escorpião
escorpião

Como evitar e tratar picada de escorpião

A picada de escorpião, se venenoso, pode ser um perigo, levando até a morte. A intensidade dos sinais e dos sintomas da picada depende da dose do veneno.

A picada causa uma dor intensa no local que se estende pelo membro afetado. A sensação que dá é de queimação, agulhada e latejamento. A picada lembra a de uma abelha, e o local afetado fica inchado e avermelhado.

O escorpião tem uma peçonha, isto é, as suas toxinas agem estimulando a liberação de neurotransmissores do sistema nervoso autônomo. Dependendo da dose de veneno, se a pessoa for socorrida rapidamente, ela se recupera com o tratamento. O escorpião mais venenoso é escorpião amarelo (Tityus serrulatus), encontrado na América do Sul e no Brasil.

Prevenção

Os escorpiões são animais que agem à noite e ficam escondidos durante o dia. Eles podem ser encontrados próximos a troncos caídos, em tocas abandonadas, cupinzeiros, embaixo de pedras. Já nas áreas urbanas, os escorpiões podem ser encontrados em pilhas de entulho, lixões e rede de água e esgoto, ou seja, onde há tralha acumulada. Por isso, em casa, mantenha tudo arrumado e limpo, para evitar que o animal se esconda em frestas, segundo recomenda a Unesp.

Evita, também, acúmulo de lixo; a presença de baratas, que são alimentos dos escorpiões; corte a grama e o mato; mantenha limpos bebedouros e comedouros de animais.

O que fazer se for picado

Primeiramente, é preciso identificar os sintomas. Após as duas primeiras horas da picada, aparecem os seguintes sintomas:

– Alteração da temperatura corporal, suor constante e abundante.

– Náusea, vômito, salivação excessiva, dor abdominal e diarréia.

– Arritmia do coração (aumento e redução) e alteração da pressão sanguínea (aumento e diminuição),

– Alterações respiratórias podendo ocorrer acúmulo de fluidos no pulmão. Essa é a principal causa dos óbitos.

– Agitação, sonolência, confusão mental

Imediatamente, você pode atender a vítima realizando procedimentos simples, até levá-la ao hospital:

– Lave o local da picada apenas com água ou com água e sabão;

– Hidrate o acidentado com goles de água;

– Não corte ou fure o local da picada;

– Mantenha o local afetado voltado para cima;

– Encaminhe o acidentado rapidamente ao serviço de saúde mais próximo;

– Não faça torniquete no local da picada.

Ao primeiro sinal desses sintomas, a vítima deve ser levada imediatamente ao pronto-socorro. Para as crianças o perigo ainda é maior: o veneno pode ser fatal para elas.

Os soros antipeçonhentos, no Brasil, são produzidos pelo Instituto Butantan (São Paulo), Fundação Ezequiel Dias (Minas Gerais) e Instituto Vital Brazil (Rio de Janeiro). O Ministério da Saúde adquire toda a produção e a distribui para todas as regiões do país por meio das Secretarias de Estado de Saúde. Portanto, o soro deve estar disponível gratuitamente nos postos de saúde das cidades de todo o país.

Talvez te interesse ler também:

QUAIS SÃO AS COBRAS MAIS VENENOSAS DO MUNDO?

VOCÊ TEM ARANHAS EM CASA? VEJA COMO LIDAR COM ELAS, DE FORMA NATURAL

SAIBA COMO PROCEDER EM CASO DE ENVENENAMENTO DE CÃES E GATOS

About Gisella Meneguelli

Gisella Meneguelli
É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.
Previous Fukushima – a contaminação radioativa e a cadeia alimentar
Next 11 de outubro: Dia Internacional da Menina

Check Also

Papagaio engarrafado

Tráfico de animais, um crime perverso sustentado por você!

Não se trata de um vício ou um desejo incontrolável. Não se trata de uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *