De quanto em quanto tempo devemos trocar as toalhas de banho?

  • atualizado: 
toalhas

Cada família tem uma periodicidade para colocar as toalhas de banho para lavar. Em algumas, elas são lavadas semanalmente, quinzenalmente e, até mesmo, mensalmente. Algumas trocam de toalha até duas vezes na semana! Mas, afinal, de quanto em quanto devemos colocar as toalhas de banho para lavar?

Sair do banho e usar uma toalha cheirosa e seca não é só uma questão de toque (ainda mais se a toalha for felpuda!), mas, principalmente, de saúde. Segundo uma matéria da BBC, a razão para a preocupação sobre a troca das toalhas têm a ver com fungos, bactérias e ácaros.

Tanto as toalhas de banho quanto as de rosto acumulam esses seres invisíveis, além de células mortas do nosso corpo, secreções salivares, urinárias e anais.

As toalhas são lares perfeitos para a manutenção da vida desses seres, devido à água, à temperatura e ao oxigênio que eles encontram no tecido.

Os perigos dos microorganismos nas toalhas

Como já é sabido, o nosso corpo é repleto de microorganismos. Logo, quando nos secamos com uma toalha, eles se depositam nela, mais as secreções. Grande parte dos micróbios não causa mal à nossa saúde, tanto que convivemos em "paz" com eles. O problema é que a toalha apresenta as condições favoráveis para a sua multiplicação: os resíduos celulares e o oxigênio são alimento para os micróbios. Juntando isso com a umidade do banheiro, eles fazem a "festa do acasalamento".

O risco aumenta para aqueles que não se importam em compartilhar a toalha, pois o corpo fica exposto aos micróbios alheios. Sem falar dos micróbios que vivem no próprio banheiro. Ou seja, é micróbio para todos os lados e de diferentes origens.

O que dizem as pesquisas

Alguns estudos realizados em hospitais afirmam que toalhas e lençóis são veículos de disseminação de vírus e bactérias. Não se pode comparar o ambiente de um hospital com o de uma residência, mas não trocar a roupa de cama e banho pode se transformar em um problema.

A especialista em doenças infecciosas e consultora do Fórum Científico Internacional de Higiene do Lar Sally Bloomsfield disse à BBC que não existem provas científicas que determinam a periodicidade com que toalhas e lençóis devem ser trocados, mas ela alerta que existem provas de riscos de infecção em casa, como doenças de pele e outras causadas pelas bactérias Escherichia coli e Staphylococcus aureus.

Afinal, com qual frequência devemos trocar as toalhas?

A questão da frequência da troca de toalhas tem a ver com a secagem entre um uso e outro. Como muitas vezes as tolhas ficam atrás da porta do banheiro ou são secas em um ambiente com pouca ventilação, ela pode ficar úmida.

Sally Bloomsfield aconselha que a troca seja feita semanalmente, para evitar o risco de infecções. Entretanto, Philip Tierno, microbiólogo e patologista da Escola de Medicina da Universidade de Nova York, aconselha que a troca deve ser feita mais de uma vez na semana. "Se você consegue secá-las completamente, não deve usá-las mais do que três vezes. Este é o máximo", sugere.

Veja as condições do banheiro da tua casa (ventilação, etc) com o clima (úmido, etc) e decida se é necessário trocar semanalmente ou mais vezes. Veja mais dicas a seguir:

Umidade e micróbios: como evitar problemas?

Bloomsfield sugere evitar o compartilhamento de toalhas, incluindo as toalhas de mão, bem como outros itens de higiene pessoal, como escovas de dente.

Kelly Reynolds, que é professor de saúde ambiental da Universidade do Arizona, explica que "bactérias e mofo começam a se acumular, mas seu crescimento é freado à medida que a toalha seca".

Outra forma de bloquear a ação dos microorganismos é enxaguar a toalha com água a 60 graus ou usar detergentes com ação branqueadora, que tenham como base o oxigênio, que tal o super natural bicarbonato de sódio? Se possível, o ideal é secar as toalhas ao ao livre.

Uma dica de Bloomsfield é: melhor lavar demais do que de menos. Além dessa, o cheiro de umidade na toalha indica que os micróbios estão se proliferando no tecido. Se você sentir esse mau cheiro, lave-a imediatamente!

Na dúvida, o melhor é se garantir a lavar as toalhas, pelo menos, uma vez na semana.

Especialmente indicado para você:

VOCÊ SABE ONDE DEVE GUARDAR A ESCOVA DE DENTE?

9 MIL ESPÉCIES DE FUNGOS E BACTÉRIAS MORAM COM VOCÊ

bicarbonato de sódio