Chá preto: benefícios e malefícios. Atenção! Não é para todos!

  • atualizado: 
chá preto

Que tomar chá faz bem e promove muitos benefícios para a saúde, todo mundo sabe. O que muitos não sabem é que cada tipo de chá tem uma finalidade e nem todos servem para todo mundo. O chá preto é um deles.

Apesar de possuir diversos benefícios, o chá preto deve ser evitado por pessoas que têm pressão alta, por exemplo. Assim como o chá verde, o chá preto possui muitas substâncias estimulantes que ao invés de ajudar, pode atrapalhar a saúde de pessoas hipertensas ou que sofrem de prisão de ventre.

Por isso, vamos entender melhor o que é o chá preto, quais os seus benefícios, malefícios e para quem ele não é indicado.

 

1. O que é o chá preto?

O chá preto é um tipo de chá extraído da planta Camellia sinensis, a mesma de onde são extraídos outros três tipos de chás: verde, branco e oolong (chá chinês tradicional).

A diferença entre eles está apenas na forma como eles são processados pois, diferente do chá verde e do branco, o chá preto passa por um processo de fermentação, o que o torna mais escuro do que os outros. Daí a origem do nome chá preto, embora também seja conhecido como chá vermelho na China.

O processamento do chá preto pode ocorrer de duas formas: pelo método CTC (Crush, Tear, Curl) que significa “Esmagamento, rasgo e enrolamento” ou pelo método manual.

O método CTC é utilizado para processar as folhas de qualidade média a baixa e é realizado por máquinas. Já o processo manual é utilizado no processamento de folhas de melhor qualidade, as quais são procuradas por apreciadores e especialistas. Nesse método as folhas passam por um período maior de oxidação para depois serem enroladas e secas em bandejas quentes.

Dentre os diversos tipos de chá preto, os mais conhecidos são: Darjeeling, Assam, Nilgiri e Ceilão (indianos) e o Keemun (chinês).

2. Benefícios

Os chás extraídos da Camellia sinensis são ricos em antioxidantes, cafeína, vitaminas e minerais como cálcio, potássio e fósforo, entre outros.

Essas propriedades ajudam no combate aos radicais livres, previnem o envelhecimento precoce, ajudam no emagrecimento, na redução das taxas de colesterol ruim e no controle da diabetes tipo 2.

O chá preto é o que possui menos antioxidantes comparado aos outros tipos porém, como ele possui maior quantidade de cafeína, ele é o que tem maior efeito na perda de peso, segundo nutricionistas.

Assim como os outros chás extraídos da mesma planta, o chá preto também possui propriedades anti-inflamatórias e, se consumido moderadamente, ajuda a regular a pressão arterial, prevenindo problemas cardiovasculares.

Em resumo podemos destacar como benefícios do chá preto:

  • Ajuda a manter o cérebro sempre alerta e estimula o sistema nervoso central
  • Protege as células do organismo devido à ação antioxidante
  • Facilita a digestão
  • Ajuda a hidratar o organismo
  • Diminui o apetite, pois dá sensação de conforto no estômago
  • Acelera o metabolismo
 

3. Malefícios do chá preto

Apesar de possuir muitas propriedades benéficas para o organismo, se consumido em excesso, o chá preto pode atrapalhar a saúde ao invés de ajudar. Isso porque os malefícios causados pelo chá preto estão relacionados aos efeitos secundários que ele faz no organismo, como por exemplo:

3.1. Efeito adstringente

O chá preto também é composto por taninos que têm esse efeito adstringente, ou seja, ele pode secar e desidratar o intestino, ocasionando prisão de ventre e atrapalhando a absorção de nutrientes. Além disso, essa disfunção prejudica a absorção do ferro pelo organismo podendo levar a pessoa à anemia.

3.2. Efeito excitante

A cafeína juntamente com outros alcalóides contidos no chá preto pode afetar negativamente o sistema nervoso, devido aos efeitos estimulantes destes componentes. Por isso, o consumo excessivo de chá preto pode causar sintomas como

  • dor de cabeça
  • nervosismo
  • irritabilidade
  • alterações no ritmo cardíaco
  • tremores
  • ardor no estômago
  • enjôos
  • zumbidos nos ouvidos
  • convulsões
  • confusão mental
  • dependência psicológica

3.3. Efeito desmineralizante

Devido ao efeito diurético, o consumo excessivo de chá preto pode causar a perda de grande quantidade de eletrólitos, o que por consequência causa outros problemas como cãibras, por exemplo.

Por isso, recomenda-se o consumo de no máximo 2 a 3 xícaras de chá preto por dia. Mais que isso pode acarretar os distúrbios relatados acima.

4. Quem deve evitar de beber chá preto

 

Pelos motivos expostos, o consumo de chá preto não é indicado para:

  • Pessoas com problema de pressão arterial (hipertensão)
  • Mulheres grávidas ou em período de amamentação, pois seus efeitos podem estimular demais o organismo e afetar a saúde do bebê
  • Pessoas com anemia
  • Pessoas com problemas gastrointestinais e prisão de ventre

Salvo estes casos, o consumo de chá preto é recomendado para qualquer pessoa, desde que respeitando a dosagem de no máximo 3 xícaras por dia.

Se estiver na dúvida, consulte um médico ou nutricionista para saber se há alguma restrição no consumo deste chá. Estando liberado, é só colher os benefícios!

Talvez te interesse ler também:

CHÁ OOLONG → TEM AÇÃO EMAGRECEDORA E É ANTIOXIDANTE!

COMO PREPARAR CHÁ VERDE – DICAS E RECEITAS PASSO A PASSO

CHÁ MATE: TODOS OS BENEFÍCIOS

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!