Aroeira - como fazer e usar chá, banho e sabonete

aroeira-cha-sabonete

A aroeira-mansa, Schinus terebinthifolius, é uma planta medicinal muito usada no Brasil para a cura de diversas doenças mas, seu uso é especialmente recomendado nos problemas de pele. Aprenda a fazer o chá, o banho e o sabonete de aroeira e resolva alguns problemas como acne, frieiras, manchas de pele e muitos outros.

Apesar das aroeiras, em geral, serem espécies medicinais só se recomenda o uso da aroeira-mansa, também conhecida como aroeira-brasileira, aroeira-vermelha, cambuí, fruto-do-sabiá, e aroeira-pimenteira que são nomes da espécie arbórea e das espécies rasteiras conhecidas como aroeira-do-campo, almecegueira, lentisco, rasteira e mole que são outras espécies curativas com os mesmos usos, segundo a medicina popular. É importante diferenciar claramente da aroeira-brava, Lithraea molleoides, também nativa daqui pois, sua seiva produz urticária e alergias bastante graves em pessoas mais sensíveis. Confira aqui os diferentes nomes científicos das diferentes espécies e, confronte sempre folhas e frutos, caso não tenha a certeza da aroeira que você têm em mãos.

Benefícios do chá de aroeira

Uso interno

Reumatismo, gota, dores ciáticas, antipirético, diarréia, problemas urinários.
Para uso interno pode-se tomar, conforme o efeito esperado, o chá das folhas, em infusão, ou a decocção da casca da aroeira.

Para preparar a infusão, ferva um litro de água mineral, junte 100 gr de folhas frescas de aroeira, abafe por 5 minutos, coe e tome 3 a 4 colheres de sopa ao dia (conserve na geladeira).

Para preparar a decocção, a um litro de água, junte 3 a 4 pedaços de casca de aroeira, leve a ferver por 10 minutos, coe, consuma ao longo do dia, frio (guardar na geladeira).

Uso externo

Leucorreia, ínguas, problemas ginecológicos e sífilis, inflamações e feridas.

Os banhos e compressas de aroeira são feitos com a casca - 25gr de casca ferver em um litro de água. Coar e despejar na ferida ou parte do corpo a ser tratada, tão quente quanto se aguentar.

Também se faz o banho com folhas de aroeira, com o intuito de proteção energética - um punhado de folhas verdes, macerar em água quente, com as mãos, despejar no corpo, após seu banho higiênico, do pescoço para baixo. Esta prática está na ritualística das religiões afro-brasileiras onde a aroeira é uma planta consagrada a Ogum, uma erva do elemento fogo.

Sabonete de aroeira

O uso diário do sabonete de aroeira é excelente para diversos problemas de pele como acne, cravos, espinhas, manchas, rugas, frieiras, e pequenas escoriações. O uso desse sabonete também é recomendado em casos de psoríase e inflamações da pele. Mas, não é adequado caso sua pele seja seca pois, como a aroeira é tônica e adstringente, a tendência é de que a pele seque mais ainda.

Você vai precisar de 100gr de folhas frescas de aroeira (ou a metade, de folhas secas), álcool de cereal para limpar as folhas, 10 pedaços de sabão de coco (puro, previamente picado), 250 ml de água.

Selecione bem as folhas que for usar na preparação do seu sabonete - descarte as folhas com machucados, fungos ou picadas de insetos. Lave as folhas com álcool de cereais. Coloque as folhas no liquidificador, com a água, e bata até conseguir um suco verde com fragmentos muito pequenos. Coe este suco e leve-o ao fogo, em uma panela de ágata ou vidro (não use panelas de metal). Quando começar a ferver, acrescente os pedaços de sabão de coco que devem derreter à medida que você mistura com uma colher de pau, fora do fogo (o sabão de coco não deve ferver enquanto derrete). Se for necessário, volte ao fogo para ajudar no derretimento do sabão, sempre sem deixar ferver. Despeje a mistura já pronta em formas para sabonete e deixe esfriar.

Para quem gosta de aroeira e sabão de coco essa mistura é deliciosa. Mas, se este não for o seu caso, você pode misturar outras ervas nesta receita e até, se quiser, acrescente óleo aromáticos de sua preferência (mantenha as proporções recomendadas: ou seja, se for misturar, alecrim e hortelã com a aroeira, não ultrapasse os 100 gr de folhas verdes da receita).
É recomendado o uso desse sabonete à noite pois, em alguns casos, o óleo de aroeira é fotoativo podendo causar manchas na pele quando sob efeito dos raios solares.

Especialmente indicado para você:

setaCOMO TER A PELE SEMPRE JOVEM?

setaMANCHAS NO ROSTO: 10 REMÉDIOS NATURAIS

setaREMÉDIOS CASEIROS E CURAS NATURAIS PARA ACNES E ESPINHAS