Equilíbrio hormonal: quais alimentos consumir

Nós humanos, somos seres muito sensíveis, e por isso, somos influenciados por diversas coisas que nos rodeiam, desde o ar que respiramos, até a comida que comemos. Essas influências de fora vão interagindo com toda a nossa saúde, inclusive com o nosso sistema hormonal, responsável por diversas funções vitais em nosso corpo.

Os hormônios, que são responsáveis por controlar nosso humor, nosso sistema digestivo, a libido, o metabolismo e a saúde da nossa pele, entre outras funções, podem facilmente ser produzidos de forma desequilibrada, fazendo com que este desequilíbrio transpareça de diversas formas. Para evitar isso, é importante que prestemos atenção em nossa rotina, e principalmente, em nossa alimentação.

Os alimentos podem ser divididos em três variedades de macro nutrientes, sendo eles: os carboidratos, as proteínas e a gordura, responsáveis pela produção, manutenção e estabilidade dos hormônios, refletindo, entre outras coisas mas principalmente, no sistema reprodutivo feminino.

Claro que fica muito abstrato escolher os alimentos pensando nas suas características nutricionais. Por isso, fizemos uma lista de cada uma das categorias, para que você possa se orientar um pouco na hora de comer. Uma boa dica é escolher um alimento de cada categoria para montar seu prato.

Proteínas

- Grãos e brotos germinados
- Feijão
- Quinoa
- Sementes
- Lentilhas
- De origem animal: somente carne e ovos orgânicos, ou seja, de animais criados livres, sem hormônios e antibióticos profiláticos
- Peixes selvagens pescados artesanalmente

Gorduras

Óleo de Coco

Entre outros alimentos derivados do coco, pois contêm ácido láurico, que ajuda a eliminar vírus e bactérias do nosso organismo, melhora nossa pele, o nosso metabolismo e dá tanta energia.

Abacate

Esbanjam gordura saudável que nos ajuda a absorver os nutrientes, além de serem cheios de fibra, potássio, magnésio vitamina E, vitaminas do complexo B e ácido.

Manteiga ghee

Uma versão muito mais saudável e sem lactose da manteiga tradicional. É uma fonte de vitaminas solúveis em gordura: A, D, E e K2, além de ter propriedades que fortalecem o sistema imunológico.

Gemas de ovos

Repletas de vitaminas e minerais como: A, D, E, B2, B6, B9, ferro, cálcio, fósforo, potássio e colina.

Frutas secas e sementes

Estas podem ser digeridas puras ou em óleos, como as nozes, as castanhas, as azeitonas, o azeite de oliva, o óleo de semente de cânhamo, o óleo de linhaça e muito mais.

Leia também: AS 6 SEMENTES DA SAÚDE

Verduras

Vegetais antioxidantes

O segredo desta categoria é sempre procurar pelos mais verdes! E quanto mais escuro o verde, melhor ainda! Como por exemplo: aspargos, brócolis, espinafre, couve, repolho, pepino, coentro, salsão, entre muitos outros!

Além dos vegetais mais coloridos

Pimentões verde, vermelho, amarelo, repolhos roxo/branco, cebolas roxas/brancas, tomates, cenouras e, principalmente, os vegetais ricos em amido: batata-doce, mandioca, beterraba, alcachofras, abóboras e nabos.

Ervas e especiarias medicinais

- Canela
- Cúrcuma
- Pimenta de Caiena
- Cominho
- Alho
- Gengibre

Não é doloroso, difícil ou ruim! Para conseguir balancear e harmonizar o nosso corpo e suas necessidades, precisamos apenas nos atentar a estas pequenas coisas cotidianas que ingerimos, e isso irá refletir na nossa pele, cabelo, humor, energia, ciclos do sono, menstrual e em todo o nosso organismo!

Leia também:

CONHEÇA OS ALIMENTOS QUE TE DEIXAM MAIS FELIZ

OS 10 NUTRIENTES FUNDAMENTAIS QUE TODA MULHER PRECISA

10 ALIMENTOS ALCALINOS PARA COMER TODOS OS DIAS