Suculentas: saiba o jeito certo de cuidar para mantê-las lindas e saudáveis sem esforço

  • atualizado: 
suculentas rosas

Se você ama plantas, mas não é exatamente alguém com dons de jardinagem, as suculentas podem ser uma ótima opção. Há muitas variedades delas, mas uma característica comum é que, desde que expostas diariamente à luz solar, não precisam lá de grandes cuidados, são bastante auto-suficientes e dispensam grandes quantidades de água.

Uma das variedades mais encantadoras é a espécie chamada de Greenovia dodrentalis, que parece uma rosa verde, com a diferença que ficam em flor por muito mais tempo que suas delicadas primas distantes.

Com folhas e caules que armazenam água, não precisam ser regadas com a mesma frequência de outras plantas e sobrevivem com tranquilidade apenas com a absorção de orvalho ou névoas de umidade.

O que uma Suculenta não dispensa é a companhia do astro rei: elas, que costumam ser associadas aos cactos, como eles necessitam de bastante luz solar, uma média de seis horas por dia. Mas, resistentes que são, algumas prosperam mesmo em ambientes fechados, com sombra, desde que expostas a luminosidade natural suficiente. É sempre bom lembrar que, apesar das semelhanças, nem todos os cactos são tipos de Suculenta e vice-versa.

suculentas rosas verde 3

Para garantir que suas Suculentas permaneçam saudáveis alegrando seu lar, separamos algumas dicas fundamentais e destacamos os erros mais comuns e que precisam ser evitados a todo custo.

O primeiro passo, ao trazer uma dessas lindezas para casa, é garantir que ela tenha o solo adequado e o espaço necessário para se desenvolver. Para isso, é recomendado replantá-la em um vaso adequado, com uma drenagem ideal, para que a água não fique retida na terra, sob o risco de que a raiz apodreça. Os potes de vidro, por exemplo, que costumam ser populares em redes sociais como o Pinterest, não são aconselháveis por esta razão.

suculentas rosas verde

Sobre a terra, lojas especializadas já vendem as misturas adequadas para elas. Além de ficar atento ao tipo de solo e o material do vaso, é importante que, ao replantar a Suculenta, o recipiente escolhido seja maior que o atual, para que assim ela tenha condições de crescer.

É importante que, na transposição, o solo a ser utilizado seja umedecido previamente. Preencha um terço do vaso com a terra nessas condições e ali posicione cuidadosamente a planta, tendo atenção redobrada com as raízes frágeis. Em seguida, complete o vaso, sempre com a terra pré-umedecida.

É importante enfatizar esse processo porque o erro número um que as pessoas cometem ao cuidar de suculentas, é o excesso de água.

Uma vez que estejam no novo recipiente, com espaço para o desenvolvimento, a dica principal de manutenção é, mais uma vez, ficar de olho na quantidade de água, cuidando para que as Suculentas sejam regadas com pouca frequência e que a terra seja molhada de maneira uniforme. O solo precisa estar seco antes que a planta seja regada outra vez. Uma terra constantemente molhada é um perigo para a vida delas!

Uma outra informação importante de se levar em conta é que as Suculentas ficam em um estado de semi-dormência durante o inverno e não crescem ativamente nessa época do ano. O que significa que dispensam de nutrientes extras e, logo, não é um bom momento para fazer uso de fertilizantes. Estes são bem-vindos na primavera ou no final do verão, desde que se opte pelos solúveis em água e se use uma solução equilibrada, seguindo sempre as recomendações do fabricante.

suculentas rosas verde 4

Evite usar areia no vaso das suas Suculentas! Essa recomendação se justifica porque a areia tende a acumular água ao longo do tempo, o que, como você agora sabe, não faz bem para elas.

Se sua escolha for começar com uma muda, a dica de ouro é: tenha paciência, pois o crescimento será lento. As Suculentas levam de seis meses a um ano após a germinação para atingir seu tamanho total.

suculentas rosas verde 5

Por fim, fique de olho nos sinais: é normal que as folhas na parte inferior da sua planta murchem e caiam. No entanto, a queda das folhas no topo da planta indicam a ação de pragas, doença ou excesso de água.

Com todas essas informações em mãos, aproveite a companhia dessas maravilhas! A vida com certeza fica mais bela ao lado delas.

Talvez te interesse ler também:

ESTE PARQUE É O PARAÍSO DOS CACTOS E DAS PLANTAS SUCULENTAS

10 ESPÉCIES DE CACTOS E PLANTAS SUCULENTAS FÁCEIS DE CULTIVAR E MANTER. FOTOS

 

AS PLANTAS REALMENTE PURIFICAM O AR EM CASA? PESQUISA FRANCESA QUESTIONA

Fonte fotos powerfulmind.co

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!