de máscaras descartáveis que são despejadas por aí, Marianne teve a ideia de criar uma máscara sustentável que pudesse ganhar uma nova utilidade depois de usada.

Foi então que ela inventou a máscara biodegradável feita com sementes de flores.

Batizada como Marie Bee Bloom, a máscara biodegradável tem a função de proteger quem a usa, mas também o meio ambiente e estimular a biodiversidade, favorecendo as abelhas e o ser humano que fica protegido do coronavírus.

Essa máscara é 100% biodegradável, pois é feita de papel de arroz, sementes de flores e tiras de lã de ovelha.

As sementes de flores são fixas com uma cola especial à base de água e amido, e o logotipo é pintado com tinta sustentável.

Após o uso, a máscara sustentável pode ser plantada no jardim ou em vasos com terra.

Bem que essa moda podia pegar, a máscara contra o coronavírus virou um item essencial de proteção pessoal, mas está sufocando a Terra de lixo pandêmico.

Gostou dessa ideia? Compartilhe! Quem sabe alguém no Brasil se inspira e produz máscaras desse tipo.

Talvez te interesse ler também:

Lixo humano: pinguim morre com máscara de coronavírus no estômago

O novo cigarro: máscaras e luvas por todo lugar. O lixo humano é irremediável

Na Austrália: máscaras contra o coronavírus viram asfalto

Veja por que você deve cortar as alcinhas da sua máscara

Vacinação Covid-19 e lixo hospitalar: onde isso tudo vai parar?

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *