Um show de inclusão: aluna de escola pública se veste de Cinderela e canta em linguagem de sinais

  • atualizado: 
escola linguagem de sinais

Um vídeo da Dayton Consolidated School, em Maine, nos Estados Unidos, está dando o que falar por seu show de sensibilidade e inclusão. Em quase cinco minutos de gravação, as imagens registram o dia em que uma aluna do ensino médio se vestiu de Cinderela e cantou para crianças menores uma música, usando, também, a linguagem dos sinais. Tudo isso em homenagem a uma aluna surda, que entrou na instituição de ensino em 2017 e, desde então, mudou a rotina da escola inteira. Para melhor, é claro.

Publicada no Facebook no dia 29 de maio, o vídeo começa com uma professora, rodeada de crianças, comentando sobre as diferentes formas de se comunicar e citando como exemplo o caso da pequena Morey Belanger, que com apenas um ano de idade foi diagnosticada com um distúrbio auditivo raro. O vídeo mostra Morey vestida de princesa, dançando ao lado da Cinderela.

A iniciativa chamou a atenção de sites e canais de televisão dos Estados Unidos como a CBS, que fizeram questão de ir até o local para conversar com professores e alunos. Em depoimentos entusiasmados, eles falaram a respeito das mudanças na rotina escolar, como a colagem de cartazes no ambiente para facilitar a comunicação e estimular o aprendizado da linguagem dos sinais.

escola linguagem de sinais 2

Para os pais da menina, esse foi mais um capítulo feliz de uma história que começou em 2017. Há dois anos, eles viveram um dilema: colocar a filha em uma escola especial para crianças surdas ou matriculá-la em uma escola pública próxima ao local onde vivem? O maior receio do casal era o de que a filha sofresse bullying.

Mas, para a surpresa geral, a recepção foi para lá de calorosa. Desde que Morey chegou, a escola inteira vem se mobilizando para acolhê-la. Dos funcionários da cantina aos professores e, principalmente, os companheiros da menina, que viram na recém-chegada uma oportunidade para a descoberta de um novo mundo. Por iniciativa própria, as crianças pesquisaram sobre linguagem de sinais e aprenderam gestos básicos que pudessem tornar o ambiente mais acolhedor e facilitar a comunicação do dia a dia.

Talvez te interesse ler também:

SENHOR DE 89 ANOS FAZ DOAÇÃO DE TODA A SUA POUPANÇA PARA ESCOLA

VENCENDO PRECONCEITOS, PRIMEIRA PROFESSORA COM DOWN NA ARGENTINA

TRATAMENTO HUMANIZADO: DENTISTA DESENHA PARA PACIENTE ANALFABETA NÃO ERRAR MEDICAMENTO

Fonte foto: sonoticiaboa

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!