Barbatimão: todos os benefícios e como usar

  • atualizado: 
barbatimão

A planta Barbatimão é usada há tempos para curar inflamações e, na época que não se tinha a indústria farmacêutica, como temos hoje, comumente se recorria à esta poderosa erva.

O Barbatimão é rico em taninos e estes em combinação com alcaloides, saponinas, flavonoides e resinas são responsáveis pelo poder curativo dessa planta.

Saiba mais sobre essa erva para saber fazer uso dela quando precisar.

1. Barbatimão – O que é?

O Barbatimão (Stryphnodendron adstringens) é uma árvore nativa brasileira encontrada nas regiões Norte, Centro-Oeste, Nordeste e Sudeste.

Os nossos índios a conhecem faz tempo e a usam para curar doenças e feridas.

2. Os benefícios do Barbatimão

O Barbatimão pode ser empregado para vários tratamentos, devido aos diversos benefícios que proporciona à saúde, tais quais:

2.1. Serve para tratar candidíase

A candidíase é uma infecção fúngica que acomete a pele, boca ou órgãos genitais, e graças ao poder antifúngico do Barbatimão, é possível impedir a proliferação dos fungos que causam essa doença.

2.2. Combate dor e infecção da garganta

O Barbatimão alivia a dor, infecção e inflamação da garganta porque possui propriedades antisséptica e anti-inflamatória, ajudando a combater bactérias que causam inflamação nesse órgão.

2.3. Protege o aparelho digestivo

O Barbatimão pode ajudar a reduzir a acidez gástrica, reduzindo o risco de desenvolver azia, gastrite, úlceras e inflamações.

2.4. Combate a doença de Chagas

As substâncias contidas na casca do Barbatimão ajudam a combater o parasita Trypanosoma cruzi, transmissor da doença de Chagas.

2.5. É cicatrizante

O Barbatimão é muito utilizado no tratamento de feridas por seu poder cicatrizante.

Os taninos presentes em sua composição cicatrizam rapidamente feridas, por estimular a contração dos vasos sanguíneos, diminuindo o fluxo sanguíneo na ferida, prevenindo o aumento da infecção, evitando hemorragias e regenerando o tecido.

Ademais, os taninos formam uma camada de proteção sobre a lesão, impedindo a proliferação de bactérias e outros micro-organismos na ferida.

2.6. Promove a Saúde bucal

Devido as propriedades bactericidas, o Barbatimão previne cáries, gengivites e mau hálito.

2.7. Ação anti-inflamatória

O Barbatimão combate processos inflamatórios que afetam o corpo, impedindo que se alastre pelo organismo.

2.8. Trata corrimento vaginal e beneficia a saúde da mulher

Várias mulheres são afetadas pelo corrimento vaginal, problema esse que tem diversas causas, que podem estar relacionadas à higiene deficiente, desequilíbrio do pH da flora vaginal, infecções venéreas, desequilíbrios emocionais ou nutricionais.

O Barbatimão é um aliado da saúde feminina, pois protege a área vaginal, combate corrimento e inflamação no útero e nos ovários, além de ajudar a tratar doenças sexualmente transmissíveis como a gonorreia.

2.9. Tem ação antimicrobiana

Esta erva tem a capacidade de eliminar bactérias que afetam a pele causando problemas como acne e furúnculos, assim como parasitas que causam a leishmaniose.

2.10. Ajuda no tratamento e controle de HPV

Conhecido como vírus do papiloma humano, o HPV é uma infecção causadora de verrugas pelo corpo, que podem aparecer em diversas áreas, como: genital, garganta, nariz, ânus e boca, aumentando a probabilidade de câncer na parte afetada.

Na Universidade Federal de Alagoas, cientistas criaram uma pomada com Barbatimão e constataram que o uso da pomada 2 vezes ao dia eliminou as verrugas, sem efeitos colaterais.

Essa pomada foi testada em 46 pessoas e mais estudos serão necessários para comprovar os benefícios do Barbatimão usado com essa finalidade.

3. As Propriedades do Barbatimão

Os taninos compõem cerca de 30% da composição dessa planta, e aliados aos flavonoides promovem o fortalecimento do sistema imunológico, atuam como antioxidante, promovendo mais saúde para o corpo.

Além disso, estes compostos conferem ao Barbatimão propriedades e ações como: antisséptica, hemostática, antiedematogênica, antidiabética, adstringente, anti-hipertensiva, analgésica, cicatrizante, antimicrobiana, anti-inflamatória, antibacteriana, antiparasitária, tônica, desinfetante, diurética e coagulante.

Com tantas propriedades saudáveis, vale a pena fazer uso dessa planta quando for necessário mas somente sob orientação do médico e/ou fitoterapeuta.

4. Usos do Barbatimão

As cascas e folhas do Barbatimão são as partes utilizadas para fazer o remédio dessa erva.

Veja os diversos usos e empregos do Barbatimão:

4.1. Tintura

Com a casca se faz a tintura através decocção, podendo ser usada para o tratar colite, diarreia, escorbuto, anemias, hemorragia uterina, gastrite, câncer, úlceras, impigens, doenças da pele, afecções da garganta, corrimento vaginal, leucorreia, gonorreia, afecções hepáticas e diabetes.

4.2. Tônico

Já as folhas, são usadas através de infusão ou maceração em vinho, para fazer um tônico depurativo e remédio caseiro para tratar hérnias internas.

4.3. Chá

Use somente sob orientação médica, principalmente se estiver tomando alguma medicação.

Para fazer o chá de Barbatimão pode-se utilizar as folhas e a casca do caule da planta, procedendo da seguinte maneira:

Ingredientes:

20 g da casca ou de folhas de Barbatimão

1 litro de água

Preparo:

Em 1 litro de água fervente adicione as cascas o folhas de Barbatimão.

Deixe em repouso durante 5 a 10 minutos.

Coe antes de beber.

Dosagem de consumo:

Tomar de 3 a 4 vezes durante o dia.

Uso tópico do chá:

Este chá pode ser usado externamente em banhos de assento para tratar doenças das áreas genitais.

4.4. Pó das cascas do Barbatimão

Com o pó das cascas do Barbatimão pode se pulverizar as feridas externas, com o objetivo de desinfetar, desinflamar e cicatrizar as lesões.

5. Pomada do Barbatimão

Outra forma eficaz de se utilizar os benefícios curativos do Barbatimão é a pomada feita com essa erva.

Antes de fazer uso dessa pomada, consulte o médico, para avaliar a real necessidade e possíveis interações medicamentosas. A receita é do Natural Enternauta.

5.1. Receita da pomada de Barbatimão

Ingredientes:

1 colher de sopa de casca de Barbatimão em pó

250 ml de óleo de coco

Pode-se adicionar, de forma opcional outros óleos curativos como os de: copaíba, melaleuca, hortelã, rosa branca, entre outros.

Modo de Preparo:

Em uma panela coloque o Barbatimão em pó e o óleo de coco, e leve ao fogo baixo, misturando durante 1 a 2 minutos.

Quando a mistura estiver bem cremosa e homogênea, tire do fogo e coe.

Após isso, deixe a mistura esfriando.

Depois, coloque a pomada em um recipiente devidamente higienizado.

6. Cuidados e contraindicações

Para usufruir das propriedades curativas do Barbatimão, é preciso respeitar as contraindicações:

  • é contraindicado para gestantes,
  • mulheres que estão amamentando e
  • pessoas com má absorção e deficiência de ferro.
  • todas as pessoas que fazem uso de medicamentos devem consultar um médico sempre antes de tomarem quaisquer remédios, mesmo que naturais, pois pode ocorrer interação medicamentosa.

6.1. Prevenção de uso

Pessoas sensíveis ao componentes do Barbatimão podem apresentar reações alérgicas.

Em excesso, o Barbatimão pode levar a deficiência de absorção de ferro ou intoxicar o organismo.

Consulte o especialista antes de fazer uso dessa planta.

Usado sob orientação, com moderação e de forma adequada, o Barbatimão é um santo remédio.

Você já conhecia os poderes dessa planta? Se sim, conta para gente o bem que esta planta proporcionou para a sua saúde. Quanto mais informações, melhor!

Talvez te interesse ler também:

JAMBO - A FRUTA DE MIL BENEFÍCIOS!

FLOR DE LARANJEIRA, PERFUME DE BEM-ESTAR. CHÁ, ÓLEO, BANHO. USOS MEDICINAIS

POEJO CONTRA GASES INTESTINAIS, VIAS RESPIRATÓRIAS OBSTRUÍDAS E MUITO MAIS. RECEITAS

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!