Como plantar beterraba na água e em garrafa pet

  • atualizado: 
plantar beterraba

A beterraba é um alimento funcional e também serve como planta medicinal, além de ser um ingrediente delicioso para saladas, refogados e sopas. Que tal cultivar esse vegetal?

Existem várias formas para isso, desde plantar sementes ou brotos em garrafas pets, até fazer sua cultura em maior quantidade na terra. Tudo irá depender das condições apropriadas e do espaço que você tiver disponível para plantar.

Saiba mais sobre como plantar beterraba com os tópicos que vêm a seguir:

 

1. Classificação científica

A beterraba apresenta os seguintes dados botânicos:

  • Nome Científico: Beta vulgaris esculenta
  • Nomes Populares: beterraba, beterraba-hortense
  • Família: Amaranthaceae
  • Categoria: plantas hortícolas, raízes e rizomas
  • Clima: continental, mediterrâneo, subtropical, temperado, tropical
  • Origem: Europa
  • Altura: 0.3 a 0.4 metros, 0.4 a 0.6 metros
  • Luminosidade: sol pleno
  • Ciclo de Vida: bienal
 

2. Etimologia do nome

O nome da beterraba deriva do substantivo francês betterave que significa:

  • bette = acelga
  • rave = nabo
 

3. Características gerais

Costuma-se definir a beterraba como raiz, assim como é a cenoura e a mandioca, entretanto o órgão de reserva dela é o caule.

Essa raiz tuberosa gosta de climas temperados, ou seja temperaturas amenas, em torno de 20º C.

Seu plantio, para melhor resultado, deve ocorrer no período de abril a junho, embora se possa semeá-la o ano inteiro. As mais cultivadas e produzidas no Brasil são as: Early Wonder, a Early Wonder Tall Top e a Wonder Precoce.

A beterraba é rica em açúcares, sais minerais e vitaminas.

Da mesma espécie que a beterraba-hortense, de subespécies diferentes temos a acelga (B. vulgaria cicla), a beterraba-açucareira (B. vulgaris altissima) e a beterraba-forrageira (B. vulgaris rapa).

As principais variedades de beterraba-hortense são: Chata-do-Egito, Maravilha, Redonda, Itapuã, Vermelha-Comprida, entre outras. A beterraba possui folhas grandes em roseta, com talos longos e firmes. As folhas são brilhantes, sendo em geral de coloração verde a avermelhada com diversas tonalidades.

As raízes são tuberculinizadas, ricas em reservas, geralmente com coloração roxa a avermelhada. Existem variedades de beterraba branca e amarela. As flores são minúsculas com densas inflorescências e são polinizadas pelo vento. Os frutos têm de 3 a 5 sementes duras e são pequenos glomérulos.

A beterraba é oriunda das regiões de clima temperado da Europa e do Norte da África.

No Brasil, é cultivada nas Regiões Sudeste e Sul.

4. Propriedades e Benefícios

A beterraba é rica em um açúcar que não é inadequado para pessoas diabéticas, desde que consumido na quantidade apropriada. É recomendada para casos de anemia, por ser rica em ferro e ácido fólico.

As folhas de beterraba têm propriedades semelhantes às folhas do espinafre, ambas são utilizadas na indústria farmacêutica por causa de suas qualidades curativas e terapêuticas.

A beterraba tem propriedades medicinais devido ao seu elevado índice de sais minerais, vitaminas e carboidratos. Os médicos recomendam comê-la crua, ralada, em salada.

Tem ação neutralizadora de ácidos, auxiliando na formação de glóbulos vermelhos. Por ser uma rica fonte de ferro e cobre, auxilia na produção das plaquetas.

Propicia o fortalecimento muscular devido à sua alta concentração de potássio e manganês, fortalecendo tendões, além de ter ação anti-inflamatória.

Fortalece o coração, estimula a circulação sanguínea, purifica o sangue.

Utilizada junto com a cenoura, a beterraba regula os hormônios.

Independentemente do tipo de beterraba que temos, estaremos sempre falando de uma hortaliça que traz muitos benefícios para a saúde, tais como:

  • Melhora a visão
  • Previne o câncer
  • Evita derrames
  • Fortalece o sistema imunológico
  • Tem ação antioxidante
 

5. Composição Nutricional

Valores nutricionais:

Cada 100 gramas de beterraba contém:

  • Calorias - 50kcal
  • Proteínas - 3g
  • Gorduras - 0g
  • Vitamina A - 2 U.l.
  • Vitamina B1 (Tiamina) - 50 mcg
  • Vitamina B2 (Riboflavina) - 50 mcg
  • Vitamina B3 (Niacina) - 0,600 mg
  • Vitamina C (Ácido ascórbico) - 35,2 mg
  • Potássio - 350 mg
  • Sódio - 95 mg
  • Fósforo - 40 mgCálcio - 25 mg
  • Zinco - 0 mg
  • Ferro - 2,50 mg
  • Manganês - 0,5 mg
 

6. Utilizações culinárias

A beterraba, tanto raízes como folhas, pode ser consumida cozida, para isso a sugestão é cozinhá-la inteira, com casca e com 5 cm do talo, adicionando duas colheres de vinagre na água para que se mantenha intacta em sua cor.

Outras formas de consumi-la é assada ou crua. Suas raízes doces e saborosas podem ser utilizadas em saladas, sucos, bolos, cozidos, conservas, entre outros modos. Além disso são muito nutritivas e encerram considerável nível de ferro.

As folhas e talos podem ser preparadas da mesma forma que a acelga. O colo tuberizado além de servir para fins culinários, serve para a produção de açúcar (sacarose).

A beterraba é também utilizada também para a alimentação animal.

Para conservar por longo tempo as beterrabas, deve-se se guardá-las na geladeira.

plantar betrraba2

7. Usos medicinais

A beterraba possui as seguintes finalidades terapêuticas e medicinais:

É digestiva, diurética, antioxidante, emoliente, cicatrizante e trata de afecções hepáticas, cálculos biliares, reumatismo e fraqueza geral. As partes utilizadas para tratamentos são: folhas e raiz.

8. Do plantio à colheita

8.1. Orientações para o cultivo de beterraba

Para um bom plantio em maior escala, o melhor período são os meses de abril a maio. O plantio pode ser realizado direto no solo ou em canteiros, contanto que tenham cerca de 1,2 m de largura e 20 cm de altura.

O espaçamento deve ser de 30 cm entre linhas. A irrigação da cultura de beterraba deve ser por meio de aspersão, porque fornece um volume considerável de água para a beterraba e de forma frequente durante todo o ciclo produtivo.

Para que a planta se desenvolva bem, deve-se proceder à capina manual com frequência.

A beterraba deve ser colhida quando apresentar em torno de seis centímetros de diâmetro, com peso aproximado de 150 gramas, isso ocorre após 60 dias do plantio, se for feita a semeadura em vez do plantio de mudas.

É necessário ser cultivada sob sol pleno, com solo fértil, drenável, fofo, enriquecido com adubo vegetal e irrigado regularmente. Se for plantada em canteiros, estes devem estar elevados em cerca de 15 cm, quando ocorrer o plantio.

É melhor realizar a semeadura em local definitivo. Pode-se plantar as sementes em vasos de garrafas pets ou vasos comuns. Se dá bem com clima ameno, desenvolvendo-se melhor no outono e inverno, mas pode ser cultivada também no verão.

A colheita acontece em 70 dias no verão e 80 dias no inverno. A beterraba resiste à geada. O melhor crescimento é obtido em solos tépidos.

Cada semente de beterraba desenvolve de três a quatro raízes, que crescem em proporções diferentes, por isso quando for colher, retire a dominante primeiro, para dar mais tempo para as outras se desenvolverem. Molhe as sementes antes de plantá-las para ajudar na germinação.

Períodos de seca ou calor pode produzir anéis brancos na beterraba, porém o sabor não é afetado. Espaçamento adequado para o plantio definitivo de beterraba: 20 a 30 cm x 10 a 15 cm.

Cultivo de beterraba em maior escala: 155.000 a 350.000 plantas/hectare, para esse tipo de plantação é necessário: 10 kg de semente comercial por hectare ou sistema de mudas em canteiro com 4 kg/ha ou sistema de mudas em bandeja: 1-2 kg / ha.

8.2. Técnicas de plantio

Cultivo de sementes em canteiros

A semeadura se realiza em área de 1,0 a 1,2 m de largura, 20 a 30 cm de altura e planta-se as sementes separadas entre si por 40 a 50 cm, em uma profundidade de 1 a 2 cm, de forma manual ou mecanicamente.

Antes de plantar as sementes se faz a imersão delas em água corrente, por 12 horas.

Plantio de mudas em canteiros

As mudas são transplantadas cerca de 20 a 30 dias após a semeadura, quando tiveram de 5 a 6 folhas e 15 cm de altura.

Para mudas cultivadas em bandeja, o transplante ocorre cerca de 20 dias após a semeadura.

8.3. Plantio de sementes em garrafas-pet

Para plantar sementes em garrafa-pet são necessários os seguintes passos:

  1. Uma garrafa-pet de 3 litros cortada, com três furos no fundo.
  2. Colocar terra com substrato (compostagem caseira de folhas, cascas, palha e serragem)
  3. Plantar as sementes de beterraba (podem ser compradas em lojas de jardinagem) na terra em uma profundidade de 1 cm e regar
  4. Colocar o vaso de garrafa-pet com as sementes de beterraba em um local que incida Sol pleno e regar sempre que necessário para manter a terra úmida (regue quando não estiver batendo Sol na planta para não queimá-la)
  5. Após 50 dias se formará o bulbo da beterraba e conforme ela começar a aparecer será necessário colocar mais terra para cobri-lo
  6. Em 90 dias já poderá colher a beterraba que estará em um tamanho, consistência e sabor ideal para ser consumida

O plantio a partir de brotos da beterraba em água ou terra, para se obter mudas, será explicado nos vídeos mais adiante. Confiram!

8.4. Colheita

Quando der para ver a raiz, se terá uma ideia do seu tamanho. As beterrabas estarão prontas para a colheita quando atingirem aproximadamente o tamanho de uma pequena laranja.

Para colhê-las, segure a parte de cima e eleve a raiz como se estivesse movimentando uma ferramenta, como uma pá, por exemplo.

As beterrabas costumam estar prontas para a colheita cerca de 8 semanas após a semeadura ou quando o tubérculo atingir 2,5 cm de diâmetro.

Pode-se colher, de foma alternada, retirando algumas beterrabas antes e deixando as outras para se desenvolverem até a maturidade, assim crescem mais rápido. As que têm um diâmetro de cerca de 7,5 cm costumam ter melhor sabor.

8.5. Recomendações

Conserve algumas beterrabas no solo para a próxima estação, pode-se manter algumas beterrabas no solo até a próxima primavera, por exemplo, mas será necessário protegê-las. Para isso as cubra com matéria orgânica composta por palha ou feno.

Se o frio do inverno não for abaixo de -18º C, pode remover a camada protetora de palha e retirar mais raízes durante o inverno, entretanto esse procedimento poderá fazer com que as beterrabas tenham uma textura lenhosa.

Não corte as folhas, apenas as remova, torcendo-as cerca de 5 cm acima da coroa, isso ajuda a evitar "sangramento", que tira e enfraquece a cor da beterraba.

As coroas podem ser guardadas, cozidas e comidas como espinafre e são muito saborosas

8.6. Dicas importantes para o plantio

A melhor época e temperatura para o plantio da beterraba e seu desenvolvimento ocorre em clima na faixa de 10 a 20°C. Para semear em altitude inferior a 400 metros, o indicado é de abril a junho; de 400 a 800 metros, de fevereiro a junho; acima de 800 metros, o ano todo.

O cultivo no verão pode ser produtivo, mas é mais arriscado, devido a alta incidência de doenças que pode afetar a plantação de beterraba.

9. Como fazer muda de beterraba na água

Neste vídeo é ensinado como plantar a beterraba a partir da que compramos no mercado, colocando na água, para desenvolver a muda e depois plantar em vaso ou solo.

10. Como plantar beterraba em garrafa-pet

Este vídeo mostra como obter muda a partir do broto que surge na beterraba que compramos no mercado, podendo plantar em vaso de garrafa pet ou na terra do quintal ou jardim.

Este vídeo do Canal Pomar e Horta em Vasos traz dicas rápidas para plantar beterraba na garrafa-pet. Dá uma olhada.

Bem, agora se quiser consumir beterraba orgânica já sabe como plantar! Bom plantio!

Talvez te interesse ler também:

setaBETERRABA: PERFEITA PARA A SAÚDE! VEJA OS BENEFÍCIOS, COMO USAR E FAZER O SUCO

setaSOPA DE BETERRABA: SABOROSA E SAUDÁVEL

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!