Que profissão escolher? Dicas sobre as áreas mais promissoras em 2017

  • atualizado: 
carreiras

Quais são as carreiras mais promissoras para o ano de 2017? Em determinadas épocas, algumas profissões se tornam muito requisitadas e outras se tornam obsoletas. Para quem vai tentar uma vaga na universidade ou em um curso técnico, ou já está empregado mas insatisfeito, é importante refletir sobre as necessidades profissionais contemporâneas.

O ano de 2017 é considerado por especialistas como um ano de instabilidade e, por isso, é preciso ainda ter cautela. Há ofertas em evidência, em 2017, tanto na área técnica quanto na universitária. A pedagoga e gestora de carreiras, Andrea Deis, falou para a EBC sobre os desafios para quem está escolhendo um curso ou entrando no mercado profissional nesses tempos de crise econômica.

Áreas promissoras

Por exemplo, quem pensa na área de engenharia, deve buscar especializações em energia e redimensionamento de espaço, como exigência não apenas de 2017 como do futuro para as questões de sustentabilidade e meio ambiente.

Estamos em um momento de ruptura, logo é preciso pensar as necessidades que precisam ser atendidas. As habilidades e competências de ontem podem não estar mais sendo exigidas pelo mercado atual. Por isso, é preciso questionar as suas habilidades, avaliar as necessidades do mercado e as formas como você pode contribuir.

escolher carreira

A área de tecnologia continua em ascensão: inovação, tecnologia, robótica, nanotecnologia, inteligência artificial são campos de hoje e do futuro. Investir nelas é um caminho promissor, já que grande parte dos serviços contemporâneos são feitos com alguma tecnologia.

Outra área boa é ligada à gerontrologia. Há muitos serviços, hoje, voltados para idosos que não são realizados apenas por médicos. Muitos serviços, como o turismo, por exemplo, já oferecem cuidados para esse público, que é cada vez mais crescente e ainda não está sendo devidamente atendido.

Liderança

O líder do futuro, de acordo com Andrea, é aquele que consegue perceber as mudanças e acompanhar as novidades que o público e o mercado exigem.

Embora, hoje, a taxa de desemprego esteja muito alta, há também muitas vagas de emprego a serem preenchidas. Um problema que Andrea destaca é que as vagas de CLT tendem a diminuir. Isso fragiliza muita a situação do trabalhador, que precisa ser multifacetado para atender a flexibilidade do mercado.

Felicidade e adaptação

Avalie bem que carreira faz você se sentir feliz, para que você possa contribuir para a sociedade da melhor forma. Mas, também, considere as suas habilidades de acordo com as necessidades que o mundo exige.

Especialmente indicado para você:

SIGA TEU CORAÇÃO: TUDO É POSSÍVEL, INCLUSIVE SER HIPPIE E MILIONÁRIO

A INCRÍVEL HISTÓRIA DE UM HOMEM QUE DEU A VOLTA POR CIMA, DEPOIS DE TER SOFRIDO UM GRAVÍSSIMO ACIDENTE

EXISTE CRISE DA MEIA-IDADE?