TUDO o que você precisa saber sobre FRALDAS DE PANO

  • atualizado: 
fraldas de pano

Bebês e fraldas são quase sinônimos. Desde que o mundo é mundo as fraldas acolhem e auxiliam a tarefa árdua – e um pouco mal cheirosa – de ter que lidar com o cocô e o xixi dos pequenos. Do nascimento ao desfralde – que costuma acontecer depois dos dois anos – as crianças vão consumir, em média, cerca de 5 mil fraldas descartáveis.

O gasto, em termos financeiros, também não é nada animador. No entanto, na contramão da maioria, há uma turma que preferiu esquecer essa coisa de fralda descartável e investiu mesmo na velha e conhecida fralda de pano.

Repaginada, mais versátil e diversificada, a fralda de pano moderna ainda é uma estranha desconhecida de grande parte das famílias. Muitos pensam não ser nada prático ter que ficar lavando mais roupa suja de criança, como se não bastasse todas as que eles já sujam. Acontece que usar fralda de pano pode ser uma alternativa mais saudável, econômica e ecológica. Quer ver só?

A história das fraldas

Antes de tudo, um curto resgaste histórico. A fralda de pano é um item muito antigo. No entanto, as descartáveis só surgiram mesmo em meados dos anos 40, na Suécia, devido à escassez de algodão provocado pela guerra. Como toda nova invenção, ela foi aperfeiçoada e passou a atender públicos maiores com o passar das décadas.

No Brasil, em 1980, muitas famílias ainda tinham o costume de usar fraldas de pano nos filhos. As descartáveis ficavam para ocasiões especiais, como as festinhas de aniversário que a família convidava.

O fato é que desde sua disseminação, as fraldas descartáveis viraram item de sobrevivência e quase ninguém, atualmente, se arrisca a tirá-las da lista de compras do supermercado. Mas como observado no começo deste texto, parece que essa realidade também está mudando. As fraldas de pano do século XXI são modernas, muito modernas. Pode acreditar!

Fraldas de pano X Fraldas descartáveis

fraldas descartavel pano
Os pais que optam por fraldas de pano têm um longo caminho a percorrer e uma “quase” certeza: dificilmente vão se arrepender da escolha.

Economia

Para começar, a questão econômica, determinante para muitos: em dois anos a criança vai usar cerca de 5 mil fraldas descartáveis, como dito anteriormente, e isso pode gerar um gasto de cerca de 6 mil reais totais. Já com as fraldas de pano – apesar do gasto inicial maior – o valor acumulado nos dois anos de uso ficará em torno de 1.500. Isso quer dizer que as fraldas descartáveis custam 4 vezes mais do que as fraldas de pano (o cálculo detalhado está disponível nesse link).

Saúde

O uso de fraldas de pano pode significar, ainda, mais proteção para o bebê contra alergias de pele e outras doenças, como as temidas assaduras. Ela pode ainda ser tão – ou mais – funcional quanto às descartáveis, a depender, é claro, da marca e do tipo de fralda escolhida.

Modelos

Assim como as descartáveis, as novas fraldas de pano têm uma infinidade de modelos e especificidades diferentes: têm aquelas com fechamento em velcro, botão, com forrinho absorvente reutilizável ou não, estampada ou lisa, as chamadas all in one (fralda completa, com capa e forro absorvente) e por aí vai.

Praticidade: como funcionam as fraldas de pano?

fralda de pano
As vantagens de quem opta pela fralda de pano são muitas. Mas como tudo na vida há sim suas desvantagens: fraldas de pano não são tão práticas quanto as descartáveis: é necessário, depois de retirar, fazer uma pré higienização, jogando as fezes no vaso sanitário e lavando, superficialmente, o material fecal que sobra na fralda.

Após essa primeira etapa, é necessário armazená-las em local higiênico, um cesto fechado, por exemplo, e depois de acumuladas lavar e colocar para secar.

Usar fralda de pano, vale lembrar, vira um ritual, não tão simples quanto o que uma descartável exige. Além disso, fraldas de pano tendem a ser mais fedidinhas, isso por que nas descartáveis há produtos químicos para disfarçar o mau cheiro, o que não acontece nas feitas de material reutilizável.

Por serem menos compactas que as descartáveis, as fraldas de pano também tendem a ser mais pesadas, o que pode gerar algum desconforto para o bebê. Mas é tudo uma questão também de hábitos, dos pais e dos bebês, pois as vantagens das fraldas de pano podem ser maiores.

E a questão ambiental?

Apesar de ser muito mais ecológica, fraldas de pano ainda assim causam algum dano ambiental, principalmente, dependendo de como o processo de lavagem das peças é feito.

Vale lembrar: para lavar roupas as pessoas utilizam energia, água e produtos químicos, como o sabão. Isso tudo junto significa dano ambiental.

fralda pano algodao

O processo de fabricação das fraldas de pano de algodão também podem querer dizer que houve uso de agrotóxicos no plantio e conservação da matéria-prima. Não bastasse tudo isso, a microfibra -uma fibra sintética componente de muitas das fraldas de pano – é derivada do petróleo, um elemento nada amigo do meio ambiente. Portanto, quanto menos fibras sintéticas, melhor.

Então – você pode estar pensando – não compensa ecologicamente. Acontece que agora chegou a hora agora de falar dos impactos ambientais das fraldas descartáveis.

fralda descartavel

Depois do descarte, normalmente, elas vão parar nos aterros sanitários. Isso significa que elas ficarão lá se decompondo por até 500 anos. Além disso, as fezes – o material mais abundante do que sobra delas – pode parar nos lençóis freáticos e contaminar água e solo, além de facilitar a disseminação de uma série de doenças infecciosas graças ao contato com as fezes das fraldas. Como se não bastasse, na produção das fraldas descartáveis, houve uso de muita água e energia, derrubada de árvores e uso de recursos não renováveis, como o petróleo, para conseguir materiais como plástico e papel (mais informações sobre os danos ambientais das fraldas descartáveis nesse link).

Optar ou não por fraldas de pano?

A grande questão de todas essas questões é que optar ou não por fraldas de pano, como sempre, é uma escolha muito pessoal e envolve as prioridades de cada família.

Porém, há de se ter em mente que garantir um futuro melhor para todos, sendo nossos filhos ou não, é um dever de todos. Não temos mais onde colocar nosso lixo e nossos recursos naturais estão se esgotando. É importante considerar o que é mais importante e essencial, quais são os ganhos reais e importantes que os pais querem com suas decisões de escolher desde as fraldas até a escola de seus filhos.

Mas fica aqui o debate e a certeza de que opções não faltam para quem começou nessa tarefa desafiadora, cheia de fases e nem sempre tão divertida de ter uma criança em casa correndo e dando trabalho sempre, esteja ela usando fraldas de pano ou não.

Leia mais sobre crianças:

setaAPADRINHAMENTO AFETIVO: O QUE É E COMO FUNCIONA

setaCO-SLEEPING: NESTA MEGA CAMA CABE A FAMÍLIA TODA

setaCAIXAS DE BEBÊS: DA FINLÂNDIA AO MUNDO PARA PREVENIR A MORTE SÚBITA E A MORTALIDADE INFANTIL

setaCONHEÇA AS FRALDAS ECOLOGICAMENTE CORRETAS

setaCHÁ DE FRALDAS: JOGOS, IDEIAS E TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER