Pudim de chia: benefícios e como fazer. Veja várias receitas

Pudim de chia: benefícios e como fazer. Veja várias receitas

As sementes de chia são ótimas fontes de antioxidantes, ômega 3 e cálcio. Com elas dá para fazer um delicioso pudim para comer no café da manhã ou a qualquer hora do dia, quando bate aquele fominha.

É uma ótima merenda para se pensar, antes de cair em tentações de bolos, doces, biscoitos e outras guloseimas industrializadas.

O pudim de chia tem pouquíssimas calorias (dependendo da receita, claro), é gostoso, nutritivo e sacia, além de ser fácil e rápido de fazer!

Os benefícios do pudim de chia

Esse pudim traz consigo os benefícios das sementes de chia mas, como dissemos, o principal é ser um alimento saudável, ótimo para te deixar longe das guloseimas junk food.

As sementes de chia são altamente nutritivas pois contêm proteínas, ômega 3, magnésio, manganês, fibras, antioxidantes e cálcio.

Por isso, os benefícios do pudim de chia são:

  • contém fibras que ajudam no trânsito intestinal e no bom funcionamento da flora intestinal
  • contém antioxidantes que previnem o envelhecimento precoce
  • ajuda na desintoxicação
  • na redução do colesterol e dos triglicérides
  • previne diabetes e doenças cardiovasculares
  • é rico em proteínas, fortalece os músculos
  • é pouco calórico e aumenta o a saciedade

Mas esteja atento em nunca comer as sementes de chia secas.

Como a chia absorve água, se consumida seca e em excesso, ela pode dificultar a digestão, em casos mais graves, obstruir o esôfago.

Leia mais em:

Como fazer pudim de chia

O pudim básico é extremamente fácil de ser preparado e pode ser feito de diversas maneiras.

Na verdade, basta colocar as sementes de molho em meio aquoso e esperar por pelo menos 8 horas para que elas se hidratem, e para que a chia libere o gel que dá consistência ao pudim

O meio aquoso pode ser qualquer um: um suco natural de laranja, de mirtilo, um suco de romã por exemplo, ou um suco industrializado, mas de preferência sem açúcar. Mas você também pode hidratar as sementes com iogurtes ou leites vegetais.

Basicamente é isso, a receita básica e também a mais simples de todas, é colocar as sementes  no meio aquoso e esperar que elas virem pudim.

Receita light

  • 100 ml de suco de uva integral
  • 3 colheres de sopa de chia

Misture bem e deixe descansando na geladeira por no mínimo 8 horas (melhor 12).

Consuma com 1 colher de geleia de sua fruta preferida (mas sem açúcar) por cima do pudim, e acrescente 2 colheres de castanhas-do-Pará picadinhas

Mas você pode incrementar essa receita…

A receita original do pudim de chia

A receita original do pudim de chia é muito fácil de fazer, e o melhor de tudo, é incrivelmente saudável.

Mostraremos a seguir a receita original, que também servirá como base para as variantes que você pode preparar.

Ingredientes

  • ½ xícara de sementes de chia
  • 2 xícaras de leite de coco (de preferência caseiro)
  • ¼ xícara de xarope de bordo
  • ½ colher de chá de extrato de baunilha

Modo de preparo

A receita original do pudim de chia pode ser feita de duas maneiras, a batida e a e a integral.

1. Para a versão batida, coloque todos os ingredientes em um liquidificador e bata por cerca de 2 minutos até que esteja uma mistura homogênea. Para a versão integral, coloque no liquidificador todos os ingredientes, exceto a chia. Assim que os ingredientes estiverem batidos, misture com as sementes de chia.

2. Coloque a mistura em um recipiente (preferencialmente de vidro) e deixe descansar na geladeira por ao menos 8 horas. Normalmente se dá preferência para que seja feito à noite e passe a noite toda descansando na geladeira.

3. Pronto, após este período pode ser servido.

Variantes do pudim de chia

Por ser uma semente muito dinâmica, a chia permite que seu pudim seja feito de diversas maneiras diferentes. Como exemplo, na receita acima podemos adicionar também canela para dar aquele toque especial. Além disso, podemos preparar das seguintes formas:

variantes pudim de chia

Pudim de chia de chocolate (e outros sabores)

Para quem não gosta de baunilha, é possível adicionar outros elementos de sabor no pudim de chia, como por exemplo o chocolate. Para tal, substitua a baunilha da receita original por ¼ de xícara de cacau em pó natural.

Pode também ser feito com frutas, como o morango. Adicione ½ xícara de morangos na hora de bater no liquidificador. Sugere-se não utilizar ao mesmo tempo que a baunilha para evitar conflitos contrastantes de sabor.

Pudim de chia com proteínas

O pudim de chia pode ser enriquecido com proteínas, especialmente para quem busca uma dieta complementar para a saúde. Aqui recomendamos a adição de colágeno em pó.

Basta adicionar diretamente aos ingredientes no liquidificador cerca de 3 colheres de colágeno em pó.

Também é possível adicionar whey protein colocando, dependendo da quantidade de pudim feito, meia medida de proteína.

Pudim de chia com adoçante natural

Não é em todo lugar que se encontra xarope de bordo, ou não são todos que gostam de seu sabor. Neste caso, é possível substituir o xarope por adoçantes naturais, como a estévia por exemplo ou o mel.

Procure por estévia que não tenha adições químicas e seja totalmente natural.

É também possível fazer o pudim sem adoçantes, aproveitando aproveitando o sabor suave e encantador da chia, do leite de coco e das frutas que você colocar.

Quanto tempo o pudim de chia pode ser guardado na geladeira?

Por possuir apenas ingredientes naturais, é aconselhado que seja consumido dentro de 2 dias após o seu preparo, no entanto recomenda-se que seja comido no mesmo dia para aproveitar melhor os benefícios e as suaves notas de seu inigualável sabor.

Talvez te interesse ler também:

ÓLEO DE CHIA: BENEFÍCIOS E USOS NA COZINHA E PARA A BELEZA

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *