Acupuntura: o que é, como funciona, benefícios e contraindicações

Acupuntura

Uma arte curativa antiga que faz parte da medicina tradicional chinesa, a acupuntura é capaz de aliviar e prevenir diversas doenças do corpo humano. Pode trazer inúmeros benefícios, além de tratar rapidamente mazelas, e até mesmo vícios. Veremos sobre acupuntura: o que é, como funciona, benefícios e contraindicações.

O que é acupuntura e como funciona

Não há registros precisos quanto ao surgimento da acupuntura, mas sabe-se que sua existência é quase tão antiga quanto a própria China. Usada para o tratamento de diversas enfermidades, a acupuntura é cada vez mais praticada pelo mundo, especialmente do lado ocidental.

A acupuntura é a aplicação de agulhas especiais sobre a pele com o objetivo de liberar o fluxo de Qi pelo corpo, forma de energia vital que, segundo os praticantes, é essencial para o pleno funcionamento do organismo e da vida como um todo. Assim, as agulhas aplicadas têm como objetivo liberar os meridianos de Qi do corpo para que haja livre fluxo dessa energia.

Cientificamente falando, a aplicação das agulhas estimula o organismo a liberar substâncias de endorfina naturais que aliviam as sensações de dor. Desta maneira, as sessões de acupuntura são capazes de trazer alívio quase que de imediato para os pacientes.

Em geral, um tratamento dura 10 sessões, sendo cada uma de 20 a 40 minutos. As agulhas utilizadas devem ser preferencialmente as descartáveis por recomendações de órgãos médicos.

Benefícios da acupuntura

Para se alegar os benefícios concretos da acupuntura é necessário lançar um olhar baseado em evidências científicas. Atualmente, o National Institute for Health and Care Excellence (NICE), instituto de saúde de Londres e Manchester, recomenda o uso da acupuntura para tratar as seguintes condições:

• Cefaleia crônica
• Enxaquecas
• Dor lombar

É importante notar que isso não significa necessariamente que a acupuntura não possa trazer outros benefícios. Em termos oficiais seguros para a saúde do corpo, somente os benefícios acima podem ser listados como obtidos através das sessões de acupuntura.

Também se deve ter em mente que por ser uma ciência médica milenar, a acupuntura tem um longo histórico de tratamentos de problemas de saúde. Muito comumente a acupuntura também é utilizada para tratar dor de dente, dores pós-operatórias, dores nas articulações e dores crônicas.

acupuntura 2

Acupuntura no Brasil

Em alguns países, como no Brasil, a acupuntura também é utilizada para tratar outras condições clínicas, como o vício em tabagismo. Nesse tipo de tratamento, foca-se em diminuir a ansiedade para ajudar o paciente a abandonar o vício.

Contraindicações da prática de acupuntura

Aqui é necessário que haja um pouco de atenção. Embora a acupuntura seja considerada uma prática segura, é necessário que seja conduzida por um profissional qualificado. Normalmente cada país ou estado possui a sua própria forma de regulamentar a profissão. No Brasil, por exemplo, são 7 conselhos nacionais principais, sendo o principal o Conselho Federal de Medicina (CFM).

Portanto, antes de iniciar qualquer tratamento com acupuntura é primeiro necessário procurar a opinião de um médico ou profissional de saúde. Em seguida, deve-se verificar se o profissional de acupuntura está regulamentado junto ao conselho de sua região.

Há alguns casos em que a acupuntura pode causar efeitos colaterais de baixa preocupação, tais como dores na região de aplicação das agulhas, sonolência, tontura ou até mesmo sangramento. Deve-se evitar a acupuntura no caso de presença de doenças hemorrágicas ou caso possua algum tipo de alergia a metais.

A acupuntura também é considerada segura para gestantes. Porém, primeiramente deve-se consultar um médico para a liberação da prática, em seguida deve-se alertar a quem esteja conduzindo a acupuntura a respeito da gravidez, pois não será permitido aplicar as agulhas em certos pontos.

Especialmente indicado para você:

setaENDOMETRIOSE: REMÉDIOS EFICAZES PARA ALIVIAR OS SINTOMAS

setaNERVO CIÁTICO: TENTE RESOLVER COM REMÉDIOS NATURAIS

setaÓRGÃOS E EMOÇÕES: A QUE EMOÇÃO CADA ÓRGÃO CORRESPONDE?