Feliz Ano Novo Todos os Dias de 2020. São 366 oportunidades de ser feliz

O Ano Novo, em termos de calendário e marco temporal, pode ser em fevereiro para os chineses, em março para os hindus ou em setembro para os judeus. Porém, o que importa mesmo é como vivemos o novo, em cada dia do ano!

O Ano Novo é comemorado no mundo inteiro em diferentes datas, por diferentes povos. Além da diferença das datas, diferentes povos também celebram a passagem do ano de formas distintas, mas todos têm em comum a intenção de renovação e a busca de realizações como compromisso para o novo ciclo.

Durante os 366 que marcam o nosso calendário, outros povos festejarão um ano novo nos mais diversos meses do ano. Isso significa que o nosso ano novo pessoal pode ser a qualquer data, e pode ser todo dia, pois temos 366 chances de mudar, de renovar, de cancelar o que faz mal e de se abrir para o que faz bem.

Vejamos as tradições do mundo inteiro que passarão pelo ano de 2020, trazendo sempre o fluxo da mudança e da renovação em nós.

Ano Novo Chinês

O início do Ano Novo Chinês é comemorado no fim de Janeiro ou início de Fevereiro, porque os chineses seguem o calendário lunar, associado ao tempo que a Lua faz a volta em torno da Terra. Esse ciclo marca o calendário chinês, baseado no Zodíaco Chinês.

Antes da celebração do Ano Novo, os chineses têm como tradição limpar a casa para afastar tudo que é negativo.

Para atrair boa sorte na passagem de ano, os chineses evitam: lavar os cabelos para não perder a força para o ano que adentra, falar do passado, pronunciar palavras negativas e proximidade de facas ou tesouras, para não “cortarem” os bons fluídos.

O Ano Novo chinês tem início no primeiro dia em que a lua está na fase nova e em 2020 ocorrerá em 25 de janeiro, quando inicia o Ano do Rato, cujo término acontecerá em 11 de fevereiro de 2021.

Segundo as tradições chinesas, 2020, o ano do Rato, será marcado pela chegada de novas oportunidades, realizações de objetivos e ascensão.

Ano Novo Hindu

O início do Ano Novo Hindu varia conforme a região da Índia e  da posição dos astros, mas, basicamente celebra o retorno da deusa da prosperidade, a Lakshimi.

No sul da Índia, o Ano Novo Hindu tem início em 1º de março, no leste e no centro indiano ocorre em 1º de outubro e na comunidade Tâmil em 14 de abril.

O Réveillon Hindu é marcado pela Festa das Luzes, que dura cinco dias e é comemorado com lamparinas e incensos  para afastar as forças do mal.

Na ilha indonésia de Bali comemora-se o dia de Ano Novo Hindu, com a festividade hindu balinesa chamada Nyepi (Dia do Silêncio).

Este dia é um feriado público na Indonésia, no qual os balineses fazem silêncio, jejuam e não saem de casa. Em 2020 o Nyepi será comemorado no dia 25 de março.

A celebração dura desde das 6 horas da madrugada do dia de Ano Novo até às 6 horas da manhã do dia seguinte, e é um período dedicado à reflexão.

Neste dia, várias atividades são restringidas, tais quais: trabalhar, viajar, falar, comer, acender fogos ou luzes fortes e outras. Além disso, ninguém pode sair à rua ou ir para as praias e o único aeroporto de Bali fica fora de funcionamento.

As únicas exceções para toda essa paralisação são as situações de emergências.

Ano Novo Judaico

Para os judeus, o início do Ano Novo acontece no 1º dia do mês de Tishrei, em meados de setembro.

Neste dia comemora-se o Rosh Hashaná, o Ano Novo Judaico e a data é determinada pelas fases da Lua, sendo festejada durante dois dias com farto  banquete.

Após a comemoração ocorre um período de introspecção e meditação de dez dias (Yamim Noraim) que termina no primeiro dia de Yom Kipur.

Outras Datas, outros Povos

Outros povos ao redor do mundo também comemoram o Ano Novo em outras datas. Por exemplo:

No islamismo

Os muçulmanos comemoram o Ano Novo em datas diferentes à cada ano, pois, a data se baseia no calendário lunar.

O calendário isâmico tem como início o ano de 622 d.C., quando Maomé deixou Meca e foi para Medina, fato este que marca a Hégira, que é comemorado durante dez dias, com jejum e atos de compaixão.

No Irã

No Irã, aqueles que seguem a antiga religião da Pérsia, os bahá’is, celebram o Ano Novo entre 2 e 20 de março e têm um calendário astronômico com 19 meses.

Em meados de março, esses religiosos celebram o Ano Novo com rituais de purificação espiritual e jejum.

Wicca

Os praticantes da religião neopagã Wicca, celebram o Ano Novo em 31 de Outubro.

Nesta data, são realizados rituais em altares para celebrar os ancestrais e eliminar a negatividade.

Thelema

Esta corrente religiosa celto-xamânica comemora o Ano Novo em 20 de março ou em data próxima e realiza-se essa celebração juntamente com o período marcado pelo Banquete do Equinócio dos Deuses, período em que o Sol passa de um hemisfério para o outro.

Abertos ao Novo!

O Novo, de cada Ano, pode ser vivido sempre que estivermos inteiros em cada momento, experienciando a Vida com qualidade de presença.

Todo dia do ano é uma oportunidade de nos renovarmos e de crescermos em todos os sentidos.

Um Lindo Ano Novo, com experiências gratificantes para todos nós! A cada dia.

Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.
Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Instagram
Siga no Facebook