As raras imagens de uma tribo indígena isolada ameaçada pelos madeireiros de Bolsonaro

  • atualizado: 
tribo indígena

A floresta deles foi parcialmente destruída, apenas uma pequeno pedaço permaneceu intacto. E é exatamente aí onde vivem os Awá, uma das tribos isoladas mais ameaçadas do mundo por madeireiros.

Tem um olhar assustado e dele não se sabe nem o nome. Este Awá vê uma câmera de vídeo pela primeira vez. É a Mídia Índia, uma associação cinematográfica indígena que está filmando a cena para mostrar que na floresta existem tribos indígenas que devem ser protegidas e não despejadas, ameaçadas e mortas.

O vídeo foi filmado pelos Guajajara, uma tribo vizinha que está tentando proteger as ilhas de floresta onde vivem os Awá, e divulgado pela Survival International, organização que apoia os povos indígenas há anos. Estamos no leste do Brasil, não vamos dizer o lugar exato para protegê-los, mas falamos de uma área que sofreu com o desmatamento nos últimos anos.

"De fato, naquela área, a floresta amazônica vem sendo rapidamente destruída e alguns grupos Guajajara patrulham regularmente o território para monitorar as incursões e expulsar os madeireiros. Muitos deles receberam ameaças de morte por isso e alguns foram mortos", publicou a Survival.

Os Awá devem ser tutelados e protegidos porque defendem suas terras ancestrais ao custo de suas próprias vidas. Como outros povos indígenas, vivem com medo, cada vez mais ameaçados por madeireiros e empresários inescrupulosos.

"Muitos deles foram contatados, mas sabe-se que alguns vivem sem contato nas últimas e importantes áreas remanescentes da floresta. Os Guajajara os viram enquanto caçavam e este vídeo é prova de sua existência ", informa a Survival. "Nós, Guardiões, defendemos os direitos de nosso povo, defendemos os direitos dos índios isolados e defendemos a natureza para todos nós", declarou Olimpio Guajajara, Coordenador dos Guardiões da Amazônia. "Três de nós foram assassinados. Precisamos que nossa terra seja definitivamente protegida ”.

Com o presidente Bolsonaro, os ataques aos povos indígenas aumentaram e

"madeireiros e criadores de gado se sentem encorajados a aumentar seus ataques a terras indígenas. Hoje, o desmatamento no território está descontrolado e acampamentos de madeireiros foram identificados junto à área dos Awá isolados”.

"Esperamos que este vídeo produza algo positivo", disse Flay Guajajara, do Mídia Índia, que gravou as imagens. "Esperamos que tenha um impacto internacional e isso ajude a proteger o nosso povo e a nossa floresta".

Awá isolados no Maranhão © Mídia Índia from Survival International Brasil on Vimeo.

Erisvan Guajajara, da Mídia Índia, declarou:

"Não tínhamos a permissão dos Awá para gravar o vídeo, mas sabemos que é importante usar essas imagens porque compreendemos que, se não as mostrarmos ao mundo, os Awá serão mortos por madeireiros. Temos que provar que eles existem e que suas vidas estão em perigo. Usamos essas imagens como um pedido de ajuda, pedimos ao governo para proteger as vidas de nossos parentes que não querem entrar em contato com o exterior ".

"Este vídeo é mais uma prova da existência dos Awá não contatados. E uma simples olhada nas imagens de satélite mostra o quanto estão em perigo ”, disse o diretor-geral da Survival, Stephen Corry.

"Os madeireiros já mataram muitos dos parentes deles e forçaram outros a deixar a floresta. O presidente Bolsonaro e seus amigos na indústria de corte de madeira não desejam outra coisa senão eliminar os sobreviventes. Somente uma mobilização internacional pode salvar os Awá isolados do genocídio".

Talvez te interesse ler também:

MULHERES INDÍGENAS ARRISCAM SUAS VIDAS PARA SALVAR A AMAZÔNIA DOS LOBBIES DO PETRÓLEO

PARQUE INDÍGENA DO XINGU: VIDA, TRADIÇÕES E CULTURA

VITÓRIA DOS ÍNDIOS WAORANI CONTRA OS PETROLEIROS: 200 MIL HECTARES DE FLORESTA AMAZÔNICA A SALVO

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!