Felicidade
Felicidade

O que você faria se te dessem um dia a mais de vida? Aproveite o Ano Bissexto

O ano de 2020 é bissexto, isso significa que temos um dia a mais em nosso tempo. Então fica a pergunta: como você irá aproveitar essas 24 horas adicionais em tua vida?

Este conteúdo traz várias sugestões e propostas para você viver esse dia a mais de uma forma proveitosa. E para fomentar a reflexão, falaremos sobre os principais arrependimentos das pessoas antes da morte.

Todo dia é igual…

Já notou, que os dias passam e temos a sensação de que todo dia é igual?

Apesar da rotina de responsabilidades, trabalho e preocupações, é possível valorizar o dia a dia e se sentir vivo, mesmo que somente por alguns minutos durante a jornada. Afinal, se pararmos por instantes para contemplar a nossa existência, perceberemos várias dádivas que, por vezes não são percebidas, por nos encontrarmos em estados de distração, desânimo, cansaço, tristeza ou agitação.

Além disso, a humanidade vive tão envolvida com as complexidades que se esquece do valor e da grandeza do simples e do natural.

De repente, buscamos conquistar tanta coisa, trabalhar tanto, ter muito…. Porém, viver de verdade que é bom, vai ficando em segundo plano.

Existem pessoas que nem sequer conseguem perceber o ar que respiram. Outras, já não sabem parar e sentir a si mesmas, pois vivem na agitação, correndo para cá e para lá.

Existem aquelas que construíram impérios e no final da existência optaram por viver na Natureza, e de forma simples: a antítese do que lutaram a vida inteira para ter.

Sem contar as pessoas, que no final da existência, à beira da morte, se perguntaram porque deixaram de dar atenção ao que realmente lhes era importante, e que no fundo no fundo, queriam realizar e viver.

Por tudo isso e muito mais, seguem algumas simples sugestões para você aproveitar o dia a mais de 2020, percebendo a oportunidade como um presente divino e, com isso, talvez até adotar uma estratégia para viver melhor todos os dias da sua existência.

As perguntas que não podem escapar

Pergunte o que tem vontade de fazer, o que te faz feliz e o que ama sentir e viver. Baseado nisso, faça uma lista de ações que tem vontade de realizar e, na medida do possível, faça acontecer.

Algumas pessoas podem ter vontade de criar um jardim, outras de viajar, existem aquelas que poderão querer adotar um animal, já outras querem realizar um sonho profissional. Tem gente que simplesmente quer estar em contato com a Natureza, na praia, na colina, enfim… para a criatividade humana, não há limites.

O importante é descobrir-se, saber dos anseios de tua alma e fluir mais com a Vida que és.

Dádiva de viver!

Veja este vídeo para se inspirar a valorizar mais a Dádiva de Viver pois,

“Tudo passa, mas o que vivemos com PRESENÇA nos enriquece!”

Os 5 Maiores Arrependimentos das pessoas à beira da morte

Você já parou para pensar o que está deixando para trás em sua vida? Quais seriam os teus arrependimentos se soubesse que morreria hoje?

Bronnie Ware, uma enfermeira especializada em cuidar de pacientes terminais escreveu um livro sobre essa temática, com o título: Antes de partir: Os 5 principais arrependimentos que as pessoas têm antes de morrer.

Durante muitos anos ela cuidou desses pacientes no final de suas existências e, segundo ela, eles passaram a ter mais clareza de pensamento à beira da morte.

Através desse convívio e troca de experiências, ela apurou os 5 maiores arrependimentos das pessoas próximas da morte, que estão descritos neste vídeo do canal Mude sua Jornada.

Assista e saiba quais são:

Lições preciosas para valorizar a Vida

No livro Antes de partir: os 5 principais arrependimentos que as pessoas têm antes de morrer, Bronnie Ware revela lições preciosas e ensina que…

  • ser quem somos exige vontade e coragem
  • o mais valioso não está nas posses
  • o que realmente importa é como vivemos as nossas vidas
  • cada um tem um potencial para desenvolver e contribuir de forma positiva para com a existência
  • a vida não deve nada a nós, pelo contrário, nós é que ficamos em débito conosco mesmo, quando não nos fazemos felizes
  • cultivar a gratidão em nossa jornada contribui para colhermos a felicidade
  • a culpa é tóxica e só piora a situação
  • solidão não é a falta de pessoas, mas sim de compreensão e aceitação
  • cada dia é uma oportunidade de renovação e de se libertar da prisão que se criou.

Todas essas percepções foram extraídas de relatos de dezenas de pacientes terminais pela escritora Bronnie Ware, e nos revela que a consciência do tempo limitado pode aumentar a valorização de cada instante de Vida!

Reflita sobre o que sua alma anela, veja até que ponto você está distante dela e o que precisa ser feito para você realmente sentir a vida pulsar em ti, para viver com mais satisfação.

Se ganhasse um dia a mais de vida, o que você faria?

À beira da morte muitas pessoas se arrependeram de não ter feito o que tinham vontade de fazer, por terem vivido identificados com obrigações e problemas e que, se pudessem, gostariam de ter a chance de realizar o que não conseguiram fazer até então.

Quantas pessoas gostariam de ter curtido mais a família, outras de viver de forma mais tranquila, sem tantos dramas, de se aventurar pelo mundo, de ligar menos para aparências, de se preocupar de menos com o futuro, de ter sido mais sinceras….

Embora macabro, pensar na morte é uma oportunidade de não deixar para amanhã o que você gostaria de fazer hoje. A morte é a única certeza da vida! Pense nisso e aproveite o teu dia a mais neste ano de 2020.

Talvez te interesse ler também:

Feliz Ano Novo Todos os Dias de 2020. São 366 oportunidades de ser feliz

Teste Psicológico: escolha uma figura e decifre sua poderosa força oculta!

Positividade tóxica: a vida nem sempre é uma festa!

Sobre Deise Aur

Avatar
Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.

Veja Também

Positividade tóxica: “nunca desista” e outras frases que fazem mais mal do que bem

Sabe aquela coisa do pensamento positivo sempre? Pois é, muitas vezes não funciona. Hoje vamos …