Solidariedade: no combate ao Coronavírus, médicos cubanos e russos chegam à Itália

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Para ajudar no tratamento às vítimas do novo coronavírus, chega à Itália um grupo de profissionais da área de saúde enviados por Cuba.

A delegação de 37 médicos e 15 enfermeiros cubanos foram disponibilizada para dar suporte aos operadores de serviços sanitários italianos.  O pedido foi feito ao embaixador de Cuba na Itália, José Carlo Rodriguez Ruiz, para que o grupo fizesse parte de uma equipe de brigada responsável pela logística e coordenação de 35 médicos, 23 especialistas em medicina geral, 3 pneumologistas, 3 intensivistas, 3 especialistas em doenças infecciosas e 3 especialistas em emergências.

No total, a brigada cubana tem 52 pessoas profissionais com experiência em emergências sanitárias em vários países, como a epidemia do ebola, na África, em 2014.

“Considerando, sobretudo, a nova estrutura de campo que esperamos hospedar, acolhemos esses médicos que atenderam ao nosso convite com tanta solidariedade para nos ajudar em uma situação tão crítica e complicada”, disse o assessor regional da Proteção Civil, Pietro Foroni.

Da Rússia com amor

Da Rússia para Itália com amor: caminhões para desinfecção, hospitais de campo, 100 ventiladores de pulmão e 500 mil máscaras…

Além de Cuba, e da China que já tinha chegado antes, a Rússia também foi oferecer ajuda à Itália. Junto com o material, 100 médicos com experiência internacional em epidemias desembarcaram no país ontem, domingo, 22. Os profissionais também trabalharam no combate ao Ebola e à peste suína e agora estarão ao lado dos italianos contra a Covid-19.

Talvez te interesse ler também:

Coronavírus: na Itália trabalhadores em greve porque governo deixa muita fábrica aberta

Alerta OMT: crise provocada por coronavírus vai gerar milhões de desempregos

É “fake” a notícia sobre golfinho em canais de Veneza

Fonte foto

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook