Você, maravilhosa, não esqueça o Outubro Rosa!

Você, maravilhosa, não esqueça o Outubro Rosa!

Estamos na metade do Outubro Rosa e você, maravilhosa, ainda não fez, ou não sabe como fazer, o autoexame?

Mire-se no exemplo da Mulher Maravilha e saiba como.

Outubro Rosa

O Outubro Rosa é um movimento de conscientização criado em 1990 pela fundação Susan G. Komen pela Cura. Ele tem como objetivo divulgar informações sobre o câncer de mama e promover campanhas para diagnosticar, tratar e reduzir a mortalidade em decorrência dessa doença.

O câncer de mama é um dos tipos mais comuns nas mulheres e atinge principalmente mulheres entre 45 a 55 anos. Os principais fatores que causam esse tipo de câncer são: genética, obesidade e o número elevado de ciclos menstruais.

https://www.greenme.com.br/viver/saude-e-bem-estar/4206-gordura-abdominal-cancer-de-mama/

Contudo, alguns nódulos benignos podem aparecer em outras fases da vida, por isso é tão importante que saber detectá-los, e o autoexame pode ajudar nisso.

A importância do autoexame

A maioria dos casos de câncer de mama são descobertos através do autoexame. Quando a descoberta é precoce, as chances de cura são maiores e esse é o principal objetivo da campanha.

No entanto, muitas mulheres ainda têm dificuldade de realizar o autoexame.

Algumas têm vergonha ou medo de se tocar e outras simplesmente esquecem de fazer ou não sabem como.

Como fazer o autoexame?

O autoexame deve ser realizado mensalmente para detectar se existe alguma protuberância, ondulação, mudanças ou mesmo a presença de líquido nos mamilos.

Existem três formas de realizar o autoexame nas mamas , são elas:

  1. Em pé e de frente para o espelho, pressione as mamas com as pontas dos dedos, deixando um dos braços para baixo. Observe os seios ao realizar os movimentos, veja e sinta se tem alguma anormalidade, rugosidade, saliências ou depressões. Repita uma operação com uma das mãos na cintura e depois atrás da cabeça, um lado de cada vez. Por fim, pressione levemente os mamilos e observe se há algum líquido ou se o mamilo está para dentro, pois essas características podem indicar a presença de tumor.
  2. No banho, com os seios ensaboados, apalpe-os com três dedos juntos de uma das mãos, fazendo movimentos circulares por todo o seio. É importante dar atenção à parte superior e também às axilas e ao pescoço, procurando caroços, saliências, secreções ou algum outro tipo de alteração. Faça dos dois lados, onde a mão direita deverá examinar a mama esquerda e vice-versa.
  3. Deitada na cama, apoie o braço direito sobre a cabeça e utilize a mão esquerda para apalpar a mama direita. Assim como é feito no banho, faça movimentos leves e circulares, apalpando também as axilas. Depois, troque o braço e utilize a mão direita para examinar a mama esquerda.

Durante o período menstrual, o corpo feminino sofre uma série de mudanças e elas podem alterar a realização do autoexame. Por isso, recomenda-se realizá-lo fora desse período.

Além disso, é importante salientar que o autoexame não substitui uma consulta periódica e serve apenas para que uma mulher conheça melhor o próprio corpo.

O diagnóstico correto e definitivo do câncer de mama deve ser realizado sempre por um profissional.

Por isso, ao realizar o autoexame e notar algo diferente nas mamas ou no corpo, procure imediatamente o seu médico. Mas não entre em pânico. Nem todo nódulo é maligno e nem toda protuberância é câncer.

Cuide-se! Em todo caso, um diagnóstico precoce significa altas chances de cura.

Sobre a imagem da Mulher Maravilha

Em 2011, com o slogan “Ninguém está imune ao câncer de mama”, a Associação da Luta Contra o Câncer de Moçambique em parceria com a agência de publicidade DDB em Maputo, lançou uma campanha outubro rosa com as superheroínas.

Ótima ideia! Afinal, doenças não escolhem vítimas.

Talvez te interesse ler também:

Ela foi salva de um câncer de mama, graças à sua gata Missy!

Os 20 Primeiros Sinais de que você pode ter Câncer de Mama

Como as nozes reduzem o câncer de mama. Novo estudo confirma

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *