20 Veganas famosas que estão mudando o mundo

Estamos neste mês em que especialmente se homenageia a mulher. Então, aproveitando esse momento oportuno, a entidade Mercy for Animals fez uma lista de 20 mulheres veganas que estão mudando de forma positiva o mundo, prestando uma merecida homenagem à elas.

E põe merecida nisso pois, com seus talentos, sucesso e empreendimentos, estas mulheres estão dedicando suas vidas à prática do respeito ao direito dos animais, à defesa da natureza e à outras causas nobres, aproveitando suas expressões e influências nas mídias, para chamar a atenção sobre a valorização de toda a vida em nosso planeta.

Veja quem são essas mulheres!

Luiza Mell

Há muitas décadas, Luisa Mell é vegana, ativista e protetora dos animais. Ela vem desempenhando um trabalho muito importante de resgate de animais de rua ou em situação de risco, encaminhando-os para tratamento e adoção responsável através da instituição que ela criou: o Instituto Luisa Mell.

Luiza utiliza suas mídias para conscientizar as pessoas de todos males que estão sendo causados ao planeta e ao seres vivos, por conta  do consumo da carne.

Xuxa Meneghel

Há alguns anos, Xuxa se tornou vegana, porém, já antes disso pronunciava seu o amor aos animais.

Ao abraçar o Veganismo, Xuxa tem se tornando uma importante conscientizadora sobre como nossas escolhas e alimentação pode impactar de forma destrutiva  o meio ambiente e os animais.

Alana Rox

Alana Rox é autora dos livros “Diário de uma Vegana I e II”, apresentadora do programa“Diário de uma Vegana” na GNT, e uma das sócias e fundadora do Purana, um gabaritado restaurante de comida vegana.

Ela também usa suas redes sociais para ensinar as pessoas como ter uma alimentação saudável Plant-based (à base de plantas) e isso contribuiu para ela se tornar a embaixadora da Mercy For Animals e da Baims Natural Makeup (empresa vegana de cosméticos).

View this post on Instagram

Tomou? #sucomagicotheveggievoice

A post shared by Alana Rox (@alana_rox) on

Linda McCartney

Linda McCartney é a ativista pelos animais que, juntamente com seu marido Paul McCartney, difundiu o Veganismo  já nas décadas de 80 e 90, época em que muito pouco se falava sobre os males da indústria que explora os animais para consumo.

Ela atuou em várias campanhas da Ong PETA (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais), uma organização de proteção dos direitos dos animais.

Uma das grandes contribuições de Linda McCartney para a vida animal, foi seus empreendimentos nas áreas de alimentação e moda veganas.

Seu nome tornou-se marca associada ao Veganismo.

Natalie Portman

Natalie Portman desde os 9 anos é vegetariana e em 2011 adotou o veganismo.

Ela usa sua fama de atriz para lembrar as pessoas da importância de defender os animais e promover uma sociedade mais humana e justa.

Como exemplo de sua atuação nessas causas, temos o We Day, evento em que ela participou em 2019, com o objetivo de incentivar o ativismo juvenil, ao abordar para 16 mil jovens temas como: veganismo, empoderamento feminino e sustentabilidade.

Alicia Silverstone

Alicia Silverstone é uma atriz norte-americana e autora do livro “The Kind Diet”, no qual ela compartilha receitas e situações relativas a sua vivência no veganismo.

A atriz é mãe e cria seu filho com uma alimentação vegana.

Greta Thunberg

A adolescente Greta Thunberg, desde 2018 vem chamando a atenção sobre a crise climática com sua atitude de fazer greve pelo clima. A partir de então, a jovem tornou-se ícone dessa causa, tanto é que em 2019 foi reconhecida como pessoa do ano pela revista Time.

Greta Thunberg reivindica dos políticos ações imediatas para reduzir as alterações climáticas  e evitar problemas futuros.

Além de sua defesa pelo clima, Greta Thunberg  contribui para a vida animal, tendo como base a prática do veganismo

Rooney Mara

A atriz Rooney Mara é vegana há 8 anos. Além disso, ela participa de manifestações e campanhas contra a exploração de animais juntamente com com seu noivo Joaquin Phoenix.

Em 2019, Rooney Mara em parceria com a Animal Equality, narrou uma investigação secreta dentro de fazendas industriais que exploravam porcos e galinhas.

Angela Davis

Angela Davis é filósofa e defensora da justiça racial e dos direitos humanos, além de ser autora de mais de dez livros sobre sociedade, feminismo e sistema penitenciário dos Estados Unidos.

Angela é vegana como forma de defender os animais e não contribuir para o sofrimento deles causados pela indústria da carne.

View this post on Instagram

💯 #staywoke👁

A post shared by Angela Davis (@_angeladavis1944) on

Charu Chandrasekera

O objetivo da Dra. Charu Chandrasekera é buscar alternativas que substituam os testes em animais e ela faz isso através de seu trabalho como diretora do laboratório de ciência do Comitê de Médicos para Medicina Responsável, e como diretora-executiva do Centro Canadense de Alternativas para os Métodos Animais.

Para tal fim, ela se dedica a pesquisas da biomedicina, a testes regulatórios e em desenvolvimento de estudos e cursos que possibilitem a abolição dos testes em animais.

Miley Cyrus

Essa cantora norte-americana se tornou vegana após um momento muito triste e marcante de sua vida, que foi a morte de seu cachorro.

Além de sua sensibilidade ao sofrimento animal, Miley Cyrus é sensível às injustiças sociais, tanto é que um de seus feitos foi fundar a Happy Hippies Foundation, uma organização que dá suporte à jovens LGBT sem casa, que vivem em situações de vulnerabilidade.

View this post on Instagram

Beanie takes Powell 🛶⛰🏞

A post shared by Miley Cyrus (@mileycyrus) on

Ava DuVernay

Ava DuVernay é uma competente e premiada diretora de cinema e, por isso, aclamada pela revista The Hollywood Reporter como a “diretora afro-americana mais relevante de Hollywood”.

Esta atuante diretora da 7ª arte também atua em defesa dos animais através de suas escolhas e alimentação, com a prática do veganismo. Por isso, ela foi homenageada pela PETA (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais).

Mayim Bialik

Mayim Bialik é atriz e ficou famosa pela série The Big Bang Theory e também é autora do livro Mayim’s Vegan Table, com 100 receitas que ela criou.

Além do mais, ela se vale de seu canal no YouTube para falar sobre a indústria de exploração de animais e as razões a levaram a ser Vegana.

Ellen Page

Essa atriz canadense se dedica à defesa de várias causas como: liberdade de gênero, feminismo, movimento LGBT e vida animal.

Devido à sua compaixão pelos animais e preocupação com problemas ambientais, ela se tornou vegana.

Michelle Carrera

Michelle Carrera é ativista pelo veganismo e fundadora da Chilis on Wheels em Nova York, nos Estados Unidos, uma organização que leva refeições veganas para várias comunidades.

A sede principal dessa organização é a Casa Vegana de la Comunidad, que fica em  Porto Rico, terra natal de Michelle Carrera.

Jessica Chastain

Jessica Chastain é atriz, defensora do veganismo e da luta em defesa dos animais.

Ela também milita na causa do direito da mulher à igualdade e, por isso, participa todo ano da Marcha das Mulheres que acontece no mundo inteiro.

Amie Breeze Harper

Há 15 anos Amie Breeze Harper defende a inclusão, a igualdade social e a diversidade de gênero, mas também a causa animal. Tanto que um dos seus principais trabalhos envolvendo essa temática é o livro Sistah Vegan, no qual mulheres veganas negras falam sobre identidade, comida, saúde e sociedade.

Amie Breeze Harper, além disso tudo, atua na organização de eventos, escreve livros e artigos sobre estes temas.

Kat Von D

Kat Von D é uma famosa tatuadora e ativista pelo veganismo, que lançou uma linha de maquiagem sem crueldade animal.

Por seu trabalho a favor dos Direitos dos Animais, em 2016 ela recebeu o Prêmio “Compaixão em Ação” da entidade Farm Sanctuary.

Leona Lewis

A britânica Leona Lewis é vegetariana desde criança e ficou conhecida pela sua música “Bleeding Love”.

Por sua atuação na defesa dos direitos dos animais, ela é uma das artistas que representam a PETA (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais).

View this post on Instagram

Family portrait 👩🏽‍🦱🐶🐶

A post shared by Leona Lewis 🎼 (@leonalewis) on

Seble Nebiyeloul

Seble Nebiyeloul é atuante defensora dos desfavorecidos, sejam humanos ou animais, tanto que, é cofundadora do Fundo Internacional para a África, na Etiópia, uma organização que dá duas refeições veganas por dia para milhares de crianças.

Ela também busca melhorar o saneamento básico nas escolas e contribui com várias ações para ajudar os cachorros de rua.

Como visto, essas mulheres são exemplos vivos de como o sexo considerado frágil é bem forte e atuante. Elas nos inspiram a contribuir, cada uma de sua forma, para um mundo melhor!

Talvez te interesse ler também:

Vídeo da ONU Brasil põe o dedo na ferida: a pecuária é o maior dos problemas ambientais

Conquista vegana: sanduba do Subway 100% vegetal, desde o queijo até o hambúrguer

Em ação não planejada, Joaquin Phoenix salva uma vaca e um bezerro na Califórnia

Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.
Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Instagram
Siga no Facebook