Furúnculo: tratamentos caseiros para resolver rapidamente o problema

  • atualizado: 
furúnculo

Por ser o maior órgão do corpo humano, a pele é suscetível a desenvolver uma série de doenças, como lesões, manchas e degenerações. Algumas vezes, esses problemas não recebem a atenção devida, o que pode ser bastante prejudicial e complicar ainda mais o quadro. É o caso do furúnculo.

Ele deve ser tratado com seriedade, com auxílio de um especialista. No entanto, algumas ações podem ser feitas em casa para ajudar a tratar esta lesão. Por isso conheça em detalhes o que é exatamente o furúnculo, quais as possíveis complicações e os tratamentos indicados.

O que é o furúnculo

O furúnculo acontece quando uma infecção se instala na pele, penetrando através do folículos dos pelos.

Isso se dá pela ação de bactérias e fungos, principalmente de uma bactéria muito agressiva chamada Staphylococcus aureus.

Sintomas de furúnculo

Pode começar parecendo uma espinha infeccionada, e depois crescer, enchendo-se de água e pus. Além disso, pode lesionar outra áreas da pele e mesmo contaminar outras pessoas, caso elas tenham contato com as secreções. Costuma ter relação com o estado emocional e físico, aparecendo, em ocasião de uma baixa da imunidade, por exemplo.

Além do aspecto do furúnculo, a coceira e vermelhidão da pele também podem estar entre os sintomas, bem como febre, fadiga e mal estar.

Complicações

Por se tratar de uma infecção, o fúrunculo precisa ser tratado corretamente, caso contrário, a lesão pode avançar, ou retornar, caso não receba tratamento adequado.

Além disso, como mencionado, o fúrunculo é contagioso e pode se desenvolver em outras áreas do corpo.

Quando atinge a região ao redor do nariz ou ouvido, é necessário ter bastante cuidado, pois essa área é irrigada por vasos ligados ao cérebro.

Caso a bactéria consiga entrar na corrente sanguinea, pode atingir órgãos, como o coração e os ossos.

Por todos esse motivos, é importante nunca tentar espremer o fúrunculo, justamente para evitar infeccionar outras regiões do corpo.

Quando há presença de sintomas, como febre e glânglios inchados e demora na melhora da lesão, pode ser necessário o tratamento com antibióticos.

Tratamentos

Frequentemente, o fúrunculo se rompe de modo espontâneo, depois de alguns dias. No entanto, caso a lesão persista por mais de duas semanas pode ser necessário procurar ajuda de um especialista para drenar o fúrunculo.

Tratamentos caseiros para furúnculo

Algumas medidas caseiras podem ajudar muito na cura do problema. São elas:

- Higienização correta do local, lavando bem as mãos antes e depois de tocar o fúrunculo, trocando o curativo várias vezes ao dia e individualizando os itens de higiene para evitar que outras pessoas sejam contaminadas;

- A aplicação de compressas de água morna no local do furúnculo ajuda bastante, tendo em vista que melhora a circulação sanguínea da região, aumentando a atuação das células de defesa.

No entanto, vale lembrar, o tratamento caseiro é apenas um complemento.

Outros remédios caseiros de ação antifúngica ou antimicrobiana que costumam ser de uso popular contra furúnculos são:

  • óleo de neem: considerado um poderoso antibacteriano, o óleo de neem pode ser usado em caso de furúnculos por sua ação antisséptica.
  • óleo de melaleuca: por suas propriedades curativas, antisséptica, antibacteriana, cicatrizante e antifúngica, o óleo de melaleuca pode ser usado aplicando uma gota, melhor se diluída, diretamente sobre o furúnculo.
  • argila verde: embora seu uso mais famoso seja nos tratamentos comésticos de beleza, a argila verde também era usada em tempos antigos para tratar feridas e irritações cutâneas. Sua riqueza em minerais ajudariam a pele a se recompor mas, é necessário saber da pureza e da procedência do produto.
  • babosa: usada popularmente para tratar todo e qualquer problema de pele, a babosa tem propriedades cicatrizantes, antifúngica, antibacteriana e anti-inflamatória podendo ajudar a pele a se recuperar dos furúnculos.
  • malva: compressas quentes de malvas podem ser usadas sobre a pele que esteja iniciando um processo inflamatório doloroso, com ou sem pus. A malva tem propriedades emolientes e anti-inflamatórias.
  • tanchagem: esta é outra planta de reconhecidas propriedades antibacterianas e cicatrizantes. Uma gotinha de tintura de tacharem pode ajudar a secar a lesão do furúnculo.
  • gervão: o gervão é ótimo cicatrizante. Suas raízes cozidas podem ser usadas como emplastro sobre feridas abertas ou furúnculos
  • óleo de copaíba: outro antibacteriano, antimicrobiano, anti-inflamatório e cicatrizante, popularmente usado no tratamento de feridas, eczemas, urticárias e furúnculos.
  • óxido de zinco: este composto químico pode ajudar a combater os furúnculos por conta da antissepsia que ele promove, ajudando ainda a secar as lesões.

Procure um médico

Porém, tais remédios caseiros podem até piorar o problema se não administrados com a devida higiene. Conforme anteriormente dito, o ideal é procurar um médico para tratar o problema, de modo correto, evitando assim possíveis complicações.

Leia mais sobre Remédios Caseiros:

seta

PÁLPEBRAS CAÍDAS: 10 REMÉDIOS NATURAIS E EXERCÍCIOS PARA FAZER EM CASA

setaCHÁ DE FOLHA DE GOIABEIRA: O MELHOR CONTRA CANDIDÍASE E SAPINHO

setaCOMO ELIMINAR VERRUGAS COM 10 SIMPATIAS E REMÉDIOS CASEIROS