Vitamina E: 10 possíveis sinais de carência

vitamina-e

Vitamina E. Uma substância de muitas propriedades e essencial para o bem-estar do nosso corpo. É antioxidante (combate os radicais livres), dá força para o sistema imunológico e para a circulação sanguínea, é uma aliada da pele...E estes são apenas alguns dos seus muitos benefícios. Mas quais seriam os possíveis sinais de deficiência de vitamina E? Vejamos:

Leia mais: VITAMINA E: PARA QUE SERVE E QUAIS OS ALIMENTOS ONDE ENCONTRÁ-LA

1. Problemas de pele

O efeito antioxidante da vitamina E é essencial para a saúde da nossa pele, para que esteja sempre protegida dos raios UV, dos agentes atmosféricos, mas também do aparecimento precoce de rugas. Não é por acaso que muitos cremes e produtos de beleza são fortificados com esta vitamina. Às vezes, uma deficiência pode ser evidenciada com problemas na pele que pode aparecer com várias imperfeições como secura, descamação, etc.

MANCHAS NA PELE: 10 TRUQUES E REMÉDIOS NATURAIS

2. Perda de cabelo

A perda de cabelo, em alguns casos, pode ser devida a uma deficiência de vitamina E que desencadeou danos ao couro cabeludo tornando-o mais sensível ao efeito dos radicais livres e dos agentes externos. Neste caso, nota-se cabelos quebradiços, sem brilho e que tendem a cair.

COMO FAZER O CABELO CRESCER RÁPIDO: DICAS E REMÉDIOS NATURAIS

3. Sistema imunológico fraco

O sistema imunológico é afetado pela falta de vitamina E que normalmente o ajuda em suas funções. Neste caso, um sinal de sua deficiência poderia estar em pessoas mais propensas a doenças e com mais dificuldades do que outras em se convalescerem.

4. Problemas sanguíneos

A vitamina E desempenha um papel fundamental também para manter uma circulação sanguínea adequada. A deficiência pode resultar em má coagulação, bem como em uma maior fragilidade dos glóbulos vermelhos e plaquetas, situações devidas ao estresse oxidativo.

5. Fadiga

Quando o nosso corpo está com falta de vitaminas, você pode sentir uma fadiga incomum e fraqueza que pode facilmente também afetar o cérebro e, como resultado, pode levar a um nível de dificuldade cognitiva.

6. Dificuldade em se concentrar

A deficiência de vitamina E pode levar ao estresse oxidativo que afeta o cérebro e, por conseguinte, se subestimada, pode levar a problemas tais como dificuldade de concentração e até mesmo ao retardo ou perda das funções cognitivas.

7. Problemas de vista

A vitamina E também contribui para o bem-estar dos nossos olhos e da nossa visão. Uma sua deficiência a longo prazo pode conduzir à degeneração macular, e também neste caso, devido aos efeitos nocivos dos radicais livres não neutralizados pelo efeito protetor desta substância. Um bom nível desta vitamina também evita o aparecimento de catarata.

8. Perda do tônus ​​muscular

A fadiga mencionada anteriormente é muito bem sentida nos músculos. Estas partes do corpo em caso de deficiência de vitamina E podem perder o tônus ​​e a elasticidade, chegando até mesmo em casos graves, à dificuldades para caminhar.

9. Problemas de equilíbrio

Os efeitos sobre o sistema nervoso no caso de carência de vitamina E no corpo, não devem ser subestimados. Em primeiro lugar, o risco é de ter problemas de equilíbrio e coordenação deficiente devido a uma degeneração dos nervos.

10. Problemas digestivos

Outro efeito de uma deficiência de vitamina E é ter alguns problemas digestivos, bem como dificuldades na absorção intestinal de certos alimentos.

O que fazer para evitar uma carência de vitamina E?

Se não houver problemas específicos, é muito simples: basta aumentar o consumo de alimentos ricos nesta vitamina. Estes são principalmente alimentos de origem vegetal, tais como as frutas secas, de cascas rijas, os vegetais de folhas verdes, abacate, salmão, sardinha e óleos de origem vegetal como o óleo de gérmen de trigo e o de girassol.

Leia mais sobre vitaminas:

CASTANHAS-DO-BRASIL: UM CONCENTRADO DE VITAMINA E, SELÊNIO E SAIS MINERAIS

QUE VITAMINA PODE ESTAR FALTANDO EM SEU ORGANISMO?

B12: A VITAMINA ABSOLUTAMENTE NECESSÁRIA

VITAMINA C PODE FAZER TÃO BEM QUANTO ATIVIDADES FÍSICAS