Viajando nas águas da Nova Zelândia em um iate solar e autossuficiente

  • atualizado: 
SoelCat 12

Ao que parece, o futuro da náutica também é elétrico, se tivermos em mente o SoelCat 12, o catamarã alimentado por painéis solares lançado estes dias na Nova Zelândia.

A empresa que desenvolveu o iate inovador o definiu como "autônomo”, mas isso não significa que ele dirige sozinho, e sim que o barco é autossuficiente do ponto de vista energético, graças aos painéis solares montados em seu telhado.

A nova geração de catamarãs foi concebida e desenhada pela empresa holandesa SOEL Yachts que reduz não apenas significativamente as emissões de dióxido de carbono na atmosfera, mas também a poluição sonora, porque é um meio de transporte particularmente silencioso.

O SoelCat 12 foi construído na Nova Zelândia, tem 12 metros de comprimento e, graças à energia obtida de seus painéis solares e à bateria de lítio-íon com capacidade total de 120kWh, pode navegar por 6 horas seguidas a 8 nós ou, por 24 horas durante a noite em velocidade reduzida, quando os painéis solares não recolhem mais energia.

Os sistemas do barco, incluindo o consumo de energia, podem ser monitorados via telefone ou tablet, e o iate pode ainda ser útil quando não estiver em uso, pois pode se tornar uma central elétrica móvel, capaz de fornecer energia para um máximo de cinco casas.

yatch eletrico1

yatch eletrico2

yatch eletrico3

yatch eletrico4

yatch eletrico5

Simplesmente um luxo que esperamos ver navegar em nossas águas. O único problema fica sendo o preço: cerca de 600 mil dólares!

Leia mais sobre Meios de Transportes:

seta

O CARRO VOADOR ESTÁ À PORTA

setaEM MADRI O JARDIM CRESCE EM CIMA DO ÔNUBUS (E REDUZ A POLUIÇÃO)

setaPARIS TEM MICRO-ÔNIBUS ELÉTRICO E SEM MOTORISTA