Cúrcuma: como clarear os cabelos naturalmente

  • atualizado: 
curcuma cabelos

A cúrcuma ou açafrão-da-terra é uma planta herbácea da família do gengibre e é originária da Ásia. Nós a conhecemos e utilizamos mais comumente como tempero na culinária, pois além de ser um dos ingredientes do curry (outro condimento de origem asiática), também é possível usar a cúrcuma em forma de pó ou a própria raiz ralada no preparo dos alimentos. 

Essa planta tem diversas utilidades: é anti-inflamatória, antioxidante, antimicrobiana e faz um bem enorme à memória, auxiliando inclusive no tratamento de Alzheimer.

Além dos benefícios que ela oferece à nossa saúde, a cúrcuma è muito utilizada nos tratamentos estéticos, tanto para a pele, veja aqui como preparar receitas de máscaras para o rosto com cúrcuma, quanto para os cabelos.

Isso porque algumas pesquisas mostraram que a cúrcuma ajuda na prevenção de caspa, inflamações do couro cabeludo e até no clareamento dos fios! Por isso, vamos saber mais sobre essa funcionalidade da cúrcuma e outros benefícios que podemos ter ao usá-la nos cabelos. 

 

1. Cúrcuma como clareador natural

Em seu continente de origem, a cúrcuma é muito utilizada pelas indianas no tratamento de manchas de pele e até mesmo dos dentes, devido ao seu poder clareador, mas também foi descoberto que, assim como a camomila, a cúrcuma também pode auxiliar no clareamento dos cabelos de forma gradativa e suave.

Clarear os cabelos de forma natural é possível desde que os cabelos não estejam muito escuros ou com químicas. Se o cabelo for natural e tiver uma tonalidade mais clara, será mais fácil alcançar o objetivo, mas lembrando que isso não ocorre de forma rápida, por isso é necessário seguir corretamente as indicações, cuidados e frequência.

Além disso, é necessário ter cuidado com os excessos, pois a cúrcuma irá intensificar a tonalidade do loiro já existente (se for o caso), fazendo com que fiquem com um amarelado muito forte ou então com aspecto esverdeado ou fluorescente, segundo a pesquisa.

2. Outros benefícios da cúrcuma para os cabelos 

curcuma

Além de ser anti-inflamatória, antioxidante e antimicrobiana, a cúrcuma contém ferro, manganês, vitamina B6, fibras e potássio. De acordo com alguns especialistas, essas propriedades da cúrcuma em combinação com alguns componentes ajudam na remoção de escamações no couro cabeludo, controle de caspa e queda dos cabelos.

Essa mesma pesquisa afirma ainda que a cúrcuma ajuda a estimular o crescimento dos fios e a fortalecer os cabelos, bem como protege o couro cabeludo de inflamações e infecções.

No entanto, a cúrcuma por si só não faz milagres, por isso é bom verificar a causa do problema com um profissional e utilizar o tratamento natural com a devida recomendação.

A cúrcuma só terá o efeito desejado nos cabelos se for utilizada em conjunto com outros ingredientes ou se fizer parte da composição de algum produto manipulado, testado e aprovado. De qualquer forma, existem algumas receitas naturais que podem ser utilizadas sem maiores prejuízos, pois os outros ingredientes da fórmula também são naturais. Deve-se ter cuidado apenas com as quantidades, proporções e tempos de ação!

3. Receitas

Existem diversas maneiras de clarear o cabelo naturalmente com a cúrcuma. Por isso, separamos duas receitas, sendo a primeira delas a mais simples: apenas água e cúrcuma em pó. A proporção é de uma colher de chá de cúrcuma para uma xícara de água quente. Misture a cúrcuma na água quente, espere esfriar e baixar o pó, passe nos cabelos secos, deixe agir por uns 20 minutos e depois lave os cabelos normalmente.

Na segunda receita, são utilizados outros ingredientes naturais que vão ajudar a hidratar e nutrir os cabelos, além de proteger contra algum tipo de agressão que possa sofrer durante o tempo de ação. Essa outra receita é um pouco mais elaborada, portanto vamos aos ingredientes:

  • 1 colher grande ou média de açafrão ou cúrcuma
  • 100 ml de água
  • 2 sachês de chá de camomila
  • 1 colher grande ou média de mel de abelha

Misture a cúrcuma na água quente, depois coloque os sachês de camomila e abafe por 15 minutos. Depois desse tempo, coe a mistura e adicione o mel. Depois de misturar tudo, coloque num borrifador e espalhe a mistura nos cabelos secos e sujos evitando aplicar na raiz. Após aplicar o conteúdo em todo o cabelo, prenda e coloque uma touca plástica ou térmica para agir.

O modo de preparo segue no vídeo do canal Manual da beleza Luciana Gomes.

4. Dicas de uso

As orientações, seja em uma receita que em outra, são para utilizar a cúrcuma 2 vezes na semana.

As receitas não devem ser usadas por grávidas ou por mães que estão amamentando e, caso sobre um pouco do conteúdo, este pode ser armazenado na geladeira por 1 semana.

Os outros ingredientes contidos na segunda receita, camomila e mel, são bons para hidratar os cabelos e também ajudam no clareamento, segundo informa o vídeo.

5. Receita de óleo reparador 

Outra forma de utilizar a cúrcuma tanto nos cabelos quanto na pele é fazer uma espécie de óleo reparador que pode ser colocado tanto no shampoo, condicionador, ou então usá-lo em hidratações caseiras ou como reparador de pontas.

Os ingredientes são:

  • 500ml de óleo de sésamo (gergelim)
  • 3 colheres de sopa de cúrcuma

Observação: como o óleo de cúrcuma também pode ser utilizado na culinária, o preparo deste é feito com 500 ml de azeite de oliva extra virgem no lugar do óleo de sésamo.

Modo de preparo

A proporção é de 3 colheres de sopa de cúrcuma para cada com 500 ml de óleo de sésamo que devem ser colocados num frasco que será vedado por sete dias em um local seco, escuro e fechado, devendo ser levemente agitado a cada dia para misturar a cúrcuma no óleo. Passados os sete dias, coloque em outra garrafa escura tomando o cuidado para não escorrer o conteúdo que ficou no fundo. Se for necessário, coe.

Feito isso é só misturar umas gotinhas do óleo no shampoo, condicionador ou máscara de hidratação.

Esperamos que tenham gostado das dicas e até a próxima!