Crianças menos ansiosas se vivem com cães e gatos

Isso mesmo: a presença de um animal de estimação em casa reduz o risco de uma criança desenvolver transtornos de ansiedade. Cães, em suma, não só proporcionam um sistema imunológico mais forte, não só são os melhores amigos das crianças autistas, como também são verdadeiras ferramentas anti-ânsia para as crianças.

A constatação vem de um estudo feito por um grupo de cientistas do Bassett Medical Center em Nova York, conduzido em 643 crianças com idades entre 6 e 7 anos. O objetivo era gravar os níveis de ansiedade dos participantes com e sem cães e os resultados mostraram que o grupo de crianças que tinha um cão, 58% do total dos participantes, apenas 12% foram positivos em um teste de screening para a ansiedade. No outro grupo, por sua vez, 21% das crianças eram ansiosas.

"Animais de estimação, especialmente cães, poderiam reduzir a ansiedade na infância, particularmente a ansiedade social e a ansiedade de separação", escrevem os autores explicando que um cão pode estimular a conversação entre as crianças e tem um efeito "quebra-gelo" que pode aliviar a ansiedade social.

O motivo? Interagir com um cão reduz os níveis de cortisol, possivelmente através da liberação de oxitocina, que reduz as respostas fisiológicas ao estresse. Daí a série de efeitos hormonais que seriam a base dos benefícios emocionais e comportamentais observados, por exemplo, nas terapias com animais de estimação.

Este estudo que foi realizado nos Estados Unidos é apenas "observacional", e teve por objetivo identificar a combinação de dois fatores, mas não a relação de causa-efeito, por isso aos autores ainda não é possível dizer com certeza que é exatamente o cão a fazer as crianças ficar mais serena.

A pesquisa, portanto, continua, mas muitas pessoas não precisam de confirmação científica e acreditam mesmo que os animais de estimação melhoram o estilo de vida e o caráter de uma criança. E as fazem felizes. O que você acha?

Leia também:

PET TERAPIA: QUANDO OS CÃES SÃO OS "DOUTORES" DO CONSULTÓRIO

ANSIEDADE E ESTRESSE: 3 SIMPLES (MAS PODEROSOS) TRUQUES PARA COMBATÊ-LOS

ÓRGÃOS E EMOÇÕES: A QUE EMOÇÃO CADA ÓRGÃO CORRESPONDE?