A escolinha ecossustentável e antissísmica em forma de baleia do Pinóquio

Seria porque sua forma é tão criativa e original, ou porque à segurança sísmica combinaram um baixo impacto ambiental? O fato é que o Nido d’infanzia di Guastalla, na província de Reggio Emilia, Itália, é recém inaugurado e já foi agraciado com um prêmio (o Prêmio Especial de Imensurável Beleza organizado pela Legambiente, uma ONG ambiental).

A escola de educação infantil substitui duas escolas públicas municipais que tinham sido danificadas pelo terremoto de maio de 2012. O novo prédio foi inspirado na baleia do mundialmente famoso personagem italiano, o Pinóquio.

A escolinha recebe 120 crianças entre zero e três anos, que podem brincar e se divertir tranquilamente porque os materiais da escola são naturais ou reciclados e toda a estrutura é composta por armações de madeira que garantem isolamento térmico.

O prjeto resultou em um jardim de infância à alta tecnologia com sistemas avançados de recolha de águas pluviais e eficiência energética graças à instalação de painéis fotovoltaicos.

Ao longo dos corredores encontram-se áreas de lazer, espaços abertos e fechados para serem explorados em um processo que visa estimular a criatividade e curiosidade das crianças.

A escola é composta de muitos elementos verticais de madeira que lembram árvores sinuosas em uma floresta encantada. As grandes janelas permitem um jogo de luz e cores que transmitem energia e mostram como é possível combinar funcionalidade com beleza ao ambiente natural circundante.

Do lado externo, um percurso sensorial abraça a estrutura delimitando os espaços protegidos para as atividades escolásticas, sejam infantis, dos pais e dos professores.

Tudo em forma de uma animal fantástico que representa a criança em seu interior, crescendo, aprendendo e descobrindo coisas novas, exatamente como conta a história do Pinóquio.

Leia também:

A ESCOLINHA ONDE AS CRIANÇAS BRINCAM EM POÇAS D’ÁGUA

UMA ESCOLINHA EM FORMA DE GATO: UM LUGAR PARA BRINCAR E APRENDER

EDUCAÇÃO INFANTIL: CHEGA DE NÚMEROS E LETRAS. NA FINLÂNDIA, AS CRIANÇAS APRENDEM SOMENTE A BRINCAR E A SER FELIZ

Fonte e fotos: holzbau.rubner.com