No Japão, contrata-se homem de meia-idade para ouvir problemas

  • atualizado: 
Japão homem

No Japão um homem chamado Takanobu Nishimoto tem um site denominado "Ossan Rental", que opera de sua casa em Tóquio. "Ossan" é o mesmo que "tio", um termo que, a grosso modo, se refere à homem de meia-idade. No Japão essa palavra é uma forma depreciativa de designar homens mais velhos.

Pagando mil ienes, o equivalente à trinta e três reais e trinta e um centavos por hora, pode-se contratar um homem de meia-idade para ouvir problemas, fazer tarefas domésticas ou dar conselhos sobre a vida.

Takanobu Nishimoto, o consultor de moda de cinquenta anos, iniciou esse serviço online chamado "Ossan Rental" em 2012, gerenciando essa atividade incomum e original.

Saiba mais sobre essa história com o que vem a seguir:

1. Como é a prestação de serviço da Ossan Rental

No Japão, os homens de meia-idade por vezes se sentem ultrapassados e sem perspectivas, perdendo a motivação e a auto-estima, por isso Nishimoto, criou esse serviço para mudar essa realidade.

As necessidades dos clientes que contratam esse serviço variam: alguns buscam conselhos para carreira e amor, outros simplesmente querem companhia em shows ou em bares e ainda existem aqueles que precisam de alguém para ajudar na arrumação de casa.

Nishimoto assegura a segurança de seus clientes, examinando aqueles que se candidatam para trabalharem em "Ossan". Um dos requisitos necessário para trabalhar é não ser falador demais, uma característica que a maioria dos clientes não apreciam.

Ele também verifica o registro criminal e não permite que seus funcionários tenham intimidade e relacionamento físico com os clientes, se isso for descumprido o funcionário perde o emprego. Takanobo Nishimoto entende que homens maduros com suas experiências de vida podem ser úteis e ajudar as pessoas.

O site Ossan Rental recebe cerca de 900 reservas por mês. O funcionário mais popular que pode receber de 50 a 60 reservas, ganha até 100.000 ienes. No site tem cerca 80 "Ossans" para escolher, e a popularidade desse tipo de atendimento cresceu tanto, que inspirados neste modelo de negócio, surgiram outros sites que oferecem este tipo de serviço no Japão.

Os benefícios desse trabalho, para aqueles que o desempenham, é que eles desenvolvem mais confiança, melhoram sua imagem e/ou aprendem lições de vida de outras pessoas.

2. O serviço de alugar humanos

Um dos homens que trabalha na Ossan Rental é Hideki Nakahara, de 66 anos, um funcionário aposentado da Japan Airlines, com anos de experiência na área de recursos humanos.

Formou-se na Universidade de Kyoto, com licenciatura em sociologia educacional. Ele é casado e tem dois filhos. É ótimo ouvinte, pode oferecer conselhos desde a vida e relacionamentos, até carreiras.

Ele recebe apenas ¥ 1. 000 por hora (incluindo impostos) por seus serviços. Nakahara, nessa nova forma de prestação de serviço é um "produto" apresentado no site da Ossan Rental, literalmente um serviço que aluga homens de meia-idade ou idosos. Ele estava no mercado de trabalho há 38 anos e perto do final de sua carreira, Nakahara teve depressão.

Ao se aposentar em 2012, ele se sentiu sem rumo e apático. Estava sem amigos e sua educação e profissão não significavam mais nada, principalmente por ele ser de idade e aposentado.

Nakahara, começou a se perguntar qual era o seu propósito na vida? Depois de receber tratamento para sua depressão, Nakahara resolveu reagir, foi participar de seminários onde conheceu outros aposentados, fez voluntariado, foi assistente de crianças com necessidades especiais em uma escola de ensino fundamental, deu aulas em programas escolares e em uma universidade se ofereceu para trabalhar como conselheiro de carreira.

Ele percebeu que não devia apenas sentar e não fazer nada, pois estava em boa forma física e sua mente ainda estava satisfatória, apesar da depressão. Um dia ao ler o jornal, ele encontrou um artigo sobre a Ossan Rental e ficou impressionado pela proposta do negócio, ele fez contato com o fundador Takanobu Nishimoto e, algumas semanas depois, se inscreveu para fazer parte da lista de homens no site e conseguiu, assim, voltar à ativa.

3. O que motivou Takanobu Nishimoto à criar a Ossan Rental

Nishimoto trabalhou como coordenador de moda e leciona em universidades e escolas profissionalizantes. Um dia, ele ouviu garotas do ensino médio falando de forma pejorativa de homens de meia-idade, se referindo a eles, como pessoas nojentas.

Nesse momento, ele percebeu que os homens de meia idade, em geral, eram desconsiderados e tratados de forma repulsiva e quis fazer algo para mudar isso e provar que os homens de meia-idade são úteis e legais.

Foi, então, que ele criou um site e postou um perfil de si mesmo com uma foto, se oferecendo para ajudar os outros, conforme a necessidade. Sem demora, os pedidos começaram a surgir.

Ele já atendeu cerca de 3.000 clientes. Uma mulher de 88 anos foi um dos primeiros clientes de Nishimoto e, nos últimos seis anos, ele ainda a vê com frequência, pois quase toda semana Nishimoto a visita para conversar e fazer caminhadas com ela. Houve outra cliente que contratou Nishimoto para ajudá-la a comprar uma roupa. Nishimoto por 3 anos se ofertava sozinho em seu serviço de aluguel, principalmente porque não queria se responsabilizar pelas ações de outro homem de meia-idade.

Muitos dos clientes dele eram mulheres e ele queria garantir que elas fossem tratadas de forma adequada e segura. Ele tinha medo de arriscar, pois ele podia responder por ele mesmo, mas não pelos outros.

Depois, ele repensou essa questão e percebeu que precisava dar possibilidade de escolha aos seus clientes, pois algumas pessoas poderiam não querer o atendimento dele. Nishimoto recebe um fluxo imenso de currículos de homens que desejavam se juntar à equipe da Ossan Rental.

Ele faz uma triagem criteriosa dos candidatos, os entrevistando face a face, depois de verificar e analisar seus perfis e fotos. O site da Ossan Rental apresenta fotografias ou ilustrações dos homens e seus perfis. Muitas pessoas querem fazer parte da Ossan Rental, pois acham que é legal e querem contribuir para a sociedade.

Gostou dessa ideia? Contrataria desse serviço? No Japão esse negócio emplacou! Na sua opinião, no Brasil teria o mesmo resultado? Isso dá até uma enquete, não é mesmo?

Talvez te interesse ler também:

EMPRESA QUER CONTRATAR UMA VOVÓ (BUSCA MULHER COM MAIS DE 55 ANOS)

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!