Caçador de 22 anos desafia as chamas para salvar coalas dos incêndios na Austrália

Um jovem caçador australiano colocou sua vida em risco para salvar coalas e outros animais selvagens presos em incêndios na Austrália.

Patrick Boyle, um caçador de 22 anos, entrou em uma floresta de eucalipto carbonizada, em Mallacoota, procurando animais para ajudar, encontrando mais de dez espécimes mortos e salvando uma quantidade quase igual.

Os animais resgatados pelo rapaz foram acolhidos em um abrigo para a fauna selvagem, o “Mallacoota Wildlife Shelter”. O refúgio é encarregado de socorrer e reabilitar animais selvagens feridos ou órfãos, para libertá-los quando as condições permitirem.

Hello all out there. Just wanting to let everyone know we are safe and our house is safe. We have water but no power. …

Geplaatst door Mallacoota Wildlife Shelter op Donderdag 2 januari 2020

Nos últimos meses, os funcionários do refúgio estão sobrecarregados: coalas, cangurus, gambás e outros animais feridos em incêndios chegam todos os dias.

Os especialistas estimam que cerca de 500 milhões de animais selvagens morreram durante os incêndios desde setembro.

Talvez ninguém espere que justamente um caçador se empenhe para ajudar animais em dificuldade mas, quem sabe essa situação tenha feito esse jovem mudar sua concepção de vida, percebendo agora que é muito importante tentar resgatar e salvar o maior número possível de animais. E que ele nunca mais volte a caçar! Acontece!

É por isso que os australianos não estão poupando esforços, todos os dias, ao lado de bombeiros, veterinários e voluntários, para retirar os animais das chamas e tentar conter as já enormes perdas registradas.

Você certamente se lembrará de Toni, a mulher que se lançou entre as chamas na floresta de Port Macquarie para salvar Lewis, um coala que mais tarde se tornou símbolo do inferno que atingiu a Austrália.

Infelizmente, o pobre Lewis não conseguiu sobreviver devido à gravidade de seus ferimentos, mas ainda existem muitos coalas e outros animais selvagens presos nas florestas australianas e muitos cidadãos estão prontos para assumir riscos pessoalmente para salvar essas vidas.

Talvez te interesse ler também:

Como ajudar as vítimas da Austrália: pessoas, animais e florestas

Incêndios na Austrália: mais de 180 pessoas são investigadas, 40 menores. Penas vão até 25 anos de prisão

Vídeos mostram centenas de cangurus e coalas mortos nos incêndios na Austrália. Consciência. Aquecimento global existe

Sobre Redação GreenMe

Redação GreenMe
greenMe.com.br é um site de informação sobre meio ambiente e saúde, criado para levar ao grande público, a consciência de que um mundo melhor é possível, através de um comportamento respeitoso com todas as formas de vida.

Veja Também

Teste do espelho: quais animais reconhecem o próprio reflexo?

Será que os animais conseguem reconhecer o próprio reflexo no espelho? Um teste desenvolvido por …