Tatuagens: em estudo um creme que pode removê-las

Tatuagens: em estudo um creme que pode removê-las

Um creme que pode apagar as tatuagens, facilitando a expulsão da tinta pelo próprio corpo, sem a necessidade de recorrer ao uso do laser, já foi testado em orelhas de porcos e está sendo estudado pelo pesquisador canadense, Alec Falkenham da Dalhousie University, em Halifax.

Enquanto o pesquisador fazia a sua primeira tatuagem, ele já estava pensando em uma maneira de removê-la. Alec que é um doutorando na Universidade de Dalhousie, não se arrependeu da tatuagem, mas “por ser um cientista, estava muito interessado em saber como uma tatuagem funciona”, disse.

Leia mais: Tatuagens: existem riscos para a saúde?

Falkenham disse ter percebido que poderia usar os mesmos conceitos de seu trabalho em células cardíacas, nas células que contêm pigmentos de tatuagens.

O método que ele chama de bisphosphonate liposomal tattoo removal - bisfosfonato lipossomal para remoção de tatuagens, em livre tradução - ainda está em fase experimental, e portanto, não se poderia dizer quantos tratamentos seriam necessários para a total remoção de uma tatuagem, mas o pesquisador diz que poderia tornar-se uma alternativa à unica opção atual para apagar tatuagens: o laser.

O creme permitiria a entrada de uma droga na pele capaz de eliminar as células que possuem pigmentos de tatuagem, deixando as células vizinhas intocadas, ao contrário da remoção a laser que aquece o pigmento, levando as células à sua ruptura, podendo formar bolhas e cicatrizes.

Um em cada cinco canadenses tem pelo menos uma tatuagem, de acordo com uma pesquisa realizada em 2012. A mesma pesquisa diz que um décimo dos canadenses que fazem tatuagens se lamenta de tê-las.

As tatuagens permanecem fixadas na pele por um mecanismo do sistema imunonológico. Com efeito, quando uma substância estranha é introduzida no corpo, este desencadeia a resposta imune. As células semelhantes a macrófagos chegam a envolver o intruso e a eliminá-lo através do sistema linfático. No entanto, quando essas células absorvem muita tinta não podem expulsá-la e, portanto, esta permanece no local, sendo fixada sob a pele formando a tatuagem.

Como sabemos, as tatuagens embora constem como remanescentes de culturas super antigas, têm efeitos ainda desconhecidos sobre o corpo, porque ainda não foram realizados estudos de longo prazo sobre seus possíveis malefícios, visto que são feitas com tintas produzidas para uso industrial e não para serem introduzidas sob a pele, o que faz com que substâncias verdadeiramente tóxicas, acabem caindo na corrente sanguínea.

E você? tem alguma tatuagem e gostaria de removê-la completamente?

Fonte foto: freeimages.com