Em ação não planejada, Joaquin Phoenix salva uma vaca e um bezerro na Califórnia

Joaquin Phoenix, das palavras às ações”: essa é a manchete Vanity Fair Itália desta sexta-feira (21), destacando o gesto do vencedor do Oscar de melhor ator em 2020, que, no dia seguinte à premiação — marcada por seu discurso contundente em defesa dos animais — , salvou uma vaca e um bezerro do matadouro e os entregou aos cuidados da Farm Sanctuary, um santuário localizado na Califórnia.

A ação foi registrada em vídeo, que começa com um diálogo entre Phoenix e o CEO Anthony Di Maria, do abatedouro Manning Beef, que fica no oeste californiano. Na conversa, o ator afirma não precisar da ciência para ver e ouvir como um animal responde à dor. Di Maria, por sua vez, argumenta que, em sua empresa, os animais morrem em menos de 60 segundos, em um processo que chamou de “o mais humano do país”.

O astro de Hollywood segue elencando os atos cruéis envolvidos na criação dos bovinos para o consumo, como o confinamento em áreas muito restritas, o transporte em condições precárias e a separação dos bezerros de suas mães logo após o nascimento. Di Maria rebate mais uma vez, alegando que, em seu espaço, as vacas permanecem com suas crias.

Em um determinado momento, há uma disputa de palavras que exemplifica bem o embate entre duas visões de mundo distintas: Di Maria fala em abate, Phoenix diz que se trata, na realidade, de assassinato, e os dois corrigem a expressão utilizada por um e outro, repetidas vezes.

Por fim, o CEO, provavelmente pressionado por ter que defender seu negócio diante das câmeras, tendo como interlocutor ninguém menos que a estrela hollywoodiana do momento, permite que o ator leve uma vaca e um bezerro. Phoenix é conduzidos até dois animais, coloca-os em uma van e todos partem rumo ao Farm Sanctuary, em um resgate não planejado.

As cenas finais mostram os dois animais correndo livres pelos campos, como acontece com todos os demais que vivem ali, igualmente resgatados de abatedouros pelo país afora.

Talvez te interesse ler também:

Após Oscar 2020: Joaquin Phoenix, avesso às convenções sociais, com sua noiva a comer hambúrguer vegano

Globo de Ouro 2020: Joaquin Phoenix e Brad Pitt premiados também na categoria humanidade

Joaquin Phoenix é vegano! Oscar para a sensibilidade do intérprete do Coringa

Jornalista e mestre em Ciência da Religião. Tem 18 anos de experiência em produção de conteúdo multimídia. Coordenou diversos projetos de Educação, Meio Ambiente e Divulgação Científica.
Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Instagram
Siga no Facebook