No Uruguai nasce uma escola feita com pneus, garrafas e latas reutilizadas

Escola sustentável no Uruguai

No dia 1° de fevereiro de 2016, começou a construção da primeira escola 100% sustentável na América Latina. Para a construção da edificação, além dos materiais tradicionais, serão utilizados pneus, garrafas, latas e papelão reutilizados.

A nova escola, inovadora e autosuficiente, receberá os alunos da vizinhança, cerca de 100 crianças, que terão a oportunidade de viver em contato direto com o ambiente e a natureza.

A escola é adequada à zona rural em que foi projetada, e permitirá que a cada dia, a comunidade local passe a entender melhor o uso dos recursos naturais e do ambiente.

A nova escola rural quer promover em particular a educação e a inovação sustentável para um novo estilo de vida.

foto: El Pais Uruguay

A construção da escola terá lugar graças à intervenção da Earthship Biotecture, liderada pelo arquiteto norte-americano Michael Reynolds. A nova escola se encontra na cidade de Jaureguiberry, uma aldeia costeira no departamento de Canelones, onde vivem cerca de 500 pessoas com muitas crianças em idade escolar.

foto: Clarin

O envolvimento das crianças, professores, pais e cidadãos no nascimento da nova escola rural será a todo o vapor. Eles participarão do projeto para torná-lo único e para adaptá-lo às suas necessidades.

Assista ao vídeo da entrevista com o arquiteto Michael Reynolds.


Este é um video que mostra o método de construção da Earthship Biotecture.

Leia também:

ENSINANDO A SER GENTE: ESCOLA INOVA EM MÉTODO DE ENSINO

O TIJOLO DO FUTURO SERÁ ECOLÓGICO, ECONÔMICO E PRETO

UMA ESCOLA DE TELHADO VERDE NA PERIFERIA DE PARIS

Fonte foto capa: LR21