Remédios caseiros com eficácia científica comprovada

Remédios caseiros
Muitas receitas de remédios caseiros já foram reutilizadas pela indústria farmacêutica, devido a sua comprovada eficácia no tratamento de alguns males. Claro que, em alguns casos, a orientação médica é fundamental e não pode ser suplantada.

Conheça alguns remédios caseiros cuja eficácia é comprovada como benéfica para a saúde.

1. Caldo de galinha

Conhecido como curador de ressaca e fortificante para o organismo, o caldo de galinha traz benefícios, comprovados, também, para o tratamento de problemas respiratórios. O mais indicado é usar galinha ou frango caipira, pois eles estão mais livres de hormônios e antibióticos, que fazem com que esses animais cresçam mais rápido.

 

2. Vinagre e álcool

Foi comprovado que essas duas substâncias ajudam na prevenção de infecções de ouvido em nadadores. Isso comprova que a receita de nossas mães estava correta e é eficaz. Colocar uma gota da mistura de álcool e vinagre alivia as dores e as causas de infecção de ouvido. Entretanto, nos casos em que a infecção já esteja avançada, o recomendável é buscar auxílio médico.

3. Gargarejo com água e sal

Um estudo verificou a eficácia do gargarejo feito com iodopivona diluída em água para previnir doenças respiratórias. A iodopivona tem função antiséptica e, por conter de 9% a 12 % de iodo, tratar a infecção de garganta com uma solução caseira à base de sal iodado e água, funciona. No estudo, foram submetidos 400 pacientes resfriados com sintomas leves ao tratamento de gargarejo com água. Eles apresentaram menos incômodos decorrentes de infecções das vias respiratórias do que aqueles que não seguiram o tratamento.

O gargarejo com água e sal alivia bastante a dor de garganta e os resfriados.

4. Gengibre

Um estudo comprova os benefícios do gengibre para o alívio de nauseas e vômitos quando se consome 1g desse vegetal, independentemente da causa das náuseas. Essa descoberta pode causar um grande alívio para pessoas que precisam fazer tratamento quimioterápico, por exemplo.

Leia tembém: GENGIBRE: TODAS AS PROPRIEDADES E VÁRIOS MODOS DE USÁ-LO

5. Mel

O mel é indicado para tosse noturna, ajudando o doente a dormir melhor. A eficiência do mel foi reconhecida em um estudo sobre pediatria e avaliada pela Organização Mundial de Saúde como altamente recomendável para crianças.

Em um estudo de 2012 feito pela Academia Norteamericana de Pediatria, foi comparado um grupo de crianças que consumiram 10g de mel antes de dormirem com outro grupo que não consumiu o produto. Constatou-se que aqueles que consumiram mel tiveram dormiram muito melhor, porque a tosse diminui bastante.

Leia tembém: CONHEÇA OS TIPOS E OS BENEFÍCIOS DO MEL

6. Gelo

O gelo foi reconhecido em uma pesquisa como uma substância capaz de aliviar as dores provenientes da enxaqueca quando colocado na nuca, embora algumas pessoas diga sentir alívio e outras não. Entretanto, quando as pessoas com dores eram submetidas ao tratamento com gelo e, depois, ele era retirado de suas nucas, as dores voltavam a aparecer.

8. Fita adesiva para tratar verruga vulgaris

Um estudo revelou a eficácia da fita adesiva no tratamento de verruga do tipo vulgares. Essa forma tradicional de eliminar as verrugas se mostrou mais eficiente em 85% dos casos do que o tratamento médico com criogenização, cuja eficácia ficou em torno de 60%.

Deve-se vedar as verrugas com fita adesiva, de preferência preta, impedindo a entrada de ar e luz. Isso evita que as verrugas cresçam.

Leia também:

CURAS E REMÉDIOS NATURAIS PARA GRIPES E RESFRIADOS

PIMENTA: O REMÉDIO NATURAL PERFEITO CONTRA DORES, ESTRESSE E TAMBÉM PARA EMAGRECER

Fonte fotos: shutterstock