Chapados na quarentena: filas nos coffeeshops da Holanda para estocar maconha

Chapados na quarentena: filas nos coffeeshops da Holanda para estocar maconha

Que papel higiênico que nada. Na Holanda, as pessoas estão preocupadas mesmo em garantir o estoque de maconha. No domingo (15), os holandeses correram para os coffeeshops depois que o governo decretou não só o fechamento de creches e escolas de todos os níveis, mas também de bares, restaurantes, academias de ginástica e sex shops.

Todos fazem fila para os suprimentos. Não de máscaras, nem papel higiênico ou macarrão”, publicou o jornal italiano La Repubblica sobre a situação no país, onde filas se formaram na porta dos coffeeshops – estabelecimentos onde se pode comprar e consumir maconha legalmente – depois do comunicado repentino do governo, no fim da tarde de domingo, anunciando uma quarentena que se iniciaria na segunda-feira (16), com previsão de término para o dia 6 de abril.

Se a reação da população pode parecer engraçada, o governo holandês não brinca em serviço: ainda de acordo com o La Repubblica, o gabinete do primeiro-ministro Mark Rutte já está trabalhando em uma série de medidas para mitigar os impactos econômicos e ajudar empreendedores em dificuldade, seja com a redução das horas de trabalho, seja com empréstimos subsidiados.

Talvez te interesse ler também:

Coronavírus: fumantes têm mais que o dobro de chances de acabar em terapia intensiva

Coronavírus: Reino Unido diz que a epidemia deve durar um ano

Coronavírus: como fortalecer a imunidade e prevenir contágios para evitar o drama da quarentena

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *