©Debby Hudson/Unsplash

Chá de amora para que serve: todos os benefícios e como fazer

Chá de amora para que serve: todos os benefícios e como fazer

Dificilmente alguém não tenha ouvido falar das propriedades benéficas do chá de amora para aliviar os sintomas da menopausa. Porém, além dessa propriedade, o chá de amora possui outras mais, de vital importância para a saúde, promovendo mais vigor e bem-estar para quem faz uso dele.

Conheça os outros benefícios da amora e aprenda como fazer o seu chá.

Amoreira e suas espécies

A amoreira pertence ao gênero Morus, da família Moraceae.

Os frutos da amoreira podem variar de cor, dependendo da espécie.

As espécies de amoreira mais conhecidas e cultivadas são:

  • Morus rubra : que  dá amora-vermelha, nativa do leste e centro da América do Norte. Muito comum e apreciada nos EUA
  • Morus alba: que frutifica amora-branca, nativa de Portugal e é uma planta muito apreciada pelo bicho-da-seda
  • Morus nigra : que produz amora-preta, originária das regiões temperadas da Ásia Menor. Essa espécie é a mais consumida pelos humanos.

Usos e finalidades

A amora é considerada um superalimento, por ser rica em vitamina C, antioxidantes e minerais.

Suas frutinhas podem ser consumidas in natura ou como ingredientes no preparo de tortas, sorvetes, compotas, geleias, doces cristalizados ou em massa, bolos, sucos, licores e xaropes.

A espécie de amora mais utilizada para as finalidades acima é a Morus rubra por sua cor avermelhada e apetitosa.

Já as folhas das amoras, principalmente a Morus nigra (amora preta), são utilizadas para o preparo de chá medicinal.

Conheça a seguir os benefícios do chá de amora e como prepará-lo, além de outras informações necessárias.

Benefícios comprovados

Os benefícios comprovados do chá de amora são diversos. Segue uma lista detalhada deles:

Fonte de vitaminas e minerais

As folhas das amoreiras contêm poderosos nutrientes como:

Vitamina A:  necessária para uma boa visão e pele saudável

Vitaminas B1 e B2: importantes para o bom funcionamento do metabolismo e do sistema nervoso

Vitamina C:  fundamental para um sistema imunológico forte e pele firme e com viço,

Aminoácidos: que participam na síntese das proteínas, fundamentais para músculos resistentes e fortes

Minerais como cálcio, potássio, magnésio, ferro, zinco e fósforo:  indispensáveis para funções vitais do órgãos e sistemas do corpo

Bioflavonóides: nutrientes que favorecem a saúde do coração

Propriedades para a saúde integral do corpo

Uma revisão de vários estudos e análises destacou as propriedades medicinais das folhas de amora, tendo por base a análise fitoquímica, farmacológica e ensaios clínicos utilizando uma das espécies de amora, a Morus alba.

E com isso foram reconhecidas uma gama de propriedades, tais quais:

  • antioxidante
  • antimicrobiana
  • clareadora da pele
  • citotóxica
  • antidiabética
  • inibidoras da glucosidase
  • antiperlipidêmica
  • antiaterosclerótica,
  • antiobesidade
  • cardioprotetora
  • hepatoprotetora
  • antiplaquetárias
  • ansiolítica
  • antiasmática
  • anti-helmíntica (combate parasitas)
  • antidepressiva
  • cardioprotetora
  • imunomoduladora

Previne a anemia

A amora é fonte de ferro, importante mineral para a formação dos glóbulos vermelhos no sangue.

Além disso, a amora é rica em vitamina C, que é fundamental para o organismo absorver o ferro.

Com esse atributos o chá de amora contribui para evitar o desenvolvimento de quadros anêmicos.

Reduz sintomas da menopausa

Como já dito, o uso medicinal mais popular e conhecido da amora é o de combater sintomas da menopausa.

Isso se deve ao fato das folhas da amoreira serem ricas em fito-hormônios que têm uma função bastante similar ao hormônio estrogênio, que em decorrência da menopausa se torna mais reduzido, provocando sintomas e distúrbios na mulher.

Com o consumo do chá de amora, é possível reverter essa situação, aliviando problemas, como:

  • ondas de calor
  • insônia
  • secura vaginal
  • alterações de memória
  • nervosismo 

Veja mais benefícios do chá de amora para aliviar sintomas da menopausa em:

Combate diabetes

As folhas de amoreira reduzem os níveis de açúcar no sangue.

Um estudo feito em 37 adultos, que após ingerirem maltodextrina, um pó amiláceo que aumenta rapidamente os níveis de açúcar no sangue, receberam extrato de folha de amoreira contendo 5% de DNJ.

Aqueles que tomaram 250 ou 500 mg do extrato tiveram um menor aumento nos níveis de açúcar no sangue e insulina do que o grupo placebo.

Outro estudo de 3 meses em pessoas com diabetes tipo 2 que tomaram 1.000 mg de extrato de folha de amoreira, 3 vezes ao dia com as refeições, obtiveram reduções significativas nos níveis de açúcar no sangue após a refeição em comparação com um grupo placebo.

Promove a saúde do coração

Algumas pesquisas apontaram que o extrato de folha de amora pode melhorar a saúde do coração por reduzir os níveis de colesterol e a pressão arterial, diminuindo a inflamação e prevenindo a aterosclerose (acúmulo de placas nas artérias).

Uma dessas pesquisas foi um estudo com 23 pessoas que estavam com colesterol alto e ingeriram 280 mg de suplementos de folhas de amoreira, 3 vezes ao dia.

Após 12 semanas, o colesterol LDL (mau) baixou 5,6%, enquanto o colesterol HDL (bom) aumentou 19,7%.

Outro estudo de 12 semanas observou que 10 pessoas com triglicerídeos elevados que tomaram suplementos diários de folhas de amoreira contendo 36 mg de DNJ tiveram seus níveis reduzidos em 50 mg / dL, em média.

Promove perda de peso

O chá de amora ajuda a melhorar a digestão e o funcionamento do intestino, também impede o acúmulo de gordura no corpo, e assim evita o aumento de peso.

Reduz a inflamação

As folhas de amoreira contêm antioxidantes flavonoides, que possuem propriedades anti-inflamatórias.

Pesquisas evidenciaram que, devido a essas propriedades, as folhas da amoreira combate a inflamação e o estresse oxidativo das células.

Um desses estudos feito em tubo de ensaio em células brancas do sangue humano revelou que o extrato de folha de amoreira  reduziu as substâncias inflamatórias e também os danos ao DNA causados pelo estresse oxidativo.

Combate o envelhecimento precoce

Por suas propriedades e composição fitoquímica, a amora ajuda a combater o envelhecimento precoce e seus males.

Ajuda na proteção dos ossos

Por conter potássio, manganês e magnésio, as folhas da amora, utilizadas na forma de chá ajudam na manutenção da saúde óssea do corpo.

Favorece a saúde dentária

Os efeitos antimicrobianos e antibacterianos do extrato da raiz da amora branca para prevenção da cárie dentária, foram analisados neste estudo, através do qual se constatou a possibilidade de usar essa planta para prevenção, controle e tratamento da cárie dentária.

Outra pesquisa utilizando os extrato da Morus Alba em uma goma de mascar medicamentosa confirmou o seu efeito anticariogênico (combate e prevenção de cárie).

Ação positiva no tratamento de infecções respiratórias

Em uma publicação com o levantamento de vários estudos, com base na amoreira preta (Morus nigra) ficou evidenciado os benefícios do uso de suas folhas em casos de patologias respiratórias e infecções bacterianas das vias aéreas.

Efeito anticâncer

Uma pesquisa em tubos de ensaio associaram a folha de amora à atividade anticâncer em células de câncer de colo retal humano.

Age como hepatoprotetora

Outro estudo em tubo de ensaio apontou que o extrato de folha de amoreira pode proteger as células do fígado de danos e reduzir quadros inflamatórios hepáticos.

Promove a saúde da pele

Uma pesquisa, também em tubo de ensaio, destacou que o extrato de folha de amoreira pode prevenir a hiperpigmentação, ou seja, manchas de pele, e ainda clarear naturalmente o tom da pele.

Precauções

O consumo do chá de amora tem apresentado segurança, contudo algumas pessoas mais sensíveis ao princípios ativos contidos nele pode manifestar reações como:

  • diarreia
  • náusea
  • tontura
  • inchaço

Recomendação:  se ao consumir o chá de amora, você tiver alguma reação adversa, suspenda seu uso imediatamente.

Contraindicações

O chá de amora é contraindicado ou deve ser administrado com a supervisão de um médico nos seguintes casos :

  • Pessoas que tomam medicamentos para diabetes, devido ao efeito deste chá sobre o açúcar no sangue.
  • Outra contraindicação é para quem sofre de doença renal grave, porque o chá de amora contém altos níveis de potássio, o que pode ter um efeito negativo e gerar mais complicações nos rins.
  • Crianças
  • Mulheres grávidas ou amamentando

Atenção  devido à possíveis reações, interações medicamentos e contraindicações, antes de fazer uso do chá ou suplemento de amora, consulte o médico.

Receita do Chá de Amora

Agora que temos as informações necessárias para usufruir dos benefícios do chá de amora, segue uma receita desse remédio natural:

Receita I

Essa receita é para 1 litro desse chá:

Ingredientes

  • 1 litro de água fervente
  • 10  folhas de amora

Observação: para preparar este chá, as folhas da amora não devem ser fervidas com a água, para não perder grande parte de suas propriedades.

Preparo:

  1. Ferva a água, apague o fogo e adicione as folhas.
  2. Deixe em infusão por 10 minutos.
  3. Coe e beba este chá durante o dia

Receita II

Se quiser fazer em menor quantidade, 1 xícara desse chá, siga essa outra receita:

Ingredientes

  • 2 folhas de amora
  • 1 xícara de água fervente

Preparo

  1. Coloque 2 folhas de amora em 1 xícara de água fervente
  2. Deixe em infusão por 10 minutos.
  3. Coe e beba.

Com todos os benefícios e nutrientes dessa planta, vale muito a pena tê-la sempre por perto, que tal ter um pé de amora em sua moradia? Fica a dica!

Talvez te interesse ler também:

Para mais conteúdos de usos e benefícios de plantas, confira:

Patchouli: para que serve, benefícios, usos e curiosidades

Cumaru, a árvore perfumada! Benefícios e como usar

Azedinha ou Vinagreira: Propriedades, Usos e Contraindicações

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *