Você sabe porquê as folhas das suas plantas ficam amarelas?

plantas-amarelas

A clorose é sintoma comum de planta doente - as folhas ficam amareladas - mas, cada tipo de amarelado tem um motivo.

Aprenda aqui como entender porque suas plantas ficaram amarelas e dê a elas o que precisam para resolver o problema. Pode ser que falte ou haja excesso de água, faltem de nutrientes fundamentais, seja por ataques de bichos (pragas como pulgões, cochonilhas, lagartas) ou doenças bacterianas e virais.

Ocorre clorose acontece quando há pouca clorofila nas folhas da planta, ou esta se degradou. E a deficiência de clorofila ocorre quanto a fotossíntese, por algum motivo, é deficiente. Isso significa doença para a planta pois, a fotossíntese é, nada mais, nada menos, que o jeito que a planta tem de transformar alimento em energia. Então, se a planta está doente, não conseguindo se alimentar bem nem obtendo energia, ela irá morrer se você não resolver o problema.

As deficiências mais comuns e a forma de resolvê-las

 

1) Deficiência de nutrientes

As plantas precisam de 13 minerais essenciais e, se estes não estão disponíveis no solo, elas padecerão a não ser que você os ofereça. Os principais são N - nitrogênio, P - fósforo e K - potássio, que você oferece com a introdução de composto orgânico bem curtido ou em produtos líquidos ou granulados, existentes no mercado. Seguem em importância o Ca - cálcio, Mg - magnésio e S- enxofre, também existentes no composto orgânico e na cal para calagem (se faz 3 meses antes do plantio).

Os outros elementos são necessários em pequenas quantidades - B - boro, Cu - cobre, Fe - ferro, Cl- cloro, Mn - manganês, Mo - molibdénio e Z - zinco - que podem estar em aparas de relva, folhas de árvore e outras matérias orgânicas, portanto, no composto bem curtido. Faça uma análise de solos para detectar a falta ou, se não puder fazer, adube seu solo de forma mais completa e observe. Dê uma conferida no infográfico para determinar que tipo de clorose é que está ocorrendo com suas plantas:

2) Insetos, fungos e doenças bacterianas ou virais

As manchas são localizadas em algumas folhas ou partes da planta, as folhas podem ter pequenos furinhos, ou estarem carcomidas nas bordas, ou só nos veios, ou você pode encontrar manchas pelos caules, ou embaixo das folhas, ou ajuntamento de bichinhos, colônias, ou manchas escuras oleosas, por exemplo. Há uma infinidade de sintomas visuais para as doenças fitossanitárias mas, você poderá ter bons resultados com algumas ações práticas, mesmo que não saiba qual doença é.

Use repelentes orgânicos, troque a terra do vaso, adube melhor, faça rotação de culturas e mantenha a terra com umidade controlada (o excesso de umidade ou a falta de luz podem aumentar a quantidade de fungos e outros patógenos), arranque as folhas estragadas, não deixe qualquer resto vegetal doente no vaso ou no pé da planta.. E caso toda a planta esteja doente, jogue tudo fora, terra e restos, bem longe. Dependendo da causa, do patógeno, é viável jogar os restos na sua composteira orgânica.

3) Irrigação e insolação

As plantas precisam de quantidades diferenciadas de luz e água, respeite as idiossincrasias de cada espécie e cuide para que sempre ocorra uma boa drenagem em seus vasos e jardim. Então, experimente mudar o vaso de lugar - se está na sombra, leve-o para o sol, se está ao vento, ponha-o em lugar mais protegido. Observe a terra dos vasos, se está gretada, troque e melhore a drenagem do fundo, com pedrisco, areia, e ponha bolinhas de argila ou lascas de madeira, na superfície, para preservas a umidade.

plantas amarelando infográfico

 Leia também:

5 REMÉDIOS NATURAIS PARA PROTEGER SUAS PLANTAS DOS PULGÕES

11 FERTILIZANTES E PESTICIDAS ORGÂNICOS FEITOS EM CASA

ADEUS PESTICIDAS? LUZ LED É ECO-ARMA CONTRA AS PRAGAS

Fonte: http://www.saferbrand.com/blog/plants-turning-yellow/