Lavanda, alfazema - alguns usos curativos

Lavanda

As lavandas ou alfazemas, como também são conhecidas, são plantas aromáticas da família das Lamiaceaea e há várias espécies nativas usadas para os mesmos fins: a extração do óleo essencial. Dentre as mais comuns temos a lavanda inglesa Lavandula vera ou angustifolia e a Lavandula latifolia, ou alfazema portuguesa mas, muitas outras espécies também são ricas em óleos aromáticos e cada país tem a sua espalhada pelas montanhas.

As lavandas nativas são encontradas nas Ilhas Canárias, nos países do sul da Europa, nos países do norte e oeste da África, Arábia e Índia. É uma planta natural em campos áridos, calcários, de montanha e forma lindas vistas lilases e cheirosas onde as abelhas fazem a festa. Aliás, o mel de lavanda também é muito gostoso e curativo.

Em Portugal, Espanha e França podem ser vistos extensos campos floridos em lilás cujo aroma empolga o visitante. Na França você pode fazer um roteiro turístico pelos campos de lavanda em Provence, e deve ser uma viagem maravilhosa.

Só por sua beleza e aroma, a lavanda já é curativa. 

 

Usos curativos da lavanda

Aqui hoje viemos falar de algumas formas de uso da lavanda, a água de lavanda, o chá de lavanda, limonada com lavanda, todas elas muito boas para amenizar os sintomas de ansiedade, dores de cabeça, agitação nervosa e facilitar o sono. Qualquer um desses preparados pode ser feito tanto com a infusão das flores de lavanda, suas sementes ou com poucas gotas do óleo essencial. O efeito será o mesmo em qualquer dos casos porque a lavanda preserva muito bem suas qualidades.

* Chá de lavanda

Um punhado de flores secas de lavanda devem ser jogados em um litro de água fervente, deixar amornar, abafado e tomar uma xícara, antes de dormir. Mas, aqui está o segredo: não basta tomar o chá de lavanda como você toma outro chá qualquer. É fundamental que você segure a sua xícara com as duas mãos, que se sente em um lugar calmo, feche seus olhos e aspire profunda e repetidamente o vapor do seu aromático chá de lavanda, e vá tomando, aos golinhos, até terminar. Faça isto imediatamente antes de ir para a cama e, bom sono.

* Água de lavanda

Você pode preparar a infusão de lavanda e diluir o volume em uma porção de água. Deixar na geladeira e tomar um copo sempre que sentir sede. Essa água te ajudará a aprender a controlar seus impulsos de ansiedade. Faça desse um hábito diário até que já não se sinta ansioso e recorra a ele sempre que a ansiedade bater à sua porta.

Leia também: SÍNDROME DO PÂNICO: COMO LIDAR COM ELA. DICAS E REMÉDIOS NATURAIS

* Limonada de lavanda

Uma boa limonada, adoçada com mel e perfumada com duas, três gotinhas de óleo essencial de lavanda de boa qualidade também é um ótimo remédio para qualquer dor de cabeça, descompensação nervosa ou crise de ansiedade.

* Óleo de lavanda para massagem

É muito fácil de preparar pois, basta juntar duas a três gotas do óleo essencial de lavanda a uma porção de seu óleo ou creme para massagem. Usar a lavanda em massagens é especialmente benéfico pois seu aroma tem efeito relaxante, aliviando os músculos e reduzindo a dor da tensão.

* Óleo de lavanda para queimaduras

Outro uso do óleo de lavanda é na cura de queimaduras. Este óleo tem ação antisséptica, cicatrizante, regenerador dos tecidos e alivia a dor. O ideal é usar o óleo puro sobre a ferida.

Leia também: QUEIMADURAS DE ÁGUA-VIVA: 10 DICAS, TRATAMENTOS E REMÉDIOS NATURAIS

* Travesseiro de flores de lavanda

Os travesseiros de lavanda, pequenos e retangulares, usados para amenizar o estresse, as dores no pescoço e cabeça, e para ajudar na indução do sono.

* Lavanda como repelente

Em tempos muito antigos era costume deixar-se mudas de lavanda em vasos nas janelas e portas pois, dizia-se que estas impediam a entrada de escorpiões. O certo é que a lavanda também afasta, repele muitos insetos e seu óleo também ameniza as picadas.

Cultive sua lavanda em casa, é fácil, cheiroso e bonito

Aqui no Brasil você também consegue manter sua moita de lavanda bastando, para isso, plantar uma muda em vaso, em terra calcária e bem drenada. A lavanda não gosta de encharcamento portanto tenha cuidado com a quantidade de água que usa nas regas, só regue se a terra estiver seca. A lavanda gosta e precisa de sol o dia todo, é bastante resistente ao frio e ao vento mas não suporta muita chuva. Pode ser replantada por estacas, talos, e deve ser podada todos os anos, no outono, para que se fortaleça.

Leia também:

seta

ARNICA: PROPRIEDADES E BENEFÍCIOS DE SEU USO PARA O NOSSO CORPO

seta

DICAS PARA O CULTIVO DE ERVAS AROMÁTICAS NA VARANDA DE CASA

seta

ALECRIM, BOM PARA A MEMÓRIA, O BOM HUMOR, A LONGEVIDADE, E NÃO SÓ