Greta Thunberg
Greta Thunberg

Pirralha eleita pela revista Time como Person of the Year 2019

A jovem ativista sueca de mudanças climáticas Greta Thunberg foi nomeada “Pessoa do Ano” pela famosa revista Time.

Esta garota, que recentemente foi chamada de “piralha” pelo presidente Jair Bolsonaro, com sua “pirralhice” conseguiu transformar sua inquietação solitária com as mudanças climáticas em nosso planeta em um movimento de extensão global que clama e exige mudanças imediatas.

Greta Thunberg iniciou o “Movimento Sextas-feiras para o Futuro” sozinha em agosto do ano passado.

Toda sexta-feira ela faltava na escola e sentava-se em frente ao Parlamento sueco com uma placa com os seguintes dizeres: “Greve Escolar pelo Clima”.

Esta foto publicada no Twitter de Louise Macdonald, presidente da ong de capacitação de jovens European Youth Card Association (EYCA), relembra esta luta inicialmente individual da jovem ativista.

A legenda desta foto tem o seguinte comentário de Louise Macdonald: 

Acho essa foto incrivelmente emocionante. Esta é @GretaThunberg, de 15 anos, sentada sozinha do lado de fora do Parlamento sueco em agosto de 2018 – a primeira greve escolar. Em apenas um ano, ela criou uma onda que mudará o mundo inteiro.

Nunca subestime o poder de um jovem!

Nos 16 meses seguintes, Greta encontrou-se com chefes de Estado das Nações Unidas, conheceu o Papa e inspirou milhões de pessoas a se juntarem a ela na Greve Climática Global em 20 de setembro, deste ano, a qual foi a maior manifestação climática da história.

A partir de todo esse movimento desencadeado por essa garota, outras três greves globais foram organizadas, e praças de todo o mundo foram preenchidas com jovens prontos para lutar pelo meio ambiente.

Em menos de dois anos, a corajosa adolescente se tornou o ícone de uma geração, no mundo inteiro, graças à sua mensagem clara e direta, baseada em muitos estudos científicos que cada vez mais nos alertam sobre os perigos que estamos enfrentando.

Por conta de sua atuação em prol das mudanças climáticas, seu compromisso e força inspiradora, Greta já recebeu inúmeros prêmios e reconhecimentos nos últimos meses, como o título de Mulher do Ano, o Right Livelihood Award 2019 (Prêmio Direito de Subsistência), e também foi candidata ao Prêmio Nobel da Paz.

Tudo isso se deve ao fato que Greta dirige-se aos políticos com coragem e indignação, e de forma contundente reivindica ações rápidas e eficazes para combater a atual crise climática.

Há algumas semanas, a jovem ativista interveio na COP25, a Conferência Climática das Nações Unidas, incitando e conclamando todos, políticos e cidadãos, a fazerem parte deste movimento para salvar o planeta.

“As delegações discutem o mercado de carbono e a compensação por desastres naturais. Mas eles não entenderam que chegou a hora de fazer muito mais: um corte drástico e imediato nas emissões de CO2. O perigo não está na ação, mas no comportamento dos políticos que fingem agir porque não entendem que estamos diante de uma emergência. Não sou eu quem diz isso, é a melhor ciência disponível para confirmar. Será uma década decisiva para o nosso futuro. E se os políticos não entendem, devem ser as pessoas que entendem e pressionam para que as coisas mudem. Estou confiante nisso: as pessoas podem mudar, estão prontas para mudar.” – Estas foram as palavras de Greta em Madri.

Todos os anos, o nosso planeta se aproxima cada vez mais de um ponto sem retorno, que, uma vez alcançado, mudará definitivamente a vida na Terra como a conhecemos agora, por isso, Greta nos lembra que a melhor hora para agir é agora, antes que seja tarde demais!

Ao longo de seu ativismo ferrenho, a adolescente também vem sendo amplamente ironizada, atacada e criticada, porque, convenhamos, a mensagem de Greta afeta os interesses de uma minoria que se beneficia às custas a do impacto destrutivo ao meio ambiente.

Greta é o tipo de pessoa que se “ama ou odeia”, mas certamente com esse jeito único ela tem mobilizado o mundo inteiro a despertar para a realidade da crise climática, prova disso, é que 1 ano atrás ela estava sozinha e hoje ela é apoiada por milhões de pessoas! 

E a mensagem de Greta, publicada na matéria do site Time, é clara e concisa:

“A menos que eles (os representantes das Nações) concordem com ações transformadoras para reduzir as emissões de gases de efeito estufa, o aumento da temperatura no mundo desde a Revolução Industrial atingirá a marca de 1,5 ° C – uma eventualidade que os cientistas alertam que exporá cerca de 350 milhões de pessoas adicionais à seca e empurrará cerca de 120 milhões de pessoas para o extremo pobreza até 2030.”

Mediante à essa realidade, governos e cidadãos precisam agir para reverter essa situação enquanto é tempo! 

Parabéns menina!

Talvez te interesse ler também:

PRESIDENTE BOLSONARO GANHA O PRÊMIO ‘RACISTA DO ANO’ EM LONDRES

FATBOY SLIM MIXA O DISCURSO DE GRETA THUNBERG NA ONU EM ‘RIGHT HERE, RIGHT NOW’

ALÉM DE GRETA: OUTROS JOVENS ATIVISTAS QUE LUTAM PELA TERRA

Sobre Deise Aur

Avatar
Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.

Veja Também

Carrefour vai ter que provar que não tem licença para matar

Com o aumento dos protestos e pressão nas redes sociais, inclusive de artistas e celebridades …